Ácido fosfórico: apesar de baixa em 2016, seu uso é popular no Brasil

Inicio » Agronegócio » Ácido fosfórico: apesar de baixa em 2016, seu uso é popular no Brasil
03/02/2019 Por
Ácido fosfórico: apesar de baixa em 2016, seu uso é popular no Brasil

Ácido fosfórico é popularmente conhecido no Brasil por ser um dos acidulantes mais utilizados na indústria de refrigerantes

A utilização de ácido fosfórico é muito popular no Brasil. Empresas interessadas em melhorar a qualidade de seus produtos procuram usar desta composição.

O ácido fosfórico tem função importante no mercado alimentício, uma vez que seu uso está relacionado a composição de produtos criados a base de cola, como refrigerantes e sucos em pó.

Além disso, o ácido fosfórico tem função importante para os profissionais que trabalham com pinturas em materiais de ferro. Isso porque o orgânico pode ser aplicado como uma espécie de camada protetora para evitar corrosão – dando vida útil ao ferro – e também serve como removedor de ferrugem.

Ácido fosfórico

Alimentos que possuem ácido fosfórico

O uso da substância em refrigerantes e sucos é popular. Entretanto, sua aplicação não fica restrita a isso, e também  aparece frequentemente em alimentos, como:

  • Leite
  • Manteiga
  • Queijo
  • Barras de cereais

Em alimentos que contém lactose, o fertilizante é necessário no controle do PH – deixando o alimento mais adaptável ao paladar de quem o consome.

O uso do ácido fosfórico em bebidas também está relacionado ao aumento da apetite. Porém, na industria farmacêutica, por exemplo, medicamentos como biotônico são indicados para crianças que tem dificuldade de se alimentar. Junto de outras composições, o acidulante ajuda no aumento do apetite.

Com o mercado mundial de alimentos crescendo diariamente, a procura por este orgânico também segue em constante crescimento. De acordo com Associação Nacional para Difusão e Adubos – ANDA,  a China e a Rússia são os maiores importadores do ácido fosfórico.

Sua produção se popularização durante o século XX, porém seu alto valor ainda dificulta negociações com outros países do globo.

Malefícios do ácido fosfórico para a saúde

Embora seja amplamente utilizado na composição de bebidas e alimentos da atualidade, o acidulante ácido fosfórico conta com propriedades que podem gerar complicações e desvantagens ao corpo humano, incluindo:

  • Redução da densidade ósseaAlimentos que possuem alto índice de ácido fosfórico podem ser prejudicial para os ossos, ou seja, podendo trazer problemas como a osteoporose.
  • Problemas renaisO consumo de bebidas com alta taxa deste orgânico pode ser um problema para futuras complicações renais, sendo assim, o pior deles, as pedras nos rins.
  • Diminuição de nutrientes:Inimigo dos nutrientes, eles abaixam o numero das vitaminas do corpo, como o ferro. Dessa maneira podendo trazer futuros problemas para quem o consome com certa frequência.
  • Danos aos tecidos corporais:O costume de se alimentar de produtos com ácido fosfórico pode perigoso para a saúde. A úlcera – lesão nos tecidos do corpo – é um dos maiores problemas quando bastante consumido.

No entanto, o consumo deste ácido inorgânico não é normal para o corpo humano, mas tornou-se natural a ele em função do grande uso da substância nos produtos alimentícios. Segundo pesquisa feita Ministério da Saúde, em 2016, o refrigerante estava na lista dos alimentos mais consumidos pelos brasileiros.

Ácido fosfórico

Após alerta e consciencialização sobre os efeitos causados por produtos que possuam tal acidulante, a população se conscientizou e mudou a perspectiva. Em 2018 foi feita outra pesquisa pelo Ministério da Agricultura e os dados apontaram melhora. O consumo de refrigerantes, por sua vez caíram em 50% em todo o território nacional.

Por fim, o ácido fosfórico não está apenas relacionado aos refrigerantes, entretanto, sua diminuição na compra da bebida é um passo significativo para a qualidade de vida.

Agro20 | Portal Vida No Campo