Agroquímicos e os seus impactos na agropecuária

Inicio » Agronegócio » Agroquímicos e os seus impactos na agropecuária
06/03/2019 Por
Agroquímicos e os seus impactos na agropecuária

Como o uso de agroquímicos pode influenciar na agricultura

O uso de agroquímicos no setor agrícola é bastante comum nos dias de hoje. Capazes de otimizar o cultivo e garantir colheitas fartas e com produtos de qualidade, essas substâncias são alvo de muitos debates.

Embora os seus benefícios sejam evidentes, há uma série de riscos envolvidos no uso de agroquímicos. Dessa forma, muitos não são favoráveis à aplicação desse tipo de fertilizante nos processo agropecuários, dividindo as opiniões de produtores e consumidores.

Agroquímicos usados em plantação de alface

O que são agroquímicos?

Os agroquímicos – também conhecidos como defensivos agrícolas – são as substâncias químicas utilizadas na agricultura e na pecuária com o objetivo de melhorar as condições de criações e otimizar plantações, por exemplo. Na agricultura, sua principal função é no sentido de evitar pragas e manter as plantas, os vegetais e os frutos com força e vigor durante todo o tempo de cultivo – garantindo uma boa colheita.

Por outro lado, seu principal uso na pecuária é voltado para a proteção da saúde e para a higiene dos animais de criações. Tanto na higienização de ambientes como no afastamento de parasitas e vermes, entre outros agentes que possam causar doenças e complicações.

Uso correto de agroquímicos

Grande parte das atividades agrícolas necessita do uso de fertilizantes químicos. Isso porque eles ajudam a manter as plantações, desde a etapa de produção até de colheita para consumo.

Mecanismos próprios para o uso de fertilizantes são necessários. Além disso, o agricultor deve estar protegido por roupas e acessórios que impossibilitem o contato real com agroquímicos. Isso porque a aplicação errada ou sem proteção dessas substâncias pode trazer uma série de consequências.

Por serem os próprios agricultores que aplicam e fazem o manuseio do produto, é importante saber as doses certas e o tipo de aplicação correto. Além disso, é indispensável usar todos os acessórios de proteção e segurança indicados.

Tipos de agroquímicos

Embora o que venha à cabeça quando falamos em agroquímico sejam os produtos aplicados em plantações, há diferentes tipos desse produto e com variadas finalidades. Os agroquímicos são classificados em:

  • Bactericidas: voltado para o controle de doenças causadas por bactérias;
  • Nematicidas: controle de nematóides – filo de animais cilíndricos alongados;
  • Herbicidas: destinados ao controle de sustentabilidade do mato – seu crescimento e combate à pragas;
  • Fungicidas: controle de doenças causadas por fungos;
  • Inseticidas: controle dos insetos;
  • Acaricidas: destinados ao controle de ácaros.

Com o objetivo de proteger seus cultivos, o homem desenvolveu misturas e produtos agroquímicos como pesticidas, praguicidas e defensivos agrícolas para o armazenamento e beneficiamento dos produtos agrícolas.

Hoje, esse tipo de produto também pode ser aplicado nas pastagens, na proteção das florestas e de ecossistemas, a fim de preservá-las de ações nocivas de diferentes agentes naturais.

Agroquímicos usados no cultivo agrícola

Benefícios dos agroquímicos

Embora o cuidado deva ser sempre o máximo quando se interage com esse tipo de substância, os benefícios dos defensivos agrícolas são claros.

  • Controla as alterações de nutrientes nas plantações e garante a boa evolução do cultivo
  • Evita o surgimento e a evolução de pragas que possam ser nocivas para a plantação
  • Barateia todo o processo de produção para o agricultor – e, consequentemente, o custo do produto para o consumidor
  • Otimiza, de maneira geral, a produção agrícola; garantindo colheitas com bons níveis de qualidade e quantidade.

Com isso, fica claro que o uso dos agroquímicos – feito de maneira correta – pode trazer muitos benefícios. E que o cuidado e a segurança devem ser sempre os principais ponto de foco ao utilizar essas substâncias. Isso porque, assim, é possível aproveitar todas as suas vantagens sem que pessoas ou o meio ambiente sejam prejudicados.

2 Replies to “Agroquímicos e os seus impactos na agropecuária”

  • João Vitor disse:

    Excelente artigo, realmente o uso de agroquímicos quando bem feito é um fator chave que permite a escala da produção de modo a reduzir custos para o consumidor final. Só precisamos tomar os devidos cuidados.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo