Babaçu é fonte de alimentação, artesanato, cosméticos e até construção

Inicio » Agronegócio » Babaçu é fonte de alimentação, artesanato, cosméticos e até construção
12/03/2019 Por
Babaçu é fonte de alimentação, artesanato, cosméticos e até construção

Versatilidade do babaçu permite que se aproveite folhas, frutos e tronco da planta

Um Babaçu só começa a dar frutos aos oito anos de idade e alcança sua produção total somente aos quinze. Entretanto, aguardar pelo crescimento vale à pena.

Artesanato, construção e alimentação: as utilidades da palmeira babaçu são incontáveis.

babaçu

O que é babaçu?

Babaçu é uma planta encontrada em diversas regiões do Brasil, principalmente nas regiões Norte, Nordeste e Centro Oeste. Extremante versátil, a palmeira – também chamada de aguaçu ou coco-de-macaco –  pode ser bastante rentável, economicamente.

Da palmeira aguaçu, tudo pode ser extraído. Além das diversas funcionalidades da planta, ela é extremamente resistente aos predadores de semente, como os pássaros. Assim, tem uma capacidade de regeneração e proliferação bastante grandes.

Utilidades da aguaçu

  • Folhas: as folhas transformam-se em palha branca e são usadas na construção civil. Moradores de regiões onde a palmeira existem utilizam a palha para cobrir as moradias. A palha também pode ser utilizada para a produção de artesanato.
  • Amêndoa: do fruto maduro é possível extrair um óleo utilizado em diferentes segmentos da indústria, como fabricação de sabonetes, essência para velas e detergentes. Também é utilizada na indústria alimentícia.
  • Polpa do fruto: quando moído, o fruto vira uma farinha rica em amido. Já a casca pode ser substituta da lenha, ou carvão, ou ainda utilizada como adubo orgânico.
  • Caule: do tronco da palmeira se extrai o palmito, consumido cozido, assado ou em conserva.

Babaçu é medicinal?

Também é comprovado que a palmeira aguaçu tem propriedades medicinais. Entre os seus benefícios, pode-se utilizar como remédio natural para combater a cólica menstrual, constipação, reumatismo, assim como inflamação no útero e ovários.

A palmeira é, portanto, anti-inflamatória e analgésica. As folhas do Babaçu podem ser fervidas e consumidas através de chás.

Babaçu e carnaúba: qual a diferença?

As plantas são da mesma família, pertencem ao grupo das Arecaceae. Também conhecida como “Árvore da Vida”, a carnaúba é um pouco mais baixa do que a Babaçu. Enquanto a primeira mede em torno de 15 metros, a aguaçu é mais alta, podendo chegar até 20 metros de altura.

Ainda assim, as duas espécies oferecem diversos benefícios para o ser humano. A folha da carnaúba possui uma cera bastante utilizada em um amplo mercado.

A cera da carnaúba é um dos ingredientes que compõem ceras de polimento, por exemplo, utilizadas para polir carros, assoalhos, móveis. Também é utilizada na indústria de cosméticos – assim como o Babaçu – na fabricação de cremes e batons.

babaçu

Óleo de babaçu

Um dos produtos extraídos de maior versatilidade é o óleo do babaçu. Na alimentação, o óleo pode substituir a gordura e ser utilizado para fritar e cozinhar alimentos, por exemplo.

Já na indústria farmacêutica e cosmética, a substância pode ser utilizada no combate à caspa – quando misturado ao óleo de andiroba.

Fonte de vitamina E, o óleo também auxilia na cicatrização da pele. Ele auxilia na cicatrização de pequenos cortes, como lábios e calcanhares rachados, ou queimaduras leves. Por fim, produtos derivados do babaçu podem ainda ser aplicados na pele e cabelos, para hidratação.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo