Bisteca é um corte de porco muito comum e apreciado na nossa culinária

Inicio » Agronegócio » Bisteca é um corte de porco muito comum e apreciado na nossa culinária
06/10/2020 Por
Bisteca é um corte de porco muito comum e apreciado na nossa culinária

A bisteca é um prato muito visto em filmes e programas televisivos, tamanha a sua popularidade. Derivada dos suínos, é extremamente popular e muito saborosa quando preparada da forma correta e com os ingredientes certos.

Além disso, a bisteca também faz parte de um dos cortes mais procurados e consumidos quando o assunto é a carne de porco, afinal, é uma carne extremamente saborosa, macia e que pode ser servida com diversos acompanhamentos. Confira!

Bisteca

O que é bisteca?

Bisteca é um corte derivado do carré. O carré nada mais é do que a parte central do dorso do suíno, onde se encontra a costeleta, o lombo e o filé mignon. Logo, a bisteca é o carré fatiado. É um dos pedaços do porco onde se encontra mais sabor, bem como é de fácil preparo e muito macia.

A bisteca é um dos cortes mais vendidos em todo o mundo e, não raramente, é servida com o purê de batata como acompanhamento. A bisteca, assim como a costelinha e outras partes do animal, também possui um melhor sabor e maciez quando derivada do porco doméstico.

Afinal, o mesmo é criado e desenvolvido justamente para que a carne seja feita. Logo, possui uma textura diferenciada em relação a outros criadouros. De qualquer forma, assim como toda carne, é sempre indicado ter uma certa atenção no preparo da bisteca.

A carne de porco, quando crua, deve ser bem lavada e muito bem cozida, não pode ser misturada em alimentos que não serão cozidos e também deve-se higienizar muito bem as mãos antes e depois de manuseá-la.

Os 5 maiores benefícios da carne de porco

A carne de porco está cada dia mais popular na mesa de famílias do mundo todo, principalmente no Brasil. Estima-se que, somente em 2017, mais de 3 milhões de toneladas de carne de porco foram consumidas, somente em nosso país.

Apesar da fama de fazer mal, quando consumida na dosagem certa e da forma correta, a bisteca de porco traz diversos benefícios à saúde.

Benefícios da bisteca

  • Proteínas: muitíssimo rica em proteínas, a carne de porco garante bastante saúde aos músculos do corpo humano, principalmente o coração. Afinal, ela ajuda de forma ativa a melhorar o colesterol do corpo e também diminui a pressão arterial. Além disso, também é rica em vitaminas B1 e B3, que são fontes de energia e fazem com que os exercícios do dia sejam feitos com maior rendimento;
  • Desenvolvimento das crianças: já caiu por terra o mito de que crianças não podem consumir a carne de porco, afinal, possui selênio, zinco e ferro, elementos que são extremamente importantes para o desenvolvimento da criança, seja ele cognitivo, estrutural ou imunológico;
  • Maior prevenção de doenças: por incrível que pareça, quando comparada com as outras carnes, a bisteca tem um nível de sódio bem menor, além disso, a quantidade de potássio é maior. Isso garante um percentual de 10% a 23% de ferro para o consumo diário. Isso significa que a carne de porco ajuda a evitar a anemia;
  • Envelhecimento tranquilo e saudável: é inevitável que, com o tempo, fiquemos mais flácidos por conta da perda de colágeno da pele. Porém, a carne de porco conta com o selênio, que tem a função de proteger o ser humano contra o envelhecimento precoce e, a longo prazo, facilita a chegada na terceira idade com muito mais saúde;
  • Cortes magros: é bem difícil encontrar alguém que goste de comer carnes com cortes gordos. Além de ser prejudicial à saúde, a carne gorda não tem um gosto muito agradável. A maioria dos cortes que são feitos no porco, são magros. Caso não seja, é muito fácil separar a gordura da carne. O lombo, a bisteca e o pernil são os mais indicados para dietas com ingestão controlada de gordura.

Bisteca

As melhores receitas com bisteca

O que deixa a bisteca suína ainda mais saborosa é, sem dúvida, a forma como ela é feita e os temperos que são utilizados. Assim, é possível realçar o gosto da carne e incrementar sabores que antes não haviam sido notados, afinal, a carne de porco tem um sabor marcante e é muito versátil.

Bisteca de porco à milanesa

Para preparar a bisteca de porco à milanesa, você precisará de suco de limão, dentes de alho amassados, sal e pimenta a gosto, 1 xícara de farinha de trigo, dois a três ovos, 1 xícara de farinha de rosca, óleo para fritar e raspas da casca do limão.

Tempere a bisteca à milanesa com o suco do limão, o alho, sal e pimenta. Passe na farinha de trigo, nos ovos batidos e na farinha de rosca com as raspas de limão. Em seguida, frite até dourar.

Bisteca na mostarda

Para elaborar esta receita, são necessárias três colheres de mostarda amarela ou escura, bem como molho de soja, molho inglês e bistecas.

Besunte a bisteca na mostarda com uma mistura feita com o condimento, o molho de soja e o molho inglês. Deixe descansando por 20 minutos, leve à churrasqueira e deixe dourar dos dois lados. Sirva em seguida.

Bisteca

Bisteca caipira

A bisteca caipira é feita com suco de limão, caldo de carne em cubo, 2 xícaras de água fervente, óleo, cebola, tomate sem semente, 500g de mandioca em rodelas e salsa picada.

Pegue as bistecas e tempere com o suco de limão e o caldo de carne dissolvido, deixando então descansar por meia hora. Em fogo médio, aqueça o óleo, frite a bisteca até dourar e reserve em um prato. Na mesma panela, refogue a cebola, coloque os tomates, a água fervente e a mandioca. Deixe cozinhar em fogo baixo por 10 minutos ou até a mandioca ficar macia.

Depois, você deve colocar o refogado sobre as bistecas e polvilhar com a salsa. É indicado servir com arroz branco e couve refogada ou couve em salada. Também é possível fazer essa receita com a bisteca de porco na panela de pressão.

Bisteca de porco grelhada

Será necessário suco de limão, dentes de alho amassados ou picados, pimenta do reino moída, sal, alecrim e chimichurri.

Tempere a bisteca com todos os ingredientes, cubra com plástico filme e deixe na geladeira por, mais ou menos, 4 horas. Depois, basta grelhar ou fritar e servir a bisteca de porco grelhada, mas jamais mal passada.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo