Cerveja escura reúne fãs com aromas e sabores diversificados

Inicio » Agronegócio » Cerveja escura reúne fãs com aromas e sabores diversificados
13/10/2020 Por
Cerveja escura reúne fãs com aromas e sabores diversificados

Com vários estilos, a cerveja escura apresenta também muitos sabores e aromas diferentes. Usada inclusive como bebida energética, a cerveja escura, ou Malzbier como também é conhecida, apresenta várias opções de aromas e sabores.

Apreciada por uns e detestada por outros, são inúmeras variações de cerveja escura que pode-se encontrar no mercado, como Malzbiers, Schwarzbier, Dunkel, Stouts, dentre outras, que conhceremos um pouco a seguir.

Cerveja escura te essa cor devido ao caramelo em sua composição

O que é cerveja escura?

A cerveja escura é um tanto diferenciada das demais. Além da cor, ela é adocicada e possui baixo teor alcoólico, com cerca de 3% a 5%, mas podendo chegar a apenas 1% de teor alcoólico.

Sua fermentação é igual as de outras cervejas normais, porém, a fermentação do levedo é em torno de 0°C. O CO2 e o açúcar são adicionados depois.

Usada inclusive como bebida energética, esse tipo de cerveja geralmente são do tipo american pale lager, que, após ser filtrada, são adicionados xarope de açúcar e caramelo, por isso apresentam a cor escura – que nesse tipo de cerveja não vem do malte tostado – e o sabor mais doce.

Apesar da origem alemã, em terras germânicas essa bebida é considerada apenas uma bebida energética, pelo seu baixo teor alcoólico.

Porém, no Brasil, a cerveja escura tem muitos apreciadores, tanto que várias cervejarias apostam nessa produção.

Conheça alguns tipos de cerveja Malzbier:

  • Schwarzbier: de origem alemã, é feito com malte suave. É um pouco mais seca, mas também refrescante;
  • Strong Dark Ale: essa, de origem belga, apresenta uma fermentação um pouco mais forte;
  • Strong Scotch Ale – parecida com a Strong Dark Ale, o malte fica mais perceptível. Seu processo de fermentação ocorre em temperaturas mais altas;
  • Dunkel: com teor alcoólico de média intensidade, seu sabor traz o malte mais presente.

Benefícios da cerveja escura

  • Auxilia nas funções cardíacas e ajuda na circulação do sangue no organismo;
  • Ajuda a prevenir a formação de coágulos no sangue;
  • É uma fonte de energia;
  • Possui antioxidantes naturais.

Lembrando que existem escuras dentro dos dois grandes grupos, das Lagers (com baixa fermentação) e das Ale (com alta fermentação). Por isso, apresentam várias composições, sabores e aromas. No Brasil, a maioria das cervejas escuras estão no grupo das Lagers.

Como outro exemplo, duas cervejas escuras da família Ale que fazem sucesso são as britânicas Porters e Stouts.

  • Porter: apresenta um sabor que lembra café e até chocolate, que são conferidos pelo malte tostado, com espuma mais espessa.
  • Imperial Stout: de origem inglesa, apresenta variedades com teor alcoólico mais alto que as demais, entre 10% a 12%.

Cerveja escura tem baixo teor alcoólico

Atualmente, uma das marcas de cerveja escura mais conhecidas é a Caracu. Suas principais características são seu sabor mais encorpado e o aroma do malte tostado, lembrando o café. A Caracu não passa pela filtragem, por isso acaba sendo inclusive mais nutritiva, com leveduras e proteínas.

Assim, fica uma dica de harmonização: a cerveja escura vai bem até com doces como chocolates e sobremesas. Com salgados, as Porters são mais indicadas, para acompanhar carnes por exemplo. Agora, é só escolher a sua preferida para saborear e brindar, sempre com moderação!

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo