Equilíbrio térmico é fundamental para bem-estar dos animais

Inicio » Meio Ambiente » Equilíbrio térmico é fundamental para bem-estar dos animais
12/03/2019 Por
Equilíbrio térmico é fundamental para bem-estar dos animais

Equilíbrio térmico é um fenômeno que acontece naturalmente. Ele ocorre na troca de temperaturas entre corpos ou objetos

Equilíbrio térmico é o ponto de equilíbrio entre a temperatura de dois corpos, ou objetos. Naturalmente, existe uma troca de calor entre corpos com temperaturas diferentes. Um objeto quente, por exemplo, transfere calor para um objeto mais frio.

O equilíbrio térmico acontece quando os corpos chegam a uma mesma temperatura, e não ocorre mais esta troca.

Equilíbrio térmico

O que é equilíbrio térmico?

O equilíbrio térmico é a troca de temperatura (ou energia calorífica) de um corpo para o outro. Durante esta troca, o corpo mais quente perde energia, enquanto o corpo mais frio ganha. Esta transferência de calor ocorre de forma espontânea.

Um exemplo deste fenômeno pode ser constatado ao se misturar líquidos de temperaturas diferentes. Ao colocar água fervendo no mesmo recipiente que a água gelada, é natural que o líquido mais quente transfira energia térmica para o mais frio. Desta forma, quando a água ficar totalmente morna significa que o líquido atingiu o seu equilíbrio térmico.

Como ocorre o equilíbrio térmico com seres vivos?

Da mesma forma que os objetos trocam calor, os organismos também interagem com o meio. Este mecanismo responsável por equilibrar as funções do corpo e, consequentemente, manter o equilíbrio térmico corporal se chama homeostase. Ao conservar sua temperatura normal, o corpo garante que suas funções se desenvolvam normalmente e o organismo funcione conforme o esperado.

A temperatura de um corpo, sendo ser humano ou animal, depende de alguns fatores. São eles:

  • Temperatura exterior
  • Relações entre corpo e temperatura

Ou seja, o equilíbrio térmico do corpo sofre interferência direta da temperatura externa. Se a temperatura ambiente estiver muito elevada, o corpo deve encontrar meios de manter sua temperatura natural. O mesmo, portanto, ocorre com temperaturas muito baixas.

Para manter seu funcionamento, então, o corpo encontra formas de se aquecer e manter o equilíbrio térmico. Isso pode ocorrer através da alimentação, atividade física, ou no calor do sol, por exemplo.

Relação entre temperatura e criações agropecuárias

Por ser um país continental e de características tropicais, as criações de animais podem variar bastante de uma região para outra do Brasil. Se em um local faz muito frio no inverno, como no Sul, em outras regiões a temperatura pode chegar nas alturas no verão – como no Nordeste.

Sendo assim, as propriedades rurais devem se adequar e ajudar no equilíbrio térmico dos planteis. O estresse térmico pode ser um fator bastante prejudicial em uma criação. A temperatura afeta diretamente na produtividade de aves de corte, gado, cabras e cabritos, por exemplo.

Equilíbrio térmico

Foco no bem-estar animal

Uma das maneiras de garantir o equilíbrio dos animais é lhes oferecendo conforto e bem-estar. O desequilíbrio dos animais com o ambiente pode causar problemas sérios, como doenças, ou até a morte.

  • Sombras naturais: plantar árvores no pasto ou ao redor das instalações podem ajudar na troca de temperatura dos animais. Assim, oferecem mais sombras e mantêm o ambiente fresco
  • Ventilação: o vento natural pode ser benéfico para o plantel, por isso, é importante avaliar a posição das instalações antes da construção. Além disso, alguns ambientes também podem fazer uso da ventilação artificial ou da nebulização, que dissipa uma nuvem de água sobre o espaço.
  • Instalações: os galpões devem ser abertos, limpos e arejados – medidas que auxiliam no equilíbrio térmico. Em locais muito frios, também devem proteger os animais de geadas ou temperaturas muito baixas.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo