Kellogg’s é gigante norte-americana que passa por nova fase no Brasil

Inicio » Agronegócio » Kellogg’s é gigante norte-americana que passa por nova fase no Brasil
18/10/2019 Por
Kellogg’s é gigante norte-americana que passa por nova fase no Brasil

A Kellogg’s, uma empresa produtora de alimentos, passa por uma nova fase no território nacional

Centrada na comercialização de cereais matinais como os famosos Sucrilhos, Froot Loops e Corn Flakes, a Kellogg’s possuía um trabalho relativamente discreto no Brasil.

Essa situação passou a ser alterada no ano de 2016. Isso porque a Kellogg’s optou pela aquisição da companhia nacional Parati. A nova sede da organização montada na cidade de São Paulo acabou também por salientar o objetivo de alcançar novos espaços, segmentos e categorias a partir do mercado brasileiro.

Kellogg's

O que é Kellogg’s?

Kellogg’s é uma marca multinacional. Todavia, se trata de uma empresa de porte limitado no país. Hoje em dia, o empreendimento conta com processo produtivo em 18 nações e comercializa com mais de 180 países.

A renda mundial foi de cerca de 13 bilhões de dólares em 2018. Essa quantia representou um aumento de 5% em comparação com o desempenho no ano anterior.

Com a compra da Parati, a empresa Kellogg’s simplesmente quintuplicou a sua dimensão e a possibilidade de produzir no Brasil. Anteriormente, o negócio registrava cerca de 400 funcionários e a quantia saltou para mais de 4 mil.

Sucrilhos Kellogg’s

Todavia, o hábito de consumir cereais ainda é muito pequeno entre os brasileiros. O mercado movimenta cerca de 1,8 bilhão de reais, de acordo com a Euromonitor. Entretanto, esse montante pode alcançar até 2,2 bilhões de reais em vendas até 2023.

É um nicho já consolido e muito bem resolvido, ou seja, com certa margem para atrair novos clientes.

Kellogg's

Em contrapartida, o setor de biscoitos salgados contabilizou quase 8 bilhões de reais em vendas apenas em 2018. Já os doces conseguem ser ainda mais lucrativas no mercado brasileiro. A comercialização de produtos beirou os 19 bilhões de reais, também em 2018. Sem dúvidas, números bastante expressivos.

Mas, a Kellogg’s, referência no nicho de cereais, como o Sucrilhos Kellogg’s, necessita evoluir consideravelmente para se aproximar dos principais players do segmento de doces no cenário nacional.

A M Dias Branco, detentora da Adria, Vitarella e Puro Sabor, por exemplo, concentra um quarto do mercado de doces e um quinto do segmento de doces. Já a Kellogg’s está na oitava posição, com 2,3% e 1,3% do nicho, respectivamente. Lembrando que todas as informações são da Euromonitor.

Isso significa que ainda é necessário muitos esforços da Kellogg’s para se solidificar no ramo dos doces.

Nos dias de hoje, as vendas nacionais são 50% de bolachas, 25% de cereais e o restante distribuído entre outras categorias. Nos últimos 24 meses, a companhia aumentou significativamente o seu faturamento anual.

O crescimento de receitas na América Latina ficou baixo em 2018, de 0,5%. Portanto, o Brasil, juntamente ao mercado mexicano, se destacou a nível continental.

Kellogg's

Kellogg’s Brasil e a compra da Parati

A compra da Parati representou o principal movimentou na América do Sul visando novos itens e consumidores. A Kellogg’s Brasil estava fixada na região sudeste, sobretudo no estado de São Paulo. Após a aquisição, a empresa conquistou um interessante espaço no Sul do país.

Afinal, se sucedeu um investimento de 200 milhões de reais no aprimoramento da fábrica em Santa Catarina. O intuito da ação da Kellogg’s foi se ajustar às novas metas de expansão no Brasil.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo