Taturana preta é uma espécie muito tóxica de lagarta

Inicio » Agricultura » Taturana preta é uma espécie muito tóxica de lagarta
30/10/2020 Por
Taturana preta é uma espécie muito tóxica de lagarta

A taturana preta é muito encontrada no sul do Brasil. Também conhecida por marandová, tromba de elefante e lagarta cachorrinho, a taturana preta pode ocasionar graves acidentes quando entra em contato com a pele humana.

Por isso, não se pode tocar na taturana preta e é preciso ficar atento aos sinais caso o contato ocorra, pois a lesão pode evoluir e necessitar de atendimento médico.

Taturana preta

O que é taturana preta?

Taturana preta é uma espécie de lagarta que, além da fase onde é uma taturana, também passa pelas fases de mariposa e borboleta.

Antes de mais nada, é possível encontrar vários tipos de taturana, sendo que algumas deles são mais venenosos que outros, como o tipo Lonomia.

As lagartas desse tipo são as que possuem maior perigo e que podem ocasionar acidentes sérios, inclusive ocasionando a morte.

No entanto, a taturana preta pertence ao tipo Podalia, que não é o mais venenoso, mas é considerado perigoso e também merece grande atenção.

Além disso, os acidentes com a taturana preta acontecem quando a pele humana entra em contato com as cerdas da taturana. Nessa parte do corpo ela possui o veneno que pode causar uma série de reações no organismo humano.

A taturana preta muitas vezes é chamada de taturana gatinho ou cachorrinho justamente pelo aspecto que possui, como se tivesse pelos que lembram o pelo de um gato ou cachorro.

Ademais, se você está se perguntando se a taturana queima, popularmente se diz que quem tocou em uma taturana sofreu uma queimadura. Mas não é o que acontece, de fato, pois o que ocorre é uma dermatite.

Fases da vida da taturana

A taturana passa por algumas fases, nem sempre é vista na forma de taturana. Inicialmente o animal tem a fase de pupa e ova, mas nessas fases ele é indefeso.

É na fase de lagarto, chamada de fase larval, que o problema acontece, pois é aí que desenvolve as cerdas, parte do corpo que contém o veneno prejudicial à saúde.

Depois de alcançar a fase larvar, o animal passa para a fase adulta, quando vira uma mariposa.

Em geral, nessa fase, também não há mais perigo. No entanto, é preciso saber das espécies para conseguir identificar de qual se trata e garantir que a mariposa não oferece riscos.

Além disso, alguns tipos de mariposas, como as fêmeas do gênero Hylesia, ainda apresentam cerdas na parte do abdômen e podem oferecer riscos à saúde. Portanto, todo cuidado é pouco.

Taturana preta

Consequências do contato com taturanas

Ao entrar em contato com a taturana preta ou lagarta de fogo, como também costuma ser chamada, ela causa dermatite papulopruriginosa.

Essa dermatite causa uma sensação que se assemelha a uma queimadura, por isso, muitas vezes é comum dizer que se teve uma queimadura por contato com uma taturana preta.

Ademais, quando acontece o contato com as cerdas do corpo desse animal, o veneno é injetado no organismo da pessoa, o que pode causar reações como:

  • Dor intensa no local;
  • Dor que irradia para outras regiões do corpo;
  • Pontos eritematosos com coloração de sangue;
  • Náusea e vômito;
  • Dor de cabeça;
  • Sangramento de gengiva;
  • Ocorrência de sangue na urina.

Os dois últimos sintomas geralmente ocorrem mais em casos de contato com as espécies de Lonomia.

Ademais, a taturana preta pode ocasionar, ainda, sintomas como choque ou estresse respiratório, mas somente nos casos mais intensos.

Tratamento para queimada de taturana

Caso aconteça de você ter contato com a taturana preta ou outro tipo, ou então caso veja alguém sofrer uma queimadura de taturana, como se fala popularmente, o indicado é procurar atendimento de saúde no local mais próximo.

Além disso, muitas vezes, tratar apenas com algum medicamento para controlar e diminuir a dor já é o suficiente. Compressas geladas ou frias podem ajudar na sensação de queimação e dor.

No entanto, nos casos da taturana venenosa do tipo Lonomia, pode ser que haja necessidade de aplicação de soro antilonômico.

Esse soro é feito a partir das cerdas da taturana e o único local que produz esse soro, no mundo todo, é o Instituto Butantan, em São Paulo.

Taturana preta

O que fazer em caso de acidente com taturana?

Em caso de acidentes com uma taturana venenosa, algumas ações são indicadas.

Primeiro, você pode lavar o local onde ocorreu o contato. O ideal é lavar com água gelada ou fria e sabão.

Depois, como já dito antes, é sempre bom procurar atendimento médico, pois nem sempre se sabe qual o tipo da taturana que causou o acidente.

Além disso, sempre que for possível encontrar o animal que teve contato, pegue a taturana de forma segura e leve junto. Sem dúvida, isso pode auxiliar muito para que os profissionais da saúde identifiquem qual taturana é e se há necessidade de aplicar o soro.

Há algumas orientações também sobre coisas que não devem ser feitas em hipótese alguma, pois podem piorar a situação. Veja:

  • Coçar o local;
  • Ingerir bebidas alcoólicas ou qualquer líquido contendo álcool;
  • Aplicar substâncias no local do contato, como álcool, ervas, cremes ou qualquer outra substância natural ou química;
  • Realizar qualquer tipo de torniquete ou garrote;
  • Fazer sucção, espremer, queimar ou furar.

Qualquer tentativa de melhorar a queimadura causada taturana preta pode prejudicar ainda mais o local e dificultar o processo de melhora. Por isso, sempre procure um serviço médico imediatamente.

Primeiras medidas ao ser queimado por taturana

Dessa forma, existem diversos tipos de taturanas e, como pode ser difícil identificar no ato do acidente qual o tipo se trata, é sempre bom procurar auxílio médico.

Ademais, em caso de contato com a taturana preta, não se esqueça de lavar o local com água e sabão e não utilizar nada mais.

Fazendo isso e procurando o serviço médico mais próximo, com certeza você estará facilitando o trabalho da equipe médica e, assim, possibilitando que o melhor tratamento seja dado à situação.

Por isso, tente manter a calma ou tente passar tranquilidade caso precise ajudar alguém nessa situação. Muitas vezes, os sintomas causados pela taturana preta irão passar em pouco tempo, por isso, não é preciso criar tanto pânico.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo