Bioconstrução é opção para casas mais sustentáveis no país

Inicio » Meio Ambiente » Bioconstrução é opção para casas mais sustentáveis no país
26/04/2019 Por
Bioconstrução é opção para casas mais sustentáveis no país

Bioconstrução é oportunidade para reunir sustentabilidade e ecologia na construção de moradias

A bioconstrução vem recebendo maior reconhecimento entre as opções de construções mais naturais no meio rural. Isso porque vantagens como economia a longo prazo e maior sustentabilidade diferem a bioconstrução de outros segmentos do setor.

A redução de custos e de desperdício também são fatores importantes nas obras da bioconstrução. Por isso, optar por matérias-primas e recursos naturais, como é o caso do bambu, contribui para uma produtividade mais lucrativa.

Exemplo de bioconstrução

O que é bioconstrução?

Bioconstrução é a construção sustentável que causa o mínimo de impacto ambiental, tanto na construção quanto na escolha dos materiais a serem utilizados. A preocupação com o meio ambiente é, portanto, o ponto principal da bioconstrução, além da reutilização de resíduos e da redução de matéria-prima. Suas técnicas são:

  • Coberturas vegetais
  • Eco Saneamento
  • Fibras renováveis
  • Mosaicos
  • Terra

A bioconstrução se preocupa com a coleta de águas pluviais, uso de não-poluentes, fontes de energia renováveis e com a preferência pela utilização da iluminação natural. Dessa forma, as construções sustentáveis armazenam água das chuvas e fazem uso da energia solar.

Bioconstrução e permacultura

Entre os desdobramentos da bioconstrução está a permacultura, que colabora para que os ideais sustentáveis estejam dentro de todo planejamento.

Permacultura – ou cultura permanente, como é conhecida – é a conexão da natureza com as pessoas que estão inseridas nela. Assim, essa ideia também é considerada um estilo de vida, e engloba três princípios morais como base:

  • Cuidar da terra
  • Cuidar das pessoas
  • Cuidar do futuro

Estes princípios consistem em analisar aspectos como a ecologia e a forma ecológica de interação com as pessoas, por exemplo. Dessa forma, agindo sempre em prol da natureza e realizando o ciclo permanente (tudo que for retirado da natureza deverá voltar para ela).

Há também princípios de planejamento que desenvolvem-se no meio desta conexão. São eles:

  • Observar e interagir
  • Captar e armazenar energia
  • Obter rendimento
  • Praticar a autorregulação e aceitar feedbacks (positivos e negativos)
  • Usar e valorizar os serviços e recursos renováveis
  • Não desperdiçar
  • Design partindo de padrões
  • Fazer integração
  • Optar por pequenas e lentas soluções
  • Valorizar e usar a diversidade
  • Usar os limites
  • Responder às mudanças de forma criativa

Construção sustentável na bioconstrução

Em construções sustentáveis os aspectos sociais, econômicos e ambientais são levados em consideração. Assim, novas técnicas com uso de tecnologia foram implantas em construções sustentáveis e mais modernas, para maior aproveitamento e menor impacto ambiental.

Uma construção sustentável se resume em:

  • Planejar a obra integrada
  • Administrar e economizar água
  • Integrar a construção com a vizinhança
  • Aproveitar os recursos naturais
  • Administrar resíduos
  • Qualificar o ar do ambiente interno
  • Preservar a saúde da população
  • Realizar manutenção
  • Responsabilizar-se socialmente
  • Administrar o uso de tecnologias que causem menos impacto ambiental

Bioconstrução

O uso do bambu na bioconstrução

O bambu usado na bioconstrução apresenta-se como um dos recursos naturais mais favoráveis para as construções elaboradas. Isso porque uma de suas principais características é a forma como se renova rapidamente na natureza.

A construção de bambu pode ser usada para proteção, estruturação e cobertura. Além disso, também pode estar presente nos móveis e nos tecidos, contribuindo também para a indústria têxtil.

A visibilidade das construções feitas a partir do bambu tem crescido no país e no mundo. Classificado como matéria prima e recurso renovável, o bambu já está inserido nas produções da bioconstrução com o intuito de substituir matérias ofensivas ao meio ambiente. Além disso, ele contribui para a redução do impacto ambiental e faz diferença na estética e no paisagismo do local.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo