Estrato são camadas rochosas que formam a crosta terrestre

Inicio » Meio Ambiente » Estrato são camadas rochosas que formam a crosta terrestre
20/03/2019 Por
Estrato são camadas rochosas que formam a crosta terrestre

No estrato estão todas as camadas e formações sedimentares que compõem a superfície da Terra

Através do estrato é possível estudar os diferentes materiais que compõem o solo e o subsolo. Estas camadas carregam a história geológica de determinada região.

O estrato surge ao longo dos anos, quando a água e o vento carregam partículas sedimentares pela superfície terrestre. As camadas inferiores são as mais antigas. Já as mais superficiais, portanto, são mais novas.

Estrato

O que é estrato?

Estrato, dentro da geologia, é o nome que se dá para as diversas camadas rochosas encontradas na terra. Também chamados de estratos geológicos ou estratos rochosos, são, assim, compostos por rochas sedimentares com características distintas.

A preservação e o estudo destas camadas é importante pois, através delas, é possível analisar os registros fósseis de uma região. O estrato de um local, portanto, pode contar sua história geológica.

Os estudiosos de camadas rochosas conseguem descobrir a idade de determinados estratos e o tipo de ambiente que deu origem à determinadas rochas.

Como são os estratos?

As camadas rochosas podem ter espessuras variadas, desde poucos centímetros até vários metros de extensão e profundidade.

Assim, os estratos se sobrepõem conforme a idade: a camada mais antiga, então, será aquela mais abaixo do solo. As camadas mais novas e recentes estarão próximas à superfície.

Detalhes do subsolo

As camadas rochosas se diferenciam umas das outras por algumas características, como:

  • Qualidades físicas
  • Conteúdo fossilífero
  • Espessura
  • Posição: como direção, inclinação
  • Cor
  • Composição de minérios
  • Granularidade

O que é estratificação?

É chamado de estratificação a disposição paralela das rochas em camadas. Ou seja, ao longo do tempo os sedimentos vão sendo depositados por efeito de gravidade de forma horizontal. Os estratos, portanto, podem levar centenas e até milhares de anos para serem formados.

Os principais transportadores de sedimentos são a água e o vento, que vão agindo ao longo dos anos movimentando as partículas de lugar. Contudo, conforme o tempo e a geografia eles vão perdendo a capacidade de movimento. Quando isso acontece, então, ocorre a sedimentação dos grãos e minerais, dando origem aos estratos.

Conhecendo a estratigrafia

Para estudar estes fenômenos existe a estratigrafia: um ramo dentro da Geologia que faz a reconstituição da história através de estudos geológicos. Assim, para estabelecer relações entre diferentes regiões são realizadas as análises dos estratos.

Podemos entender, então, que a estratigrafia é o estudo e a descrição de todas as rochas que formam a crosta terrestre. É a ciência que também estabelece a distribuição das camadas rochosas no espaço. Ela trata:

  • Das formas das rochas
  • Arranjos e disposições geográficas dos sedimentos
  • História geológica da Terra, conforme a interpretação ambiental e genética das rochas

Estrato

Curiosidades sobre a palavra estrato

Além de abordar as camadas rochosas da terra, a palavra também tem outros significados. O termo estrato ainda pode ser utilizado para classificar os indivíduos a partir de seu perfil sócio-econômico. Por exemplo: em uma pesquisa social se utiliza uma taxa de representantes de determinado estrato social.

Outra forma de se utilizar a palavra estrato é em referência à meteorologia. Nuvens baixas de coloração acinzentada, então, também são nomeadas como estratos.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo