A horta urbana oferece produtos sustentáveis nas cidades

Inicio » Agricultura » A horta urbana oferece produtos sustentáveis nas cidades
12/02/2019 Por
A horta urbana oferece produtos sustentáveis nas cidades

Como a horta urbana favorece a produção

Considerada importante para manter um vigoroso equilíbrio verde entre as cidades, a horta urbana se tornou uma opção viável.

A horta urbana pode originar ganhos ambientais, sociais e culturais. Dessa forma, é importante que a atividade seja cada vez mais valorizada para preservar a natureza e os produtos naturais oferecidos por ela.

Horta urbana em domicílio.

O que é horta urbana?

A horta urbana – também conhecida como agricultura urbana – é o cultivo praticado em uma cidade ou metrópole. É uma atividade pública ou privada, ou seja, pode ser realizada em parques e praças ou em terrenos, jardins e quintais domiciliares.

É caracterizada como uma atividade voltada principalmente para consumo próprio. Embora alguns agricultores optem por pequenas vendas, a horta urbana não tem como foco a produção de alimentos para comercialização e consumo externo.

Visando uma produtividade saudável e sem contribuições para maior poluição do território urbano, a produção não faz uso de defensivos e fertilizantes. São produzidos alimentos orgânicos e propícios para o trabalhador, consumidor e meio ambiente.

Algumas das vantagens oferecidas pela horta urbana são:

  • Aumento de zonas vegetativas;
  • Proteção para menor emissão de calor;
  • Reutilização da matéria orgânica utilizada para adubo;
  • Preservação do ciclo natural de pássaros e insetos;
  • Alimentos de fácil alcance aos produtores – sem a necessidade de espera do transporte de mercadorias vindas da zona rural;
  • Por visar uma produção saudável, consequentemente oferece melhores hábitos alimentares;
  • Preservação da natureza por meio de sistemas agrícolas mais sustentáveis – como fertilizantes orgânicos e adubos minerais;
  • Oferece auxílio à segurança local e inclusão social entre os moradores que consistem pela atividade;
  • São grandes aliados para o silêncio – o abafo dos sons pode ser causado pela alta quantidade de vegetação;
  • É uma alternativa econômica – ter seu próprio cultivo é mais barato do que comprá-las em mercados ou feiras.

Tipos de horta existentes para alta produtividade

  • Horta tradicional: consiste em todo cuidado com o solo, adubo e irrigação para produção de hortaliças – verduras e legumes; normalmente utiliza fertilizantes químicos. Faz parte da atividade comercial, ou seja, os produtos cultivados são revendidos ao invés de servirem apenas para consumo interno.
  • Horta orgânica: para manter a preservação do território e manter uma produção natural, não faz uso de produtos químicos ou industrializados – como pesticidas, inseticidas ou adubos modificados;
  • Horta suspensa: visualmente parecida com a horta vertical, é realizada em prateleiras, suspensórios ou mesas adaptadas para cultivo. É mais realizada por pessoas que não têm possibilidade de realizar cultivos no solo, pela necessidade frequente de abaixar e levantar.
  • Mini horta: mais comum em prédios ou casas pequenas, oferece produtos cultivados em vasos ou garrafas pet. São normalmente deixados em sacadas e janelas para que tomem a quantidade de sol necessária para seu desenvolvimento e riqueza de nutrientes.
  • Horta doméstica – ou horta caseira: realizada dentro de casa, em quintal ou terreno, é cômodo para produções pequenas para o dia a dia – como alface, tomate, frutas e temperos. Além disso, é uma ótima oportunidade para colocar em prática a técnica de horta vertical.

A horta urbana vertical é constantemente utilizada em locais de pouco espaço. Colocadas em paredes, podem ser adaptadas em garrafas pet – a reutilização ajuda, em dobro, a preservação da natureza, em vasos suspensos feitos de madeira ou plástico presos a resistentes cordas ou colocadas em prateleiras de madeira.

Horta urbana vertical faz uso de garrafas pet para incentivo à reciclagem.

Por fim, a horta urbana também favorece o conceito de boa vizinhança e coletividade. Além disso, oferece um ambiente mais agradável, verde e leve que pode ajudar a amenizar os estresses causados pelo caos das grandes cidades no dia a dia.

Agro20 | Portal Vida No Campo