In Natura: Entenda as vantagens de consumir e produzir estes alimentos

Inicio » Agricultura » In Natura: Entenda as vantagens de consumir e produzir estes alimentos
27/02/2019 Por
In Natura: Entenda as vantagens de consumir e produzir estes alimentos

Alimentos in natura mais comuns do mercado são: leite, grãos, frutas, verduras e legumes

Os chamados in natura são os produtos não passaram por nenhum tipo de alteração, ou seja estão da mesma forma de quando foram retirados da natureza.

Do plantio à mesa dos consumidores, alimentos in natura são uma ótima pedida para quem está à procura de melhoras na dieta.

Nos supermercados, os alimentos in natura estão geralmente localizados no setor de feira entre os corredores.

Longe das batatinhas fritas em saquinhos, das bolachas recheadas, dos sucos em pó de saquinhos e dos pães doces.

alimentos in natura

O que é in natura?

In natura é todo tipo de produto que permanece em seu estado natural, como quando acabou de ser retirado da natureza.

Os chamados alimentos naturais (ou in natura) estão nas listas de todos os nutricionistas, clínicos gerais e até mesmos dos psicólogos.

Portanto, seus benefícios são a própria definição de qualidade de vida.

Por isso, são usados tanto para dietas em busca da boa forma como para garantir a saúde do corpo e mental.

As vantagens em consumir estes alimentos 100% naturais destacam uma lista imensa de benefícios à saúde de seu consumidor.

Além de promover melhor absorção de nutrientes como vitaminas, fibras e sais minerais, estes alimentos também  auxiliam em outros setores do nosso corpo.

Promovem melhor funcionamento da flora intestinal, mais disposição e energia, bom humor e maior fluxo de sangue no cérebro e dentre outros.

Principais alimentos in natura

  1. Carne fresca
  2. Leite
  3. Grãos
  4. Nozes
  5. Legumes
  6. Frutas
  7. Hortaliças
  8. Raízes
  9. Tubérculos
  10. Chás
  11. Café
  12. Infusão de Ervas

Embora existam também os alimentos in natura minimamente processados, ou seja, aqueles que sofrerem poucas mudanças, ainda são parte do grupo.

Portanto, ao passarem pela indústria, a colheita recebe uma limpeza.

Os alimentos são moídos e algumas vezes até pasteurizados – como é o caso de alimentos líquidos e pastosos, por exemplo:

  1. Sucos de frutas
  2. Molho de tomate
  3. Leite
  4. Sopas
  5. Cremes
  6. Frutas enlatadas (pêssego, ameixa, etc.)

plantação de alimentos in natura

Tendo em vista o atual cenário do mercado consumidor no Brasil, os alimentos industrializados têm ganhado destaque cada vez maior nas prateleiras dos supermercados.

Entretanto, é claro dizer que este tipo de alimentação a partir de processamentos carrega grandes malefícios à saúde.

Além de conterem quantidades absurdas de açúcar, sódio e gordura, os alimentos processados são responsáveis pelos sintomas do maiores males do século XXI.

Tais sintomas incluem:

  1. Hipertensão
  2. Propensão a diabete
  3. Obesidade
  4. Câncer

Portanto, fazer a troca dos industrializados e ultra industrializados , é importante.

Para o agricultor, as vantagens de produzir tais alimentos são muito grandes.

A quantidade de empresas estão à procura de plantação in natura é a que mais cresce no mercado.

A produção é feita de maneira que deixe os alimentos não tenham alteração.

O agricultor deve se atentar em investir em uma plantação ecológica e longe de agroquímicos para que seja realmente in natura.

O lucro é certeiro e muitas empresas investem grande receita em agriculturas naturais em busca de qualidade dos alimentos.

Investir em produção de alimentos in natura exige muito cuidado e é trabalhoso, entretanto, as vantagens vão além de uma boa renda.

Agro20 | Portal Vida No Campo