Jiboia é uma cobra que, quando adulta, pode pesar até 15kg

Inicio » Meio Ambiente » Jiboia é uma cobra que, quando adulta, pode pesar até 15kg
19/10/2020 Por
Jiboia é uma cobra que, quando adulta, pode pesar até 15kg

Das onze subespécies existentes no mundo de jiboia, apenas duas se encontram no território brasileiro. O seu tamanho certamente assusta. Faz parte da maior família de cobras do mundo, não de quantidade, mas de tamanho mesmo. No entanto, essa presença notável faz com que se alimente temores que se mostram infundados.

Um deles é sobre a periculosidade da jiboia em relação aos humanos. Outro temor divulgado é sobre o suposto veneno que introduz em suas vítimas. Há também quem acredite que a jiboia quebre os ossos de suas presas para depois ingeri-las. Muitas histórias cercam esse réptil que, a despeito dos temores que possa provocar, é fascinante.

Jiboia

O que é jiboia?

Jiboia é um réptil da família Boidae, família conhecida por ter as maiores serpentes do planeta. No mundo existem 11 subespécies de jiboia. No Brasil, se encontram apenas duas, contudo, são consideradas a segunda maior espécie existente em todo o território nacional.

Seu nome científico é Boa constrictor. Constrictor vem de “constrição”, o modo como essa espécie de réptil mata as suas presas.

Usando a forte musculatura de seu corpo, a jiboia se envolve na sua vítima, cercando-a com o seu longo corpo e então apertando, até que não consiga mais respirar.

No entanto, apesar do que muitos acreditam, a jiboia não chega a quebrar os ossos de suas vítimas, na verdade, o seu objetivo não é esse, pois não é necessário chegar a tanto. Com o seu forte aperto, a vítima não demora muito a perder a respiração e vir a desfalecer.

Outro detalhe importante que vai de encontro à tese de que quebre os ossos de sua vítima é que a jiboia faz questão de começar a ingerir a sua caça – ela come o corpo inteiro – pela cabeça, pois isso impede que os membros abram-se e causem problemas na deglutição.

Os tipos de jiboia encontradas no Brasil são:

  1. Boa constrictor amarali: chega a medir 2,4 metros de comprimento, encontrada principalmente na região do Cerrado;
  2. Boa constrictor constrictor: chega a medir 4 metros de comprimento, de coloração variável. Verifica-se sua presença em várias regiões, como Caatinga, Restinga, Amazônia e também na Mata Atlântica.

Características morfológicas da jiboia

A jiboia apresenta uma cabeça de formato triangular, motivo para se acreditar que seja uma cobra venenosa, pois cabeça triangular é uma característica de cobras venenosas. Porém, não é o caso. Jiboia não é especializada na inoculação de peçonha, pois não tem uma dentição áglifa.

A cauda desse réptil é fina, outra semelhança com as cobras venenosas. O tamanho costuma variar conforme a espécie, mas pode chegar a medir 4 metros de comprimento.

A coloração também é variável, mas fixa e característica em algumas espécies e mais camaleônica em outras.

A constrictor amarali tem cor predominante cinza ou marrom.

A constrictor constrictor já apresenta coloração variada, visto que sua escala de cor pode passar do cinza-claro ao marrom-escuro.

Há jiboias ainda que apresentam coloração mais escura, quase chegando ao preto, e mais claras, amarela, como a famosa jiboia amarela.

Esse réptil tem uma pele escamosa. Essas escamas têm como características serem pequenas e irregulares.

Quanto aos olhos desse animal, o principal ponto de destaque são suas pupilas, verticais.

Sem dúvida, a musculatura da jiboia é seu grande referencial. É extremamente bem desenvolvida, sendo determinante para a sua sobrevivência, pois é com a força de seus músculos que consegue matar suas presas por asfixia.

Essa cobra é uma predadora nata, pois consegue captar estímulos visuais, químicos e térmicos de suas presas.

Jiboia

Comportamento da jiboia

O período em que costumam ser mais ativas é o noturno, contudo, isso não impede que exerçam atividades ou sejam vistas durante o dia.

O comportamento da jiboia para caçar é considerado passivo, isto é, ela se posiciona de modo que suas presas não percebam a sua presença em média ou longa distância e fica no aguardo.

Quando um animal de sua preferência passa perto do local estratégico que se situa, ataca a vítima, envolvendo-a com a sua musculatura extraordinária.

É mais comum ver esse réptil rastejando no chão, entretanto, não é raro que seja encontrado sobre árvores.

Ao se sentir ameaçada, uma jiboia tem por hábito contrair a cabeça e o pescoço e emitir um som agudo. Nesse caso, elas podem atacar o seu predador.

É o único momento que um humano pode ser ameaçado por uma jiboia, pois elas não costumam apresentar ameaça ao homem, apesar de serem carnívoras.

E por falar em alimentação, a alimentação é constituída principalmente de pequenos roedores, no entanto, é possível que se alimente de outras espécies de animais, como outros répteis, aves e ovos de ninhada.

Reprodução e filhotes de jiboia

O gênero é diferenciado pelo tamanho. As fêmeas são consideradas maiores do que os machos.

A jiboia é uma espécie vivípara, ou seja, não produz ovos. Sua prole é formada e desenvolvida em embriões que permanecem o tempo todo na mãe. Quando nascem, os filhotes de jiboia já estão praticamente formados. Nascem com cerca de 50 centímetros e podem apresentar até 120 gramas.

Cada gestação pode render, em média, de 15 a 30 filhotes. Contudo, é possível que uma gestação dê 55 filhotes.

Jiboia

Habitat da jiboia

No que se refere ao habitat da jiboia, não há um específico, pois ela se adapta a diversos terrenos e diferentes climas. Ela pode ser encontrada em regiões semiáridas a florestas tropicais.

Por isso ela é encontrada em várias regiões, não só no Brasil, como na América Latina como um todo.

Qual a diferença entre jiboia e sucuri?

São habituais as comparações e confusões envolvendo cobra jiboia e sucuri. Ambas são animais que provocam constrição em suas vítimas por meio de asfixia, rastejam pelo solo e têm grande comprimento. No entanto, apresentam diferenças.

A sucuri é maior que a jiboia, podendo atingir até 10 metros de comprimento, sendo considerada a maior cobra do mundo em volume corpóreo. Outra diferença é que a sucuri é uma cobra essencialmente aquática, embora também possa ser vista em solo. Já a jiboia é um réptil totalmente terrestre.

A sucuri têm hábitos tanto noturnos como diurnos, enquanto a jiboia é essencialmente noturna.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo