Molho béchamel, de cor marfim, é feito com farinha de trigo e leite

Inicio » Agronegócio » Molho béchamel, de cor marfim, é feito com farinha de trigo e leite
20/10/2020 Por
Molho béchamel, de cor marfim, é feito com farinha de trigo e leite

Com ingredientes básicos da cozinha, é possível fazer o delicioso molho béchamel. Com textura cremosa e aveludada, os molhos são parte essencial da culinária. Sem eles, muitos pratos complexos se tornariam receitas simplórias e sem sabor. Por isso, é importante conhecer e saber preparar os molhos básicos da gastronomia. Dentre os molhos mais clássicos, está o molho béchamel, que leva ingredientes básicos como farinha de trigo e leite.

Com origem na França, atualmente é um dos preparos mais realizados no mundo todo e ótimo para acompanhar inúmeras receitas. Veja, no texto a seguir, um pouco mais sobre essa receita e como preparar o molho béchamel.

Molho béchamel

O que é molho béchamel?

O molho béchamel é uma receita clássica da cozinha mundial, sendo bastante conhecido por sua versatilidade, por ser usado nas mais diversas culinárias e pratos.

Com efeito, esse molho pode ser usado como acompanhamento dos mais diversos tipos de pratos, como aqueles com frango, peixe, carne vermelha, massas e recheios. Além disso, tem uso também como forma de gratinar e para servir de base para molhos mais complexos.

Acima de tudo, cabe lembrar que ele é, muitas vezes, chamado de molho branco. No entanto, esse último geralmente é uma versão mais simples. O béchamel, por sua vez, além de ser composto pelos ingredientes clássicos, também pode ser aromatizado com temperos.

Origem do molho béchamel

Como surgiu esse molho tão usado na culinária do mundo todo? Apesar de ser tão comum, a história a respeito de sua verdadeira origem é um pouco incerta.

Uma das versões é de que o molho béchamel foi criado pelo cozinheiro François-Pierre de la Varenne, no século XVII. O nome seria uma homenagem a Louis de Béchameil. Esse, por sua vez, foi marquês de Nointel, e chefe do Palácio do rei francês Louis XIV.

Independentemente de onde tenha surgido, não há dúvidas de que esse acompanhamento é um dos mais versáteis da cozinha. Isso porque pode ser utilizado como ingrediente básico de outras receitas, principalmente molhos como o de quatro queijos.

Além disso, ele é geralmente usado como forma de trazer mais corpo para recheios, panquecas e suflês, por exemplo.

Com efeito, o seu sabor acaba sendo mais neutro, por isso, é fácil utilizá-lo nas mais variadas receitas salgadas. Ademais, o seu preparo pode ser variado com o acréscimo de outros itens para temperar, como noz moscada, cebola, bebidas alcoólicas, tomate, dentre outros.

Apesar de sua aparente simplicidade, o molho é capaz de trazer um ar mais sofisticado e profundo ao prato desejado. Pode ser usado em pratos simples como sopas e tortas.

Por ser um item comum, é possível encontrar o molho já pronto nos supermercados. No entanto, nada se compara a preparar o molho de forma caseira e com ingredientes frescos.

Ficou interessado? Continue lendo a seguir para saber como fazer molho béchamel.

Molho béchamel

Receita de molho béchamel

Como visto, esse molho é tido como um dos mais básicos da cozinha. Em resumo, ele simboliza a junção de leite e uma roux, que é um cozido de farinha de trigo e manteiga.

Sobretudo, os ingredientes tradicionais para a preparação do molho béchamel são o leite, integral ou desnatado, cebola (que pode ser espetada com cravos e louro) e a roux, que é uma massa cozida de manteiga e farinha de trigo.

Utilizando o béchamel como base, é possível ter como resultado outros molhos mais complexos, que levem queijos ou outros temperos e ervas diferenciados.

Além disso, esse molho não leva itens caros em seu preparo. Assim, é possível fazer um molho barato e, ao mesmo tempo, com sabor, permitindo a substituição de produtos industrializados, como o creme de leite.

Para os chefs, o ideal é que o béchamel apresente cremosidade. Ademais, ele não pode empelotar. Ou seja, deve-se evitar que haja gosto de farinha sem cozimento, devendo haver o destaque dos temperos, como louro e cebola.

Como fazer molho béchamel?

Embora o nome difícil assuste os principiantes da cozinha, não tem muito segredo para preparar o molho em casa. Definitivamente, qualquer um pode realizar a receita e chegar a um resultado ótimo, com um molho encorpado, cremoso e com muito sabor. Experimente adicionar esse molho nas receitas clássicas e, sem dúvida, verá que o prato receberá um ótimo incremento!

Para você que deseja tentar acertar esse molho, veja abaixo uma incrível receita de molho bechamel. Os ingredientes básicos para a receita são os seguintes:

  • 3 colheres de sopa de farinha de trigo;
  • 3 colheres de sopa de manteiga;
  • 1 litro de leite integral ou desnatado;
  • Pitada de noz moscada;
  • Sal e pimenta do reino.

O modo de preparo é simples, mas para que o molho fique excelente, preste atenção em todos os detalhes:

  1. Para preparar o molho, primeiramente esquente a manteiga em uma panela até que ela esteja completamente derretida. Logo em seguida, acrescente a farinha de trigo e vá mexendo de forma suave. Faça isso até que a mistura ganhe um aspecto dourado;
  2. Após isso, tire a panela do fogo e bata vigorosamente, preferencialmente com um batedor de arame ou fouet. Enquanto bate, vá adicionando lentamente o leite;
  3. Volte a mistura para o fogo alto e siga misturando a massa até o ponto de fervura. Logo depois disso, coloque o fogo mais baixo e então adicione os temperos como desejar. Continue mexendo por mais alguns minutos até que o molho tome mais corpo, ficando mais grosso. No entanto, não deixe cozinhar demais – o molho deve ter um aspecto líquido também.

Molho béchamel

Versatilidade do molho béchamel

Viu só? Não é complexo fazer esse molho em casa. O béchamel tem origem na gastronomia francesa e hoje é conhecido no mundo todo. Saber preparar esse molho é essencial para todos aqueles que desejam aprimorar os conhecimentos culinários.

Sobretudo, o molho béchamel é usado de diferentes formas. Ele serve como ótimo acompanhamento para massas, como lasanhas e panquecas, gratinar pratos com legumes e acompanhar carnes. Não deixe de preparar essa receita que leva ingredientes básicos do dia a dia do brasileiro, lembrando que é sempre bem-vindo experimentar a receita com novas especiarias.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo