Tipos de peixes: benefícios e importância para a agropecuária brasileira

Inicio » Pecuária » Tipos de peixes: benefícios e importância para a agropecuária brasileira
13/02/2019 Por
Tipos de peixes: benefícios e importância para a agropecuária brasileira

Diferentes tipos de peixes têm grande importância na pecuária e na piscicultura brasileira

Além de possuir muitos benefícios, os diferentes tipos de peixes também têm importância significativa para as atividades da agropecuária brasileira. Segundo a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO), a aquicultura terá grande desenvolvimento no país.

No Brasil, há diversos tipos de peixes comercializados e consumidos principalmente por seus valores nutricionais. Atum, bacalhau, carpa e tilápia são exemplos de peixes mais procurados pelos consumidores e pescadores do país.

Tipos de peixes

Quais os principais tipos de peixes?

Encontrados em lagos, rios, pântanos, mares, lagoas e riachos, há milhares espécies de peixes catalogados, sendo que maior parte deles vivem principalmente em água salgada. No Brasil, as principais espécies de peixes conhecidos são para consumo, devido aos altos benefícios que cada tipo possui.

O desenvolvimento da geomorfologia – estudo da superfície da Terra – possibilitou que o biodiversidade também sofresse grande transformação. Devido isso, a diversidade do ecossistema brasileiro proporcionou desenvolvimento significativo da fauna de peixes, resultando em algo sem comparação com outros países.

Tipos de peixes mais populares

  • Atum: usado principalmente em pratos orientais, o atum é rico em muitos nutrientes, principalmente em ômega 3, ferro, magnésio, fósforo, sódio, selênio e vitaminas do complexo B. O atum é encontrado principalmente em mares de regiões tropicais e subtropicais.
  • Bacalhau: o consumo de bacalhau é indicado principalmente por mulheres gestantes, devido a alta quantidade de cálcio, magnésio, ômega 3, fósforo, vitaminas do complexo B, selênio e potássio. O bacalhau é encontrado principalmente em águas salgadas e sofre possível ameaça de extinção.
  • Carpa: a criação em cativeiro de carpas é comum no país. Rica em ômega 3, vitamina D e potássio, a carpa é encontrada principalmente nos rios da Europa e da Ásia.
  • Pirarucu: é o maior peixe da Amazônia, rico principalmente em potássio, vitamina D, ferro e cálcio. O pirarucu é encontrado nos rios da Amazônia e também tem sofrido ameaça de extinção, devido a alta intensidade da pesca.
  • Tilápia: a criação de tilápias em cativeiro também é comum no país. Rica em ômega 6, fósforo, selênio, vitamina A e potássio, a tilápia é encontrada principalmente nos rios e lagos da África, da América do Sul e do Norte. No Brasil, é possível encontrar grande quantidade de tilápia no rios de São Paulo, Minas gerais e Rio Grande do Sul.

Além desses, há também o tambaqui, tambacu e o tambatinga presentes no consumo de peixes no Brasil. São peixes encontrados nos grandes lagos e rios, ricos em nutrientes e mais procurados pelos pescadores devido a alta qualidade da carne, sendo usados em muitos pratos de culinária brasileira e estrangeira.

Tipos de peixes

Importância dos peixes para a agropecuária

As atividades do pescado e da aquicultura – produção e cultivo de organismos aquáticos – são responsáveis pela competitividade do mercado brasileiro. O pescado não atende com precisão as necessidades do mercado. Porém, a aquicultura é mais precisa em questões de qualidade do alimento, regularidade, gestão e planejamento. Por isso, torna-se mais vantajosa para as atividades desenvolvidas no setor da agropecuária.

Benefícios dos peixes

O consumo de pescado possui muitos benefícios para a saúde e auxilia no bom desempenho e funcionamento do organismo. Ricos em nutrientes e vitaminas, seus principais benefícios são:

  • Proteção as artérias: protegem as artérias e diminuem o risco de doenças cardiovasculares.
  • Baixo colesterol: controlam as taxas de colesterol no sangue e estabilizam o colesterol bom, diminuindo o risco de doenças nos principais vasos sanguíneos.
  • Controle da pressão arterial: auxiliam na prevenção contra a pressão alta.
  • Regeneração das células: auxiliam na regeneração das células e no combate a depressão e insônia.
  • Prevenção ao Alzheimer: auxiliam na prevenção contra doenças degenerativas.
  • Prevenção ao AVC: reduzem as possibilidades de danos cerebrais causados pelo acidente vascular cerebral (AVC)

Além destes benefícios, os diversos tipos de peixes também auxiliam no emagrecimento e fornecem nutrientes para a mãe e feto. Além disso, reduzem as dores causadas pela artrite, são fonte de proteínas, minerais e vitaminas. Também são de fácil digestão, auxiliam na prevenção contra a osteoporose e ajudam no funcionamento do metabolismo.

Agro20 | Portal Vida No Campo