Anabolizantes são usados incorretamente por quem busca o corpo perfeito

Inicio » Veterinária » Anabolizantes são usados incorretamente por quem busca o corpo perfeito
22/06/2019 Por
Anabolizantes são usados incorretamente por quem busca o corpo perfeito

Anabolizantes podem ser um perigo para a saúde usados sem prescrição médica

Os anabolizantes, ou anabolizantes esteroides, são elementos que pertencem a um grupo de hormônios com propriedades anabólicas capazes de produzir o crescimento e divisão celular, gerando o desenvolvimento de tecidos musculares e ósseos.

Os anabolizantes são usados na medicina somente em tratamentos muito específicos, como para astronautas que sofrem desgastes musculares em viagens espaciais, em pacientes com câncer nos testículos ou com problemas hormonais, por exemplo.

Entretanto, várias pessoas usam anabolizantes sem necessidade e sem qualquer orientação médica, apenas com o intuito de melhorar o rendimento nos esportes por meio do aumento de massa muscular e da resistência física. Além disso, há quem use a droga para reduzir a gordura corporal e conquistar o tão sonhado “corpo perfeito”.

Anabolizantes

O que são anabolizantes?

Anabolizantes, como falado anteriormente, são hormônios agrupados que ajudam a obter mais resistência e aumentam o tamanho dos músculos. A palavra vem de anabolismo, que é, em suma,  a ação metabólica do organismo para produzir de moléculas complexas a partir de moléculas simples.

Como resultado desse processo, os esteroides provocam o crescimento e a divisão celular, o que resulta no desenvolvimento de tecidos, particularmente o muscular e o ósseo.

Os esteroides anabolizantes sintéticos, ou simplesmente anabolizantes, são drogas derivadas de hormônios sexuais naturais como o masculino testosterona, que é composto de carbono, e a progesterona. Eles podem ser administrados de várias formas: pílulas, cremes, tabletes, gotas e injetáveis, por exemplo.

Entretanto, são um perigo para a saúde se usados de maneira errada. Portanto, só devem ser usados quando prescritos por médicos. Porém, não é isso que vemos nos dias atuais. Infelizmente,  esse tipo de droga é cada vez mais mais procurada por quem procura soluções rápidas para mudar a forma física. E na maioria das vezes, são usados sem nenhum controle.

Atualmente, anabolizantes ilegais são vendidas em diversas academias e entram no Brasil de forma ilícita. Na busca pelo corpo perfeito, muita gente compra os produtos sem se preocupar com a origem deles e com a forma como foram fabricados.

O resultado pode ser desastroso. O uso indiscriminado dessas substâncias altera o funcionamento do organismo de forma irreversível e pode  inclusive levar à morte. Por essa razão, todo cuidado é pouco.

Para que servem os anabolizantes?

Os anabolizantes, em suma, aumentam os níveis de proteína nas células, aumentando a massa muscular, a resistência e deixando o corpo mais forte.

Atletas profissionais e amadores fazem uso dessas drogas com o intuito de ganhar vantagem sobre os adversários em determinada atividade física ou exercício. Por essa razão, essas substâncias são proibidas pelas organizações esportivas como o Comitê Olímpico Internacional, a FIFA, entre outras.

Anabolizantes

Anabolizantes para animais

Em animais, os esteroides atuam aumentando a resistência e a produtividade. No entanto, a aplicação desse tipo de drogas em animais é proibido no Brasil.

A proibição, contudo, não impede que as substâncias sejam empregadas, por exemplo, para melhorar o rendimento de cavalos que participam de cavalgadas e competições.

Uma polêmica atual é a que diz respeito ao possível uso de hormônios sintéticos (considerados um tipo de anabolizante) no frango para acelerar o crescimento das aves. No entanto, tudo não passa de um mito. Segundo especialistas, esse tipo de droga, ao contrário do que muitos pensam, não é usada na criação avícola. Isso porque, além de economicamente inviável, os hormônios não provocam o crescimento acelerado da ave, como é propagado.

As aves de hoje crescem mais rapidamente graças, simplesmente, a técnicas de melhoramento genético.

Tipos de anabolizantes

Em suma, os esteroides são produzidos com base em quatro hormônios: testosterona, hormônio do crescimento, insulina e progesterona.

A seguir, 7 exemplos de anabolizantes sintéticos comercializados para uso em humanos:

  1. Primobolan: É um anabolizante injetável que permanece no organismo por 9 meses, sendo utilizado por atletas no período que antecede as competições. Ele causa o aumento dos músculos e reduz a gordura corpórea.
  2. GH: É conhecido como hormônio do crescimento que possui diversos efeitos colaterais, como deformidade nas cartilagens e mandíbulas, dores ósseas, entre outras. Ministrado corretamente ele ajuda na recuperação de lesões, reduz a pressão arterial, e ajuda no ganho da massa magra.
  3. Clembuterol: É a base de comprimidos ficando até 1 mês no organismo e possui um efeito semelhante à adrenalina, sendo extremamente poderoso.
  4. Hemogenin: Este anabolizante é em comprimido e proporciona mais resistência e ganho de massa corpórea. Deve ser usado em no máximo 6 semanas.
  5. Anavar: O Anavar permanece no corpo por até 2 meses e deve ser consumido com moderação, pois sofre aromatização, transformando os hormônios masculinos em femininos.
  6. Proviron: Também permanece no corpo até 2 meses e é usado de forma oral. É um dos principais anabolizantes utilizados, pois auxilia na redução de gordura corpórea.
  7. Deca Durabolin: É um dos anabolizantes mais populares, que permanece no organismo até 18 meses, e possui aromatização. Ele proporciona ganho de peso em pouco tempo. Em muitos lugares esse tipo de anabolizantes é considerado ilegal.

Todas essas drogas podem ter efeitos colaterais sérios. Para exemplificar, confira as principais consequências do uso de anabolizantes para homens e mulheres:

  • Dependência;
  • Aumento nos pelos do corpo e do rosto;
  • Acne;
  • Irritação;
  • Queda de cabelo;
  • Engrossamento da voz;
  • Irregularidade nos ciclos menstruais;
  • Redução na produção de esperma;
  • Alterações comportamentais e de humor;
  • Hipertensão;
  • Ataques cardíacos;
  • Câncer de fígado.

Os anabolizantes para animais

O aumento da produtividade animal, bem como a sua rentabilidade, estão muitas vezes associados a alguns anabolizantes para animais que são incrementados em sua alimentação, por exemplo.

O uso de anabolizantes para a produção animal varia nos diversos países. Eles foram desenvolvidos para fortalecer o tecido ósseo e o aumento da produção de células vermelhas no sangue, e muitas vezes para a recuperação em cirurgias.

Eles são usados para vários tipos de animais, como anabolizantes para cavalos e cães, por exemplo. Em ambos, se forem usados sem prescrição médica veterinária pode trazer algumas consequências. Os efeitos dos anabolizantes podem ser:

  • Aumento da agressividade;
  • Problemas de pele;
  • Tumores;
  • Infertilidade.

Dessa maneira, pode ocorrer o aumento da massa muscular e o fortalecimento dos músculos do animal, mas se não for usado de forma correta pode ocorrer alguns desses efeitos.

Em esportes equestres já existe um controle antidoping para verificar o uso indevido de anabolizantes.

Benefícios e malefícios

Conforme foi informado anteriormente, pode-se perceber que o uso de anabolizantes é muito comum em homens e animais. E que seu uso de maneira incorreta pode trazer vários malefícios, como a dependência.

Quem toma esteroides sem indicação médica pode desenvolver problemas de pele, como a acne, e a calvície. Existe ainda o risco de complicações cardíacas, já que essas drogas aumentam o nível do colesterol ruim enquanto reduzem o bom colesterol no sangue.

Entretanto, se os anabolizantes forem usados de forma correta, somente quando necessários, eles podem ajudar na recuperação de alguma cirurgia ou fratura e na reposição hormonal de homens que tiveram os testículos afetados por alguma doença.

Como funciona a compra de anabolizantes?

Hoje em dia, os anabolizantes podem ser encontrados com muita facilidade, seja em lojas físicas, como farmácias, em lojas virtuais específicas para quem pratica exercícios e até em academias.

Anabolizantes

É muito fácil comprar anabolizantes sem uma prescrição médica, inclusive pela internet. A facilidade de acesso aumenta os casos de uso indevido da substância.

A compra de anabolizantes sem prescrição médica, além dos riscos à saúde, pode gerar problemas com a justiça, já que a comercialização de alguns desses produtos é ilegal.

Tipos de anabolizantes ilegais

Existem anabolizantes que são permitidos em vários países, mas também existem aqueles que são ilegais, devido a seus efeitos, como:

  • Winstrol
  • Androxon
  • Durateston
  • Deca Durabolin.

Enfim, esses anabolizantes ilegais podem trazer efeitos terríveis, seja em homens ou animais.

Por isso, os anabolizantes devem sempre ser usados com prescrição médica, evitando risco à saúde ou alguma punição por uso de drogas ilegais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo