Cardeal amarelo é exótico, pequeno e já foi considerado extinto

Inicio » Meio Ambiente » Cardeal amarelo é exótico, pequeno e já foi considerado extinto
08/10/2020 Por
Cardeal amarelo é exótico, pequeno e já foi considerado extinto

Pequeno pássaro, cardeal amarelo vive em campos com vegetação no Sul do país. Rico em biodiversidade, o Brasil abriga inúmeras espécies de pássaros – mais de 1.900. Uma delas é o cardeal amarelo. Um pássaro de extrema beleza, que chama atenção, principalmente por sua cor.

Porém, tanta beleza quase o levou o cardeal amarelo a extinção no Rio Grande do Sul, estado onde a espécie habita.

Cardeal amarelo é um pequeno pássaro ameaçado de extinção em algumas regiões

O que é cardeal amarelo?

O cardeal amarelo mede pouco menos de 20 centímetros. Além de sua beleza física por sua plumagem, a sonoridade de seu canto também encanta. Com uma longa cauda, sua crista também chama atenção e é de onde vem seu nome. Outra forte característica, apesar da cor não deixar dúvidas, é sua mancha preta no pescoço. Suas asas são rajadas de preto e a região próxima ao bico também, com uma listrinha preta que se estende ate os olhos.

A fêmea possui penas mais acinzentadas, tendo amarelo na região da barriga e na cauda, na parte inferior. Para construir o ninho, o casal divide as tarefas de carregar as raízes, pequenos galhos e até pelos de animais que vão formar o ninho.

A alimentação do cardeal amarelo é baseada em grãos e sementes, mas também come pequenos insetos. Para se alimentar, o pássaro busca ficar perto de córregos e solos úmidos ou próximo a rochas.

Cardeal amarelo em risco de extinção

O pássaro cardeal amarelo pode ser encontrado, aqui no Brasil, no Rio Grande do Sul e nos vizinhos Argentina e Uruguai. Porém, houve um período em que essa ave foi considerada extinta no Rio Grande do Sul. Durante cerca de 10 anos o pássaro não foi visto na região, até que em 2016 foi fotografado por pesquisadores próximo da fronteira com o Uruguai.

A descoberta aconteceu durante expedição ao local, onde participaram inclusive servidores do Centro Nacional de Conservação e Pesquisa de Aves Silvestres (Cemave), do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio).

Cardeal amarelo habita em meio a vegetação

A única população dessa ave monitorada no Brasil está no Parque Estadual do Espinilho, no município gaúcho de Barra do Quaraí, no extremo oeste do Rio Grande do Sul.

Os pássaros cardeais são considerados, inclusive, como uma das aves símbolo do Rio Grande do Sul, devido a sua valentia quando está defendendo seu território. Podem atacar inclusive animais maiores como os guaxinins, também muito comuns no Sul do Brasil.

Criação de cardeal amarelo

Ademais, a criação de cardeal em cativeiro deve ser regulamentada pelo IBAMA, pois assim, é uma das melhores formas de evitar o comercio ilegal que quase acabou com algumas espécies de pássaros.

Entretanto, a captura e o comércio ilegal da espécie foram os principais fatores que levaram o cardeal amarelo ao risco de extinção nestes últimos anos. Contudo, sua existência continua sendo rara e, de certa forma, limitada. Atualmente, estima-se que existam pouco mais de 100 indivíduos da espécie em seu habitat natural.

Há também uma população nas mãos de criadores, com objetivo de preservar a espécie, orientando ações de conservações da espécie do ambiente para assim, aos poucos, o cardeal amarelo ser reintroduzido na natureza e voltar a enfeitar os campos.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo