Celeiro é uma das opções de armazenagem entre pequenos agricultores

Inicio » Agronegócio » Celeiro é uma das opções de armazenagem entre pequenos agricultores
20/02/2019 Por
Celeiro é uma das opções de armazenagem entre pequenos agricultores

Celeiros são locais ideais para garantir a maior durabilidade dos produtos

Encontrado principalmente no meio rural, o celeiro auxilia produtores e agricultores armazenando grãos ou servindo de acomodação para o gado.

Assim, o celeiro permite maior conservação dos alimentos e ainda contribuem para uma comercialização mais eficiente.

Celeiro: armazenagem de grãos

O que é celeiro?

Celeiro é uma espécie de construção usada para a armazenagem de grãos, principalmente por parte dos agricultores rurais. Posto no meio rural, o celeiro armazena alimentos como cereais e legumes, usados para abastecimento. Além disso, em Portugal, por exemplo, os celeiros agrícolas são usados como local de trabalho, com uma cobertura. Alguns também podem ser utilizados para acomodar o gado (este recebe o nome de estábulo), guardar equipamentos ou veículos agrícolas.

Os principais tipos de celeiros são:

  • Silos de barro (ou celeiros melhorados): possuem baixo custo de produção e manutenção, alta durabilidade e protegem os produtos contra ratos e insetos;
  • Celeiro tradicional (feito de palhas, bambus ou paus): possui baixo custo e fácil construção, embora seja tenha manutenção mais complicada e pouca durabilidade;
  • Celeiros metálicos: possui longa durabilidade mas sofre alterações de umidade e temperatura, que podem danificar a conservação dos alimentos.

Armazenagem de produtos agrícolas

Por serem ideais na armazenagem e conservação dos produtos, estão entre os produtos agrícolas mais armazenados:

  • Arroz;
  • Milho;
  • Feijão;
  • Ervilha;
  • Tomate;
  • Batata doce;
  • Mandioca.

Com o uso dos celeiros, os agricultores e produtores podem escolher a melhor época de venda dos produtos, uma vez que eles poderão ficar armazenados por períodos longos de tempo. Por exemplo, os produtos podem ser vendidos quando o preço subir, assim será possível cobrir os custos gastos na produção e comercialização.

No entanto, tudo dependerá da quantidade da colheita armazenada, principalmente a lucratividade. Mas, como há produtos que são poucos perecíveis, a comercialização deverá ser feita imediatamente.

Importância dos celeiros

A importância principal do celeiro de fazenda está no tratamento e conservação dos grãos. Nos meios rurais, os produtos agrícolas são produzidos principalmente por pequenos agricultores. Devido isso, estes produtos são essencialmente importantes para a subsistência das famílias e das comunidades vizinhas. Elas também são responsáveis por gerarem empregos, devido a necessidade de mão de obra.
No entanto, a durabilidade dos produtos agrícolas é baixa em relação à outros tipos de alimentos. Para isso, fazer o tratamento e a conservação adequada é importante para os agricultores e para o resultado de suas rendas. Assim, para reduzir o número de perda, desperdícios e gastos desnecessários, eles fazem uso dos celeiros para que os produtos tenham uma armazenagem mais precisa e vantajosa.
No entanto, para que isto seja feito de forma eficiente, é preciso fazer higienização dos celeiros, limpando regularmente e evitando a disseminação de insetos e pragas indesejadas.

Conservação e armazenamento dos celeiros

A durabilidade de conservação dos alimentos também dependerá do local qual o celeiro foi construído. Locais com baixas temperaturas e umidade, são ideais para a conservação e armazenamento. Por isso, é importante que o material usado na construção do celeiro não transmita as variações de temperatura e umidade para a parte interna do local.

Boa drenagem, circulação de ar e entrada de luz são os pontos mais importantes. Ele deve ser construído em locais sem risco de alagamento ou deslizamento. Além disso, podem ser pintados de branco, para que a luz solar seja refletida através das paredes.

Construção de celeiro para gado

Celeiro de cavalo

Para a construção eficiente de um celeiro é preciso de:

  • Lugar apropriado: analisar as regras de construção e a zona que será utilizada. Dessa forma, pode-se saber qual tipo de celeiro será ou não construído. Selecionar uma localização com boa drenagem, com uma superfície levemente inclinada.
  • Direção do vento: analisar em qual direção o vento sopra mais forte e construir o celeiro em um ângulo de 45° em relação à ela, isso facilitará uma circulação de ar propicia. No entanto, se a direção do vento for em todas as direções, o celeiro deverá ser construído em modelo quadrado com quatro entradas.
  • Áreas de acordo com o modo de trabalho: na sala usada para trabalho, por exemplo, as tarefas realizadas com mais frequência devem estar juntas. E então, as tarefas menos realizadas colocadas mais distantes. No celeiro de gado por exemplo, as baías de alimentação dos animais também podem ser postas juntas, para que a limpeza e remoção do estrume sejam feitas de forma mais eficiente.
  • Pisos: o uso de concreto para o piso possibilita uma superfície mais plana e lisa, para melhor manejo do local. Isso dificulta o cavamento por parte dos animais próximo as baías. Entretanto, por ser uma material muito rígido, o concreto deve ser posto sob asfalto ou materiais de borracha no centro dos corredores.
  • Corredores centrais e baías com espaçamentos largos: espaços largos são importantes por possibilitar um local mais adequado. Além disso, são mais propícios para a realização das atividades.
  • Entrada de luz e ar: a boa circulação de ar ajuda na saúde dos animais e a entrada de luz impossibilita a incidência de moscas. Por isso, janelas com maior ventilação postas na altura dos animais e luzes individuais acima das baias são mais eficientes.
  • Eletricidade e água: cada par de baía necessita de tomadas, torneiras e interruptores, isto facilitará o abastecimento interno.

Pontos importantes no celeiro de cavalo

No caso de acomodação do gado, a construção adequada de um celeiro de cavalo (ou estábulo), por exemplo, pode favorecer economia de tempo, energia e dinheiro. Dessa forma, pode oferecer um espaço acomodável e prazeroso para realizar as atividades trabalhistas.

Além destes pontos, também é importante que o celeiro tenha armários. Equipamentos e produtos de limpeza devem ser guardados em um local mais preciso, facilitando o acesso dos trabalhadores. Além disso, selaria, equipamentos e alimentos devem ser armazenados separadamente.

A armazenagem de alimentos, por exemplo, deve ser feita com estoque para uma semana. Isto possibilita maior manuseio no momento de alimentação dos bichos.

Curiosidades sobre celeiros

O termo celeiro também é utilizado para fazer referência a países, Estados, cidades e regiões que possuem uma quantidade elevada de produção de grãos. Por exemplo, o Estado de Roraima, que foi classificado no ano de 2016 como principal celeiro agrícola do país, devido as altas produções.
Agro20 | Portal Vida No Campo