Cólica equina leva muitos animais à morte, mas o que causa a doença?

Inicio » Veterinária » Cólica equina leva muitos animais à morte, mas o que causa a doença?
24/03/2021 Por
Cólica equina leva muitos animais à morte, mas o que causa a doença?

Um dos principais problemas de saúde percebidos em cavalos é a chamada cólica equina. Como toda desordem na saúde do animal, a cólica em equinos afeta diretamente sua qualidade de vida, prejudicando o seu bem-estar com fortes dores abdominais.

A cólica em cavalos é uma doença grave e pode levar o animal à morte. Por outro lado, mesmo com a necessidade de diagnóstico rápido, esse processo não é tão simples, já que a cólica equina pode ter diversas causas. Este artigo vai contribuir com informações e alertas aos produtores e criadores, pois perceber os sintomas precocemente contribui para salvar a vida do animal. Conheça as causas e os principais tipos de cólicas em equinos:

O que pode causar a cólica equina?

A cólica, enquanto distúrbio digestivo que gera bastante dor e incômodo, por ter diversas causas. Ela indica que o cavalo pode ter com alguma doença no aparelho digestivo ou estar com outros órgãos comprometidos. No entanto, de maneira geral, a cólica em equinos é um distúrbio que atinge o aparelho digestivo, com foco no estômago e intestino.

Diversos fatores na rotina do animal podem resultar nas dores. Assim, os gases produzidos com fermentação de alimentos, alimentação de qualidade ruim, ingestão de água em quantidade inadequadas, torções e bloqueios intestinais podem causar cólicas em equinos.

Conhecer os principais tipos de cólica colabora, e muito, para um diagnóstico rápido. Veja quais são:

Cólica equina causada por gases

Cólicas que resultam de gases afetam o intestino grosso e geram bastante dor ao animal. O tratamento envolve medicação específica, evitando a dilatação do intestino. No entanto, a cólica por gases merece investigação mais aprofundada, afinal pode ser o indício de um outro problema no sistema digestivo.

Cólica em cavalos causada por torção no intestino

A cólica como resultado de uma torção de intestino, como é de se imaginar, causa grande desconforto. Uma vez que o intestino se desloca, ou parte dele, o cavalo pode necessitar de cirurgia para correção. É possível que exista um bloqueio do órgão e, dessa forma, o auxílio do médico veterinário é fundamental.

Cólica equina causada por parasitas

As chamadas lombrigas, quando muito grandes, podem obstruir o intestino do cavalo e causar episódios de cólica. Manter o controle de parasitas nesses animais é importante, isso porque a obstrução do intestino exige, em muitos casos, cirurgia ou leva o animal à morte. Como esses parasitas são incomuns em cavalos na fase adulta, as cólicas dessa natureza são mais recorrentes em equinos de 6 meses a 1 ano de vida.

cavalo comendo com possibilidade de cólica equina

Cólica de impacto e de espasmos em cavalos

A cólica de impacto tem como causa uma alimentação mal digerida. É possível que o animal tenha comido demais e o organismo gerar uma massa grande de alimento. Assim, acontece uma obstrução no intestino grosso do cavalo e a cólica aparece.

Já os espasmos causam cólicas mais suaves, uma vez que são gases mais amenos que estão presentes no organismo do cavalo.

Cólica equina causada por inflamação intestinal

Inflamações na parede gastrointestinal podem gerar fortes dores ao animal, sendo uma das causas de cólicas em equinos. Gastrites, úlceras e colites são exemplos de inflamações que causam o desconforto gástrico.

Esses são alguns tipos de cólicas em cavalos. Por fim, os produtores e criadores de animais atentos e munidos de informação sobre cólica equina são mais rápidos e salvam a vida do animal. Por outro lado, em casos menos graves, o olhar atento contribui para a melhora da qualidade de vida e bem-estar dos equinos.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo