Desidratador de alimentos auxilia na conservação dos produtos

Inicio » Agronegócio » Desidratador de alimentos auxilia na conservação dos produtos
04/06/2019 Por
Desidratador de alimentos auxilia na conservação dos produtos

Através de um desidratador de alimentos é possível retirar a água de frutas, legumes e proteínas

O desidratador de alimentos utiliza ar quente e seco para retirar a umidade da comida e, assim, aumentar a sua longevidade.

Frutas secas são um excelente exemplo de produtos produzidos com o desidratador de alimentos. Além de alterar na textura e sabor, ele também agrega valor aos frutos.

Desidratador de alimentos

O que é um desidratador de alimentos?

Desidratador de alimentos é um aparelho capaz de retirar a água dos alimentos, permitindo assim que seu prazo de conservação aumente. Ou seja, é um dispositivo que ajuda na preservação dos alimentos que possuem bastante umidade, como frutas, legumes e proteínas.

O método é praticado desde a antiguidade, quando ainda não existiam eletrodomésticos ou alternativas capazes de preservar a comida. Atualmente, então, foram desenvolvidas diversas técnicas que prolongam a longevidade dos produtos que serão consumidos.

Quais os tipos de desidratador de alimentos que existem?

Existem diversos tipos de dispositivos que tenham a função de retirar a umidade de determinado produto. Assim, eles podem ser classificados como equipamentos industriais ou domésticos. Vamos entender mais sobre isso:

  • Desidratador de alimentos doméstico, ou residencial: algumas empresas desenvolveram máquinas que podem ser adquiridas e manuseadas por qualquer pessoa. Elas têm finalidade caseira e, assim, servem para produzir alimentos para a família. São indicadas para cursos de gastronomia, laboratórios de universidades, ou simplesmente por quem deseja produzir alimentos desidratados em casa. Assim, podem ser desidratados legumes, bolachas, assim como frutas e carnes. São utilizados até mesmo para a produção de farinhas caseiras.
  • Desidratador de alimentos industrial: neste caso as máquinas são utilizadas com o objetivo comercial, produção de larga escala. Geralmente são peças bem maiores produzidas em material especial, que evita a contaminação. Algumas tecnologias ainda permitem que o desidratador seja aquecido através de vapor, caldeiras e luz solar.

Desidratador de alimentos

Como funciona um desidratador?

O desidratador permite que o ar quente e seco circule entre os alimentos. Assim, a água que está na superfície de determinada comida, por exemplo uma banana, se evapora. Consequentemente, as camadas mais profundas de água que compõem o alimento vão aos poucos evaporando.

O processo segue até que o alimento esteja quase que 100% seco. Contudo, vale reforçar que nem todos os ingredientes possuem o mesmo tempo de desidratação. Cada alimento leva determinado período para ficar pronto, variando conforme seu tamanho e quantidade de água que possui. O tempo de desidratação dos produtos, então, pode variar de seis até 18 horas.

Como desidratar alimentos em casa?

Não é difícil montar um equipamento caseiro, para desidratar frutas e legumes e permitir que os alimentos durem mais. Quer saber como fazer um desidratador de alimentos caseiro, à base de luz solar? Basta seguir as dicas a seguir:

  • Pegue uma gaveta de madeira que já não utiliza mais e faça dois furos nas laterais – bem no meio de cada lado. Depois, forre a gaveta com um saco preto, entretanto, tenha cuidado para não rasgar.

Desidratador de alimentos

  • Em seguida, construa um segundo nível na gaveta utilizando quatro blocos de madeira como base. O próximo passo é construir uma tampa para a gaveta, utilizando ripas de madeira e plástico transparente, para forrar. É possível pregar a tampa à caixa de madeira com dobradiças, assim, basta levantar e abaixar para pegar os alimentos.

Vale lembrar que a gaveta, quando finalizada, deve ficar semelhante à uma estufa. Portanto, é necessário evitar furos para que o calor se mantenha no compartimento. Para encerrar, basta verificar se o desidratador de alimentos está totalmente preso e colocá-lo no sol, para que o processo inicie.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo