A erosão glacial e os seus diferentes efeitos para todo o mundo

Inicio » Meio Ambiente » A erosão glacial e os seus diferentes efeitos para todo o mundo
24/04/2019 Por
A erosão glacial e os seus diferentes efeitos para todo o mundo

A erosão glacial é um problema ambiental presente em zonas montanhosas

A erosão glacial é um fenômeno definido pela ação da mudança de temperatura, que altera o estado físico do gelo. Esta ação ocasiona, além do derretimento das geleiras, um atrito danoso no solo. Ela acontece em razão de um super aquecimento do globo terrestre, em que variam os níveis climáticos.

A ação da erosão glacial afeta, não somente o solo, como também a biodiversidade do local. A quebra de temperaturas congelantes faz com o que alguns animais sejam prejudicados; pois necessitam do clima frio para sobreviver, como é o caso dos pinguins.

A erosão glacial é um fenômeno que pode ser danoso ao meio ambiente

O que é erosão glacial?

A erosão glacial é uma ação causada pelo gelo em todas as suas formas físicas, tanto como geleira quanto como neve. Entretanto, o gelo por si só não é responsável por este fenômeno, e a erosão apenas acontece quando há variação de temperatura de forma espontânea na natureza.

Um exemplo comum é quando as mudanças climáticas transformam a água em gelo e, depois, em água novamente; pois este tipo de transformação é responsável pelos processos da erosão.

O fenômeno também está relacionado com grande mudanças físicas em cadeias montanhosas de gelo; conhecido como derretimento de geleiras.

Esta ação da natureza está relacionada aos atuais problemas climáticos que vemos em todo o mundo, como, por exemplo, o aquecimento global e o efeito estufa. O super aquecimento terrestre ocasiona uma alta nas temperaturas e, portanto, o derretimento do gelo.

Como ocorre a erosão glacial

A erosão glacial acontece pela mudança de temperatura e, por conseguinte, altera o estado físico do gelo no local. A transformação constante de água para gelo e do gelo para água é o que interfere na saúde da biodiversidade do local e, portanto, causa este fenômeno. O momento em que esta erosão acontece é quando as temperaturas estão abaixo no ponto de congelamento. Deste modo, a estrutura começa a ser aquecida e muda sua forma física.

O atrito causado entre as geleiras e o solo provoca uma erosão em formato de “V” na terra, ocasionando um desgaste terrestre do bioma. Além disso, com a ação do degelo, a água escorre até as rochas e ocupa pequenos espaços; desta forma, assim que as temperaturas ficam mais frias, a água entre as rochas congela e expande as pedras ao redor, ocasionado outro tipo de erosão.

Nos locais onde existem geleiras, o fenômeno acontece nas zonas de acúmulo de neve; neve esta que é convertida para gelo por meio de uma fusão muito lenta e que pode durar anos. As consequências são desfavoráveis para o ecossistema, pois existem algumas espécies de animais que têm o ambiente com gelo como habitat natural.

A erosão glacial é uma problemática que atinge o mundo todo

Quais as consequências da erosão do gelo

As consequências do derretimento do gelo para o mundo incluem um desequilíbrio ecológico tanto na fauna quanto na flora de diferentes ecossistemas. Algumas pesquisas indicam que o degelo pode causar inundações em terras e transformar biomas, como, por exemplo, uma floresta amazônica em savana.

A erosão do gelo é uma questão ambiental muito preocupante para biológicos e ambientalistas. Este fenômeno pode também interferir de forma negativa no abastecimento de água potável no mundo. Por este motivo, é importante cultivar a consciência ecológica e se utilizar dos recursos naturais com sabedoria; como forma de minimizar impactos no meio ambiente.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo