Flora e a importância do seu papel no meio ambiente

Inicio » Meio Ambiente » Flora e a importância do seu papel no meio ambiente
25/03/2019 Por
Flora e a importância do seu papel no meio ambiente

A preservação da flora brasileira é uma pauta importante da atualidade

O conceito de flora abrange diversos setores ambientais. Um deles está diretamente ligado à natureza e ao equilíbrio ecológico.

A flora representa todos os tipos de vegetais na natureza. Estar a par da importância de sua preservação é fundamental, principalmente, por conta dos riscos aos quais este conjunto está sujeito. Em função disso, os cuidado com os biomas devem ser uma preocupação constante por parte de todos os sere humanos.

fauna e flora

O que é flora?

A flora é tudo o que se define como parte do ecossistema, incluindo plantas, vegetais e árvores, entre outros. O termo flora é utilizado para se referir à vegetação de um determinado local, e o ramo de acadêmico que estuda este conjunto é a botânica. Cada ecossistema apresenta sua própria flora e, por isso, ela varia de acordo com o ambiente em que se encontra.

A flora brasileira, é fonte de uma rica de variedade vegetal e biodiversidade de espécies de flores e frutos. Pelo fato de os biomas brasileiros serem bem distintos e demarcados por sua localidade, há uma vasta diversificação de floras.

Flora brasileira

A flora brasileira é mais rica em biodiversidade em todo o mundo. Um fato que comprova este título é a exploração dos recursos naturais. E isso desde a época da colonização no Brasil, com o início do comércio do pau-brasil. A madeira é de primeira qualidade e teve papel muito importante no enriquecimento português na época.

Entre algumas das espécies de flora no Brasil mais exploradas, podemos citar a da Amazônia, Mata Atlântica, cerrado e da caatinga. Entre os biomas apresentados, as vegetações mais encontradas são: pau-brasil, begônias, sálvia, bromélias, seringueira, jacarandá, cleome e entre outros.

No cerrado brasileiro, por exemplo, sua flora é composta por mais de 2 mil espécies de herbáceo-subarbustivas. Já na Amazônia, a maior parte da vegetação é de caráter castanheira. Os fatores que colaboram para que a flora seja tanto rica estão ligados ao clima favorável e o solo fértil que o Brasil dispõe.

Estes elementos são os responsáveis pelo crescimento de diversos tipos de plantas alta qualidade e produtividade. Portanto, não é à toa que o meio rural brasileiro esteja cada vez mais em crescimento. O ingresso no meio rural no país é vantajoso decorrente às riquezas naturais que a flora oferece.

Entre todo o território brasileiro, é possível encontrar mais de 50 mil espécies de vegetais, motivo que comprova a vasta diversidade do país. Contudo, embora ainda hoje a fauna seja muito rica em recursos naturais, o frequente desmatamento de ambientes fortalece a extinção de espécies. Por este motivo, fica claro que se preocupar com a flora é essencial para a vida humana.

Elementos da flora

Devido ao fato da flora ser caracterizada pelo bioma onde se encontra, é importante conhecer as principais floras – biomas – do país como forma de preservá-las. Além disso, cada bioma dispõe de um determinado clima, flora e fauna.

O conjunto flora está diretamente ligado ao da fauna. Ambos os termos estão relacionados à natureza e apresentam importância tanto ecológica como para a vida dos seres vivos.

Pelos motivos citados acima, não é possível que se tenha uma definição dos elementos que compõem a flora que sejam válidos para todos. O caráter mutável dos biomas é que faz com o que os locais sejam bem demarcados por sua flora, do mesmo que a fauna.

Qual a diferença entre fauna e flora

Os dois termos são muito confundidos pois seus significados são semelhantes, ambos tratam de seres vivos. Contudo, a fauna é o termo que se denomina os animais de um ambiente, enquanto a flora está ligada à vegetação.

Ambos os termos são classificados de acordo com o ambiente em que está inserido. Em outras palavras, a fauna e flora são determinadas pelas características que o ambiente representa. Um exemplo disso é dizer que a fauna e flora de um local é rica em biodiversidade pois apresenta variedade de espécies, tanto animal como vegetal.

Uma é influenciada pela a outra e o crescimento das duas estão diretamente associado ao equilíbrio em que cada uma se encontra. Pode se dizer que a fauna de um ambiente não está tendo em desenvolvimento pois a flora está sendo desmatada, por exemplo.

A fauna e flora – no mundo todo – possuem uma grande lista que espécies animais e vegetais em extinção devido à exploração incorreta do ambiente. Por não realizar o reflorestamento, a vegetação não se renova com maior facilidade e a espécie no local pode desaparecer por completa.

Importância da preservação da flora

A importância da preservação deste conjunto está diretamente ligada ao equilíbrio ecológico. Por assim dizer, caso a flora de um ambiente seja desmatada e não aconteça o processo de reflorestamento, o local estará com a sua flora prejudicada.

Outro fator que pode ser destacado quanto à relevância de se preocupar com a flora, é pela fauna. Seguindo a linha de raciocínio de que a flora representa todo o tipo de vegetação. Portanto, inclui árvores, ela é a moradia de muitas espécies de animais. Portanto, ao prejudicar a flora, o dano também se reflete na fauna. Este fato se comprova ao observarmos a quantidade de animais mortos pela destruição de seu habitat natural.

O conjunto está fadado à alteração humana para exploração das riquezas naturais, como a madeira, os frutos e as flores. Por este motivo, a conscientização de que teve haver uma preservação e reflorestamento, é dito como essencial.

flora brasileira

Devido ao fato de a flora estar associada à vegetação, sua importância em ser preservada é vital ao ser humano. Sem a flora, não é possível que se tenha o plantio e colheita de alimentos. Sem ela não há, também, habitat natural dos animais e, consequentemente, eles também podem prejudicados pela ocorrência e o aumento do desaparecimento das espécies.

Com isso, a flora se demonstra essencial no equilíbrio ecológico. Dessa forma, trabalhar o pensamento ecológico é essencial. Isso porque, além do desmatamento ao qual o meio ambiente está sujeito, os biomas também podem ser impactados de forma negativa em função do não reflorestamento pela falta de uso consciente de recursos naturais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo