Friagem é um fenômeno climático que pode afetar as plantações

Inicio » Meio Ambiente » Friagem é um fenômeno climático que pode afetar as plantações
19/03/2019 Por
Friagem é um fenômeno climático que pode afetar as plantações

Com queda de temperaturas, friagem pode alterar o ciclo de cultivares como hortaliças e bananeiras

A friagem é a chegada de massa de ar polar, trazendo baixas temperaturas e possivelmente chuva, e causa uma oscilação brusca de temperatura. Ela pode afetar o desenvolvimento de algumas culturas e prejudicar as etapas de seu ciclo, como floração e germinação.

Com a friagem é preciso ficar atento aos períodos de plantação. Geralmente ela ocorre entre os meses de maio a agosto.

Friagem

O que é friagem?

Friagem é como se chama a queda brusca de temperatura, ocorrida geralmente por influência de ar polar. O fenômeno meteorológico é conhecido por trazer frio a uma determinada região, podendo também ser acompanhado de chuva.

Em muitos casos, a friagem é potencializada pelo homem. Isso porque antigamente, quando existiam mais regiões de matas e florestas, a passagem de massa de ar polar era dificultada pela vegetação. Atualmente, entretanto, com mais áreas livres e urbanizadas, o ar gelado passa com facilidade. A massa polar pode durar até quatro dias.

Explicação técnica sobre a friagem

Tecnicamente é chamada de friagem principalmente o fenômeno que acontece na Amazônia, durante os meses de inverno e outono. Na região, a chegada da massa de ar polar acontece nas bacias hidrográficas do rio da Prata e do rio Paraguai. A queda de temperatura, portanto, é comum na região Norte entre os estados do Acre, Rondônia e Amazonas.

De forma resumida, então, a friagem é uma forte queda de temperatura, que dura mais tempo e é mais acentuada do que apenas o frio causado por chuvas ocasionais.

Como a friagem afeta a produção agrícola?

A temperatura e o índice de chuvas afeta diretamente a produtividade de uma plantação. Com o fenômeno climático da friagem, portanto, não é diferente. Algumas culturas não se adaptam bem às baixas temperaturas, é o caso das bananas, milho, hortaliças e café, por exemplo.

No caso das bananeiras, por exemplo, a temperatura ideal para seu desenvolvimento é entre 15 oC  e 35 oC. Abaixo desse limite, então, o crescimento da planta para de acontecer. Além disso, o frio recorrente também prejudica os tecidos do cacho e a maturação dos frutos.

Também é preciso tomar cuidado com as hortaliças durante épocas mais frias. Em regiões que já passam por baixas temperaturas, como por exemplo no Sul, pode-se fazer a opção de plantar vegetais que toleram mais os climas amenos e temperados.

Friagem em folhas

Como as baixas temperaturas prejudicam as plantas?

As plantas necessitam de uma determinada quantidade de acúmulo termal para completar seu ciclo, crescerem e se reproduzirem. Contudo, se a friagem ocorre de maneira demasiada, prejudica o desenvolvimento da plantação. O frio é capaz de prejudicar a produção da seguinte forma:

  • Temperaturas baixas fazem com que a planta demore para atingir seu acúmulo termal. Sendo assim, então, a cultura irá levar mais temo para alcançar os resultados.
  • Os problemas acontecem também na semeadura. A friagem pode causar o congelamento dos tecidos da semente, prejudicando sua germinação.
  • A época de floração também pode ser uma fase de atenção para as culturas durante a friagem. Temperaturas baixas tornam as flores estéreis, evitando a sua reprodução.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo