Óleo de girassol destaca benefícios que incluem a prevenção de doenças

Inicio » Agronegócio » Óleo de girassol destaca benefícios que incluem a prevenção de doenças
13/08/2019 Por
Óleo de girassol destaca benefícios que incluem a prevenção de doenças

Entenda todos os benefícios e malefícios do óleo de girassol para nosso organismo

Uma diversidade enorme de óleos é utilizado na culinária e em outra áreas variadas, e todos eles apresentam tanto vantagens quanto desvantagens. Por isso, pode acabar ficando difícil escolher o melhor e mais indicado para determinada finalidade. Entre tantos, o óleo de girassol é um exemplo de óleo que pode ser utilizado com mais de uma finalidade e trazer bons e diferentes resultados.

É isso mesmo. Além de ser uma flor linda, o girassol ainda fornece um óleo cheio de propriedades medicinais: o óleo de girassol. Ele pode ser consumido em suplementos ou até mesmo em sua forma natural, sendo utilizado na preparação de variados pratos da culinária brasileira e mundial.

Óleo de girassol faz bem?

Benefícios do óleo de girassol

O óleo de girassol é um produto natural que possui muitas e diferentes vantagens, sendo que, entre as principais delas, podemos citar:

  • proteção celular do organismo
  • auxílio na produção de alguns hormônios
  • o combate a doenças degenerativas
  • melhora na saúde cardiovascular
  • auxílio no controle dos níveis de colesterol

Apesar disso, como dissemos, nem tudo na vida são flores; e mesmo se tendo o conhecimento de muitos benefícios do óleo de girassol, também é importante saber que ele apresenta algumas desvantagens.

Isso porque, por ser uma gordura, ele possui um nível elevado de calorias. Por isso, é importante saber que ele deve ser consumido com moderação para evitar problemas.

Como é feito o óleo de girassol

O processo de produção do óleo de girassol é extremamente simples e começa pela prensa da semente da planta; o que é feito de forma mecânica e a frio, até que o óleo – rico em ácidos graxos – seja extraído.

O interessante em realizar o procedimento a uma temperatura baixa é que dessa maneira nenhum de seus nutrientes se degradam, garantindo a manutenção de todos os seus benefícios. Por fim, basta filtrar e refinar o extrato, deixando o produto pronto para o consumo.

O óleo de girassol é saudável e constituído, basicamente, de ácidos graxos; incluindo o ômega 3, 6 e 9, além de bastante vitamina E. Ele deve ser armazenado em embalagens opacas, ou seja, que não possibilitem que a substância tenha contato direto com qualquer tipo de luz.

Uso do óleo de girassol

Está na hora de comentar sobre como devemos utilizar o óleo de girassol para cozinhar. A grande verdade é que a recomendação é que ele não seja a grande estrela da cozinha. Isso porque em doses elevadas a sua gordura poli-saturada poderia formar placas em nossos vasos sanguíneos.

Assim, especialistas indicam que para cozinhar, o ideal é que você não selecione um óleo em específico, se aproveitado da mistura entre eles, que pode trazer uma série de benefícios ao corpo humano. Fora isso, ele é recomendo como suplementação para algumas pessoas necessitadas.

Óleo de girassol

Propriedades do óleo de girassol

Agora que você já sabe um pouquinho mais sobre o óleo vegetal de girassol, iremos apresentar as principais propriedades desta iguaria. Entre elas, podemos citar entre as suas principais propriedades as seguintes:

  • Antioxidante;
  • Antirradicais livres;
  • Anti-inflamatória;
  • Calmante;
  • Antialérgica;
  • Bronzeadora;
  • Hidratante;
  • Cicatrizante.

Benefícios do óleo de girassol para o corpo

Tendo em vista que o produto pode trazer uma série de benefícios para o organismo de maneira geral; destacamos, a seguir de que forma o óleo de girassol traz vantagens específicas para o corpo.

  • Para a pele

O óleo de girassol para a pele pode desencadear uma série de benefícios. Além de amaciar, nutrir e hidratar, ele ainda pode auxiliar no processo de cicatrização de feridas. Isso acontece pois o óleo possui forte efeito reparador devido a sua riqueza em vitamina C. Ele ainda pode desempenhar o efeito de limpeza, combatendo a acne.

Fora isso, o extrato ainda previne os danos causados pela ação dos raios solares e previne o envelhecimento, principalmente através de suas propriedades antioxidantes.

  • Para o cabelo

Em nosso cabelo, ele pode atuar como uma espécie de máscara protetora. Dessa maneira, além de deixar nossas madeixas mais resistentes, ele ainda pode acrescentar bastante brilho a elas e hidratá-las. Além disso, o óleo pode auxiliar no combate ao frizz e a alguns problemas capilares, como a oleosidade, por exemplo.

Assim, de maneira geral, podemos dizer que o óleo de girassol é bom para o cabelo, prevenindo inclusive a sua queda, o que poderia resultar na calvície.

  • Saúde cardiovascular

O conteúdo de gorduras mono e poli-insaturadas combinado às vitaminas faz com que este óleo seja um dos mais saudáveis para o consumo, auxiliando no combate às doenças cardiovasculares e a chance de um ataque cardíaco. Ele também contém selênio, um mineral que ajuda a reduzir o risco de problemas cardíacos e também de câncer de pulmão e de pele.

  • Prevenção da artrite

Devido às suas propriedades, o óleo apresenta propriedades de prevenção à artrite reumatoide.

  • Prevenção da asma e câncer de cólon

A vitamina E fornecida pelo óleo de girassol ajuda a prevenir crises de asma e até mesmo o câncer de cólon.

Óleo de girassol

  • Prevenção a outros tipos de câncer

Os carotenoides encontrados nesse óleo ajudam a estimular a imunidade do corpo e, portanto, podem ajudar a prevenir o câncer de útero, de pulmão e de pele, por exemplo.

  • Redução do colesterol ruim

A proporção de gorduras mono e poli-insaturadas e a presença da lecitina ajudam a manter níveis saudáveis de colesterol bom e ruim. Entretanto, vale lembrar que para obter este e outros benefícios da substância, você deve consumi-lo com moderação.

  • Combate aos radicais livres

A vitamina E e os tocoferóis do óleo de girassol ajudam a neutralizar os radicais livres, moléculas que causam danos celulares e podem levar ao câncer.

  • Prevenção de infecções em crianças

A barreira protetora formada na pele com a aplicação do óleo de girassol ajuda a reduzir o risco de infecções em bebês prematuros.

  • Saúde do sistema nervoso

A concentração de vitaminas do complexo B presente nesse óleo colabora para o bom funcionamento do sistema nervoso.

A escolha do melhor tipo de óleo

Você deve analisar os benefícios do óleo de girassol e compará-los com os de outros tipos de óleo para escolher o que melhor se adequa às suas necessidade. Além disso, consultar um profissional da saúde, como um nutricionista por exemplo. Trata-se uma boa para sanar esta e outras dúvidas em relação à sua saúde.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo