Pneu agrícola destaca diferentes classificações e tipos

Inicio » Agronegócio » Pneu agrícola destaca diferentes classificações e tipos
12/11/2020 Por
Pneu agrícola destaca diferentes classificações e tipos

O pneu agrícola adequado pode evitar transtornos. Designado para ser usado no maquinário agrícola, o pneu agrícola é uma peça importante na produção. Dessa forma, utilizar um pneu que não é o adequado para uma determinada situação pode acarretar uma série de problemas e dificuldades.

O trabalho agrícola veio se modernizando nos últimos anos e isso está facilitando muito a vida do trabalhador do campo, visto que as dificuldades são diminuídas e a produção é otimizada. Entre todos os componentes, o pneu agrícola é presente em diversos tipos de maquinários.

Pneu agrícola

O que é pneu agrícola?

Pneu agrícola é um componente de grande importância, utilizado em diversos equipamentos agrícolas como tratores, pivôs de irrigação, colheitadeiras, entre outros. Por isso, o pneu agrícola é um componente que merece a devida atenção.

O uso de um pneu agrícola adequado pode facilitar os processos produtivos, visto que os equipamentos poderão operar com o melhor de suas capacidades. Em contrapartida, um pneu inadequado pode prejudicar muito o processo, limitando a efetividade do maquinário.

Os pneus agrícolas possuem características particulares, que deverão ser empregadas especificamente para a situação ideal. Assim sendo, o produtor precisa ter em mente quais as suas necessidades e deve contar com a ajuda de um vendedor tecnicamente capacitado.

Além de comprar os pneus adequados novos, o produtor também tem a opção de adquirir pneus agrícolas usados ou seminovos. Desse modo, existe a opção de adquirir peças com um valor menor de mercado, onde devem ser analisadas todas as variáveis.

Características e tipos de pneu agrícola

Os pneus em geral são produzidos a partir de borracha fixada em uma malha de tecidos e aço, que são projetadas para dar tração e segurar o ar comprimido. Dessa forma, os pneus agrícolas são exatamente iguais, apesar de características diferentes.

A diferença do pneu agrícola é que seu uso foi projetado para condições mais extremas, visto que ele deve suportar cargas bem maiores, além de serem efetivos em terrenos menos favoráveis. No entanto, o pneu não pode agredir o solo, pois isso pode prejudicar a qualidade do mesmo.

Por isso, é necessário estar atento a todas as características do pneu, observando a capacidade de carga e também de tração, além da qualidade e durabilidade. Existem alguns diferentes tipos de pneu agrícola, conforme descrito abaixo:

  • Pneu agrícola diagonal;
  • Radial;
  • Pneu agrícola de alta flutuação;
  • De implemento.

Esses são os principais tipos, sendo que ainda existem outros como o florestal, o fora de estrada (OTR) e o industrial. Além disso, aconselha-se sempre o uso da tabela de conversão de pneus agrícolas para o caso de alteração do aro da roda ou até mesmo da largura e altura do pneu.

Pneu agrícola

Pneu agrícola diagonal

Esse tipo de pneu conta com as suas lonas organizadas de forma diagonal, ficando então uma sobreposta à outra. Dessa forma, as lonas são sustentadas por fibras têxteis colocadas no sentido diagonal.

Esse pneu é indicado principalmente para terrenos com variações topográficas, visto que possui uma ótima resistência a impactos, vida útil longa e boa elasticidade. É igualmente indicado por fornecer maior controle ao operador, devido a sua estabilidade e aderência.

Isso também faz com que o equipamento consuma uma quantidade menor de combustíveis. Além disso, o fato das lonas não exercerem fricção entre si colabora para que não haja um aumento de temperatura interna do pneu, colaborando para uma maior durabilidade.

Pneu radial

No pneu radial, as lonas são agrupadas no mesmo sentido do raio, dessa forma fazendo com que a área de rodagem se torne mais rígida. Isso faz com que o formato do pneu seja mais resistente ao contatar o solo.

Nos pneus de automóveis também podemos encontrar o pneu radial, sendo ele o modelo mais comum e mais moderno, lançados em 1946. Desse modo, comparado o pneu radial com o pneu diagonal, pode-se concluir que a resistência a impactos é menor.

No entanto, o pneu agrícola radial possui maior estabilidade em sua dimensão, fazendo com que ele não sofra deformações. Além disso, o radial também não causa atrito entre as lonas e isso faz com que a temperatura interna não se eleve, garantindo assim maior durabilidade.

Possui igualmente uma boa estabilidade e aderência, fazendo com que o operador tenha maior controle sobre o equipamento. Por conta disso, o consumo de combustível também é menor, garantindo assim maior economia.

Pneu agrícola de alta flutuação

Esse tipo de pneu também possui suas características particulares, sendo que a principal delas é a sua alta tração que evita a compactação do solo. Dessa maneira, sabemos que um solo compactado pode prejudicar muito o desenvolvimento das raízes, afetando a produtividade.

Um ponto que deve ser observado é se a banda de rodagem é capaz de expulsar a terra que fica acumulada nos sulcos, visto que isso garante a alta tração e aderência no terreno. Além disso, esses pneus precisam de um alto volume de carga em velocidade razoável e solo pouco compactado.

Pneu agrícola de implemento

É um tipo de pneu que se destaca pela sua adaptação a qualquer modelo de rebocador. Entre esses implementos encontram-se os vagões, os semeadores, os tratores de plantação, entre outros. Oferece segurança para o manuseio dos rebocadores.

As suas bandas favorecem a resistência ao rolamento. Além disso, a flotação e a área de contato são consideradas altamente abrangentes, garantindo assim toda a segurança que o operador precisa para desempenhar o seu trabalho de forma efetiva.

Pneu agrícola

Outros modelos de pneu agrícola

Além desses modelos citados acima, existem outros como o pneu agrícola florestal, o fora de estrada (OTR) e o industrial. O pneu florestal é indicado principalmente para equipamentos florestais ou que operem em condições extremas.

Esse tipo de pneu não é recomendado para uso em asfaltos, visto que esse tipo de área acaba prejudicando o desempenho do pneu, em vez de favorecer. Desse modo, indica-se o uso do caminhão prancha.

O pneu fora de estrada (OTR) são projetados exatamente para trilhas e demais terrenos irregulares com diversos tipos de erosão. Igualmente, devem ser observados os sulcos, pois em caso de fixação de lama, o pneu perderá a sua tração.

Os do tipo chamado industrial são projetados para equipamentos como empilhadeiras e carinhos industriais. Dessa forma, devem somente serem usados em terrenos pavimentados. Um profissional capacitado será de grande ajuda na hora de adquirir o seu pneu agrícola ideal.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo