Cães da raça puli são inteligentes e têm características para pastoreio

Inicio » Pecuária » Cães da raça puli são inteligentes e têm características para pastoreio
12/04/2021 Por
Cães da raça puli são inteligentes e têm características para pastoreio

Diversas raças de cachorro são curiosas pelas suas características únicas, tais aspectos como a cor da pelagem, estrutura física ou comportamento, por exemplo. Neste artigo vamos conhecer a raça puli, que tem como característica mais curiosa o aspecto do pelo.

O cão da raça puli tem um pelo todo cacheado e comprido, que lembra pequenos dreadlocks – penteado popular em rastafáris jamaicanos. Esse aspecto físico faz do cãozinho uma espécie única, cheia de charme e simpatia.

raça puli de pelo preto e lingua pra fora

Principais características do puli

Além da pelagem tão característica da raça, outros aspectos físicos também podem ser destacados no cachorro puli. Antes de mais nada, é um cachorro com estatura média, não sendo tão baixo quando um corgi, ou tão alto quanto um pastor alemão – ambos cães de pastoreio.

Essa raça tem, em média, 43 cm de altura em cachorros adultos, chegando até a 15 kg. Além disso, a expectativa de vida é estimada em 15 anos. Os pulis são animais com bastante energia, sendo importante manter uma rotina de exercícios com eles – contribuindo diretamente para qualidade de vida e longevidade. Esses animais se dão bem em locais frios, afinal o pelo deles é bastante denso e protege o bicho do frio.

Uma característica interessante desta raça é que ela se adapta perfeitamente bem as crianças. Antes de mais nada, essa é uma característica importante de considerar antes de ter um puli em casa, pois animais que não se dão bem com crianças tendem a dificultar a convivência. Não é o caso do puli, pois ele não é agressivo com crianças e estranhos, no entanto mantém o estado de vigília e alerta.

Pulis também são cães de pastoreio

Existem diversas raças de cães pastores, ou seja, que ajudam na proteção e condução de animais que fazem pastoreio – se alimentam de gramíneas e plantas, em pastos. Os pulis têm características que ajudam no pastoreio, contribuindo para o manejo de gado e ovelhas.

É importante que o cachorro para pastoreio tenha algumas características, tais como:

  • ser um animal bastante inteligente
  • ter disciplina e receber bem os comandos de adestramento
  • ter bastante energia para atividades no campo
  • ser um cachorro corajoso, conduzindo animais maiores que ele sem se intimidar com isso
  • ser leal aos seus tutores e manter estado de alerta

No caso do puli, essas características contribuíram para que a raça fosse cão pastor durante muito tempo. Aliás, eles também são excelentes cães de guarda, o que ajuda bastante na atividade de pastoreio.

Pastoreio e a importância da atividade para a pecuária

A criação de animais em sistema de pastagem – a forma mais comum de criação de gado no Brasil, por exemplo – exige diversos cuidados. Um desses cuidados é o manejo de pastagens, garantindo a qualidade da alimentação dos animais.

O manejo permite que as gramíneas tenham períodos de descanso, possam se desenvolver e alimentar centenas de animais. Do mesmo modo, técnicas diversas de manejo de pastagem são adotadas e os cães pastores entram no processo de condução dos animais. Ou seja, eles colaboram diretamente para que o manejo seja efetivo, contribuindo para o bom desenvolvimento da pecuária brasileira.

Não são todas as propriedades rurais que adotam cães pastores para cumprir a tarefa. No entanto, aqueles que treinam cães para desempenhar o papel – tais como cães da raça puli – compreendem a importância de conhecer as características dos animais. Do mesmo modo, é fundamental saber os cuidados que esses animais precisam, garantindo qualidade de vida para esses verdadeiros companheiros dos produtores rurais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo