Rochas, agregados sólidos, compõem a camada externa da Terra

Inicio » Meio Ambiente » Rochas, agregados sólidos, compõem a camada externa da Terra
16/06/2020 Por
Rochas, agregados sólidos, compõem a camada externa da Terra

Constituindo a maior parte da crosta terrestre, rochas são geralmente definidas como uma mistura de minerais comuns

As rochas podem ser duras ou moles, tão pequenas quanto um grão ou tão grandes quanto um edifício. Elas têm sido parte integrante da história da humanidade, sendo usadas primeiro como ferramentas de caça e defesa, e posteriormente como material de construção civil e monumentos. Combinadas com os efeitos da tectônica, intemperismo e vegetação, as rochas definem as paisagens naturais que vemos ao nosso redor.

Os minerais e metais que encontramos nas rochas são essenciais para a prosperidade e esplendor cultural da civilização humana. Existem muitos tipos de rocha, e elas podem ser classificadas de várias maneiras. No entanto, os geólogos classificam as rochas com base em como elas foram formadas.

rochas

O que são rochas?

Rochas são grãos muito pequenos de diferentes minerais, compactados em uma reação química que forma uma massa maior.

Minerais e rochas não são a mesma coisa. A rocha, em geologia, é um agregado natural e coerente de um ou mais minerais. Um mineral é composto apenas da mesma substância. Já a rocha possui uma combinação de dois ou mais minerais diferentes. Além disso, elas também podem conter compostos orgânicos.

Possuem tamanho, forma, cor, peso, textura, entre outras características, infinitas. As rochas alteram continuamente de um tipo para outro, assim como de um lugar para outro. Essas mudanças não ocorrem em períodos curtos, podendo levar de milhares até milhões de anos para acontecerem.

Tipos de rochas

Existem três tipos de rocha mais básicos: ígnea, sedimentar e metamórfica.

Rocha ígnea

Rochas ígneas são subdivididas em duas categorias: intrusivo (colocado na crosta) e extrusivo (extrudado na superfície da terra ou no fundo do oceano). Nesse caso, o material fundido de resfriamento é chamado de lava.

Extremamente comum na crosta terrestre, a rocha ígnea é vulcânica e se forma a partir de material fundido. Elas incluem não apenas lava expelida dos vulcões, mas também rochas como granito, formadas por magma que solidifica no subsolo.

Normalmente, o granito compõe grandes partes de todos os continentes. O fundo do mar é formado por uma lava escura chamada basalto, a rocha vulcânica mais comum. O basalto também é encontrado em fluxos de lava vulcânicos, como os do Havaí e Islândia.

Em resumo, rochas de granito podem ser muito antigas. Acredita-se que algum granito na Austrália tenha mais de quatro bilhões de anos, embora quando as rochas envelheçam, elas tenham sido alteradas o suficiente por forças geológicas que dificilmente as classifiquem.

rochas

Rocha sedimentar

Rochas sedimentares são formadas a partir de fragmentos erodidos de outras rochas ou mesmo de restos de plantas ou animais. Os fragmentos se acumulam em áreas baixas – lagos, oceanos e desertos – e depois são compactados de volta à rocha pelo peso dos materiais subjacentes.

O arenito é formado a partir de areia, de lama e de calcário de conchas, diatomáceas ou minerais semelhantes a ossos que precipitam da água rica em cálcio.

Os fósseis são mais frequentemente encontrados nas rochas sedimentares, que vêm em camadas, chamadas estratos. Durante a formação de uma rocha sedimentar, grandes quantidades de resíduos vegetais e animais podem ficar presos nas camadas. Eles passam a formar bolsas de carbono nessas rochas, que posteriormente são extraídas na forma de petróleo bruto.

Dentre os mais importantes tipos de rochas sedimentares, destacam-se os calcários, conglomerados, arenitos, xistos, gessos e brechas. Dessa forma, cada categoria possui propriedades e características únicas.

Rocha metamórfica

Rochas metamórficas são rochas sedimentares ou ígneas que foram transformadas por pressão, calor ou intrusão de fluidos.

O calor que forma uma rocha metamórfica pode vir de magma próximo ou água quente de fontes termais. Também podem vir da subducção, quando as forças tectônicas atraem rochas profundamente abaixo da superfície da Terra.

O mármore é um calcário metamorfizado e o quartzito é um arenito metamorfizado.

Textura das rochas

A textura de uma rocha se dá pelo seu tamanho, forma e disposição dos grãos (para rochas sedimentares) ou cristais (para rochas ígneas e metamórficas).

Também são importantes a extensão da homogeneidade da rocha (isto é, uniformidade da composição) e o grau de isotropia. O último é o grau em que a estrutura e a composição do volume são iguais em todas as direções da rocha.

A análise da textura pode fornecer informações sobre o material de origem da rocha, condições e ambiente de deposição (para sedimentares) ou cristalização e recristalização (para ígneas e metamórficas, respectivamente), e subsequente história e mudança geológica.

Algumas das principais características que podem ajudá-lo a identificá-las em três classes principais são:

  • Cristais – pequenas superfícies planas que são brilhantes ou cintilantes, como pequenos espelhos;
  • Fósseis – impressões de folhas, conchas, insetos ou outros itens na rocha;
  • Superfície vítrea – uma superfície brilhante e lisa, como vidro colorido;
  • Areia ou seixos – pedras individuais, seixos ou grãos de areia visíveis na rocha.

rochas

Para que servem as rochas?

Do prédio às rodovias, podemos encontrar as rochas em quase todos os lugares, e a sua robustez tem desempenhado um papel significativo na vida cotidiana. Mas, afinal, para que servem as rochas?

Há diversos usos para elas na engenharia civil e rodoviária, como:

  • blocos de pedras são usados em fundações, paredes, pontes, pilares, faróis, aquedutos e muros de contenção;
  • são usadas para trabalhos de alvenaria e colunas verticais, cobrindo os pisos dos edifícios;
  • quando quebradas ou trituradas, são usadas como agregados em concreto e em construções de estradas;
  • quebradas ou trituradas, também são usadas como lastro ferroviário;
  • pedras trituradas são utilizadas como substitutas naturais da areia;
  • o calcário é o material básico para a fabricação de concreto e cimento;
  • são usadas como blocos ao longo das margens do rio e do canal para evitar a erosão;
  • servem como material de base para filtros de água e esgoto, no caso de estações de tratamento de água e esgoto;
  • o calcário também é usado como fluxo nos altos-fornos;
  • na construção da barragem de alvenaria, pedras de boa qualidade e durabilidade são de vital importância;
  • rochas também podem ser usadas para trabalhos ornamentais dentro e fora dos edifícios, como blocos, lajes e lascas.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo