Tâmara é um delicioso fruto comestível que traz muita energia

Inicio » Agricultura » Tâmara é um delicioso fruto comestível que traz muita energia
08/08/2020 Por
Tâmara é um delicioso fruto comestível que traz muita energia

Atualmente, países como Egito, Tunísia, Irã, Paquistão, Arábia Saudita e Iraque são responsáveis por 98% da produção global de tâmara

A doce fruta conhecida como tâmara começou a ser cultivada há muito tempo, há milhares de anos. Tal longevidade do cultivo torna difícil a localização de sua origem. Alguns apontam o sudoeste da Ásia como o local mais provável, mas há quem diga que a origem tenha ocorrido no norte da África.

A tâmara é rica em nutrientes e poderosa fonte de energia. Tem propriedades medicinais que tornam o fruto e as folhas da planta muito procuradas para soluções caseiras contra determinadas enfermidades.

Tâmara

O que é tâmara?

Tâmara é uma fruta que cresce de uma palmeira chamada tamareira ou datileira. Seu nome científico é Phoenix dactylifera e é conhecida por ser uma fruta agradavelmente doce e energética.

A tamareira pode atingir até 25 metros de altura, por isso, é considerada de porte médio. Tem arbustos que são compostos por folhagens divididas em pinas.

Tâmara fruta

A tâmara fruta tem tonalidade vermelha, é rica em fibras e apresenta sabor agridoce. É um fruto muito versátil, podendo ser consumido in natura como também de forma complementar a outros pratos, inclusive sobremesas.

Quando está na árvore, o fruto apresenta cor verde e pode vir a adquirir tom vermelho ou bastante dourado.

As propriedades da tâmara a fazem ser requisitada como planta medicinal, sendo indicada para o auxílio de diversos tratamentos.

Há duas formas de consumo populares: tâmara fresca e seca.

Tâmara fresca ou seca?

O consumo mais popular da tâmara é quando seca, porém, é nesse estado que fica na sua versão mais calórica. O perfil calórico da tâmara estando seca se aproxima muito do figo e das uvas passas.

A tâmara fresca apresenta entre 20% e 36% de açúcar, já as secas variam de 55% a 80%.

Em termos nutricionais, de propriedades, não há diferenças significativas entre uma forma ou outra, mas, sem dúvida, conforme os números apontam, o fruto seco apresenta maior teor calórico. É importante ter conhecimento sobre esse dado principalmente se pensa em incluir a tâmara em sua dieta.

Tâmara

Propriedades da tâmara

Sem dúvida, as alardeadas qualidades medicinais da tâmara estão relacionadas com a abundância e qualidade dos nutrientes que a compõe. Vejamos quais são esses nutrientes.

O que explica a fruta ser conhecida como uma grande fonte de energia é o fato de conter hidratos de carbono simples e complexos. O fruto apresenta 72% desses hidratos que colaboram para que seja um alimento altamente energético. Tal fama faz a fruta ser carimbada nas dietas de atletas de alta performance.

Além dos hidratos, a tâmara é composta por:

  • Potássio;
  • Cobre;
  • Cálcio;
  • Magnésio;
  • Vitamina A;
  • Manganês;
  • Vitaminas do complexo B;
  • Carboidratos;
  • Fibra;
  • Proteína;
  • Ferro,

Mas certamente, além de energizar corpos, a tâmara proporciona outros benefícios aos seus consumidores. Saiba quais são esses benefícios a seguir.

Benefícios da tâmara

Doce, de textura leve, fonte de energia e rica em propriedades que beneficiam a saúde. Mas quais são exatamente esses benefícios? Qual contribuição a fruta proporciona ao organismo de seus consumidores, além de agradar o paladar com seu delicioso gosto agridoce?

Veja a lista de benefícios logo abaixo.

Melhora a digestão e prolonga a saciedade

Um dos nutrientes essenciais para provocar esses efeitos de melhorar a digestão e prolongar a sensação de saciedade são as fibras.

As fibras não são absorvidas pelo organismo, por isso chegam de forma integral ao intestino e estômago. Acabam absorvendo glicose e gordura dentro do organismo, colaborando para manter os níveis dessas duas substâncias presentes no corpo, controladas. Ajuda a expelir essas substâncias quando é descartada com as fezes.

Por falar em fezes, a tâmara ajuda a regular o trânsito intestinal ao formar uma espécie de gel dentro do corpo. Quando as fibras entram em contato com o suco gástrico, formam um gel que também tem característica de absorção e colabora para expelir o que é visto como descartável pelo organismo.

Além disso, esse “gel” traz como outro benefício o prolongamento da sensação de saciedade. Essa sensação é a de sentir o corpo satisfatoriamente nutrido. No entanto, alimentos que provocam saciedade como a tâmara causam a sensação mesmo se o consumo de calorias for inferior ao habitual.

O gel formado pelo contato das fibras com o suco gástrico acaba se expandindo pelo estômago, provocando a sensação de “estufamento”. Esse estufamento gera perda de apetite, sendo um ótimo recurso para as pessoas que estão com dificuldade em se adaptar às novas dietas.

Tâmara

Combate os radicais livres

A tâmara é cheia de antioxidantes que tem como um dos principais atrativos o combate aos radicais livres.

Esses radicais livres são células mal formadas que circulam livremente pelo organismo à procura de células inteiras para tentar “roubar” as suas partes invejáveis. No entanto, ao fazer essa tentativa de se recompor, acaba prejudicando a função de algumas dessas células.

É onde mora o perigo, porque essa interação forçosa ocasiona o desenvolvimento de doenças crônicas, como câncer e envelhecimento precoce da pele.

Colabora para o parto natural

A tâmara é um alimento recomendado para mulheres gestantes consumirem nas últimas semanas de gestação. Ocorre que a fruta auxilia na dilatação cervical, colaborando para diminuir a necessidade de um parto induzido.

A tâmara também é conhecida nesse meio por acelerar o trabalho de parto. Estudos mostram que mulheres que começaram a consumir porções diárias de tâmara a partir da 37ª semana tiveram o trabalho de parto reduzido em quatro horas. Por isso, é uma fruta altamente indiciada para as mães que desejam ter um parto natural, mesmo que tardio.

Substitui o açúcar

A tâmara é rica em frutose, um tipo natural de açúcar. Isso explica o seu sabor doce que chega a ser confundido com caramelo. Não à toa, chega mesmo a substituir o doce quando é preciso.

O mesmo quanto ao açúcar branco, mas nesse caso a substituição é feita, normalmente, em receitas.

Versatilidade

Por fim, a tâmara ainda é conhecida por ser uma fruta extremamente versátil. Assim, pode ser consumida na sua forma in natura, fresca, seca e adicionadas em saladas, massas, risotos e sobremesas.

Por ter sabor agridoce, a tâmara é uma boa pedida para se misturar a pratos salgados também.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo