Atemoia é fruta pouco conhecida que surpreende pelos benefícios

Inicio » Agricultura » Atemoia é fruta pouco conhecida que surpreende pelos benefícios
24/06/2019 Por
Atemoia é fruta pouco conhecida que surpreende pelos benefícios

Atemoia surpreende pelos seus nutrientes e benefícios

A atemoia é uma fruta híbrida, resultante do cruzamento entre a fruta do conde (ou pinha) e a cherimoia (ou chirimoia), da família Annonaceae.

A atemoia ainda não é muito conhecida, sobretudo no Brasil. Apesar disso, vem sendo alvo de estudos por causa das suas propriedades e nutrientes.

Atemoia

O que é atemoia?

Atemoia é resultado de uma mistura entre a fruta do conde e a cherimoia, como dito anteriormente. A fruta foi trazida para o Brasil na década de 1960 e é cultivada nos dias atuais nas regiões Sudeste e Nordeste.

A origem da fruta é uma mistura de características da cherimoia, que frutifica em regiões da América do Sul, e da fruta do conde, que é encontrada em lugares mais quentes.

A fruta atemoia é muito saborosa e doce, com a polpa branca e sementes pretas. Anatomicamente semelhante à pinha que a originou, tem várias propriedades nutricionais. Além disso, ela se adapta a diversos lugares e em diferentes condições climáticas.

Propriedades da atemoia

A atemoia tem várias propriedades, inclusive medicinais. São alguns exemplos:

  • Tem ação antioxidante;
  • Funciona como alimento funcional;
  • Possui substâncias anticancerígenas na casca;
  • Tem ação antimicrobiana

Além das propriedades medicinais da atemoia, a atemoia é uma fruta riquíssima em nutrientes. Na fruta é possível encontrar, por exemplo, compostos fenólicos, minerais, vitamina E, C, B1 e B2, ômega 3 e 6, potássio, fibras; carboidratos; cálcio e ferro.

Graças à abundância de vitaminas, ela é uma aliada da boa saúde e recomendada para fortalecer o organismo e  prevenir doenças.

No entanto, pessoas diabéticas devem consumir a fruta com moderação. Isso porque a atemoia, assim como outras frutas, tem alta concentração de frutose, um açúcar natural.

Benefícios da atemoia

Essa fruta tem benefícios surpreendentes, que curiosamente ainda estão sendo descobertos por pesquisadores. A seguir segue uma lista com os 6 principais:

  1. É fonte de energia: tem grande quantidade de carboidratos, que são encontrados principalmente em sua polpa. Por essa razão, é uma boa fonte de energia rápida, sendo indicada sobretudo para atletas. Quem quer perder peso, contudo, deve consumir a fruta com moderação porque ela é muito calórica;
  2. Regula o intestino: graças a grande quantidade de fibras, auxilia o funcionamento correto do intestino, além de ajudar na saciedade;
  3. Ajuda no controle da pressão: por causa do potássio em sua composição, ela auxilia na redução da pressão arterial.
  4. Previne o câncer: por possuir compostos anti-inflamatórios e antioxidantes, sobretudo na casca, ameniza o crescimento de células cancerosas. Essa propriedade também atua na prevenção de algumas doenças degenerativas, como a artrite, e evita o envelhecimento precoce;
  5. Auxilia na recuperação de gripes: rica em vitamina C, compostos anti-inflamatórios e antioxidantes, é um poderoso aliado na recuperação de gripes e resfriados, além de proteger contra infecções.
  6. Previne contra doenças cardiovasculares e colesterol: o ômega 3 e 6 presentes em sua composição atua na redução do colesterol ruim e previne doenças cardiovasculares.

Atemoia

Receitas com atemoia

Consumir a atemoia in natura é a melhor forma para aproveitar os seus nutrientes. No entanto, é possível variar e usar a fruta no preparo de diversas receitas, como sucos, purês, geleias, bolos, doces, entre outros.

A sua casca, por exemplo, contém mais nutriente do que a polpa. Sendo assim, pode ser triturada e misturada, por exemplo, em iogurtes, saladas de frutas e sorvetes.

Veja a seguir algumas receitas com a atemoia:

Suco de atemoia com maçã

Ingredientes: 1 atemoia, 500 ml de água, 1 maçã, , cubos de gelo

Modo de preparo: Corte a fruta ao meio, retire as sementes e jogue a polpa no liquidificador junto com a maçã picada, a água e gelo. Em seguida, bata bem e sirva na hora.

Mousse de atemoia

Ingredientes: 5 colheres de açúcar, 6 atemoias, 1 caixa de gelatina (importante ser sem sabor), 3 claras batidas em neve, 5 colheres de água, 1 caixa de creme de leite (de preferência fresco).

Modo de preparo: Tire as sementes e os caroços da atemoia e reserve. Em seguida, dissolva a gelatina sem sabor na água e junte a polpa de atemoia. Na sequência, bata as claras em neve com o açúcar e acrescente lentamente o creme de leite, sempre batendo levemente. Por fim, adicione a polpa batida e leve para gelar. Sirva, enfim, depois que o mousse estiver gelado.

Bolo de atemoia

Ingredientes: 1 xícara de chá de óleo, 2 xícaras de chá de farinha de trigo, 1 colher de sobremesa de fermento, 1 xícara de chá de açúcar, 2 xícaras de atemoia picada, 2 ovos

Modo de preparo: Coloque o açúcar e a farinha em uma tigela e reserve. Logo na sequência, despeje os ovos e o óleo no liquidificador e bata bem. Em seguida, adicione a massa aos ingredientes que você havia reservado na tigela. Mexa bem.

Na sequência, bata as atemoias no liquidificador, retire-as e misture as duas xícaras de chá da polpa à massa, e continue misturando até ficar homogênea. Por fim, adicione o fermento e mexa bem, coloque em uma forma untada e leve ao forno médio de 15 a 20 minutos.

Como plantar atemoia?

A plantação de atemoia deve ser feita por enxerto, ou seja, plantando uma muda já enxertada. Isso porque essas mudas são mais fortes e resistentes a fungos.

Com isso, a árvore de atemoia se desenvolve bem e começa a produzir o fruto por volta do terceiro ano de crescimento. A frutificação acontece sobretudo nos meses de fevereiro e setembro, e com mais força em maio e junho.

Atemoia

Isso não significa, entretanto, que não se pode plantar atemoia germinando sementes. Todavia, vale ressaltar que só ocorrerá uma demora maior para a árvore frutificar (pelo menos 4 anos). Além disso, árvores de atemoia plantadas por sementes podem gerar frutos pouco uniformes e mais suscetíveis às doenças do solo.

Por ser uma planta tropical, a atemoia consome de muita água em seu cultivo. Por essa razão, o plantio deve começar na estação chuvosa, de preferência. Para manter a planta saudável, é importante regar com regularidade para manter a terra sempre úmida.

Além disso, é recomendável efetuar podas regulares, principalmente na época da frutificação, e parar quando a árvore começar a florescer. O solo para a plantação de atemoia deve ser profundo e bem adubado para que não prejudique as raízes.

Para que a atemoia se desenvolva, é necessário ainda que seja reservado um espaço à sua volta para que a árvore cresça.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo