Azeite de dendê tem origem no fruto do dendezeiro

Inicio » Agronegócio » Azeite de dendê tem origem no fruto do dendezeiro
24/08/2020 Por
Azeite de dendê tem origem no fruto do dendezeiro

Também conhecido popularmente como óleo de palma, a origem do azeite de dendê é proveniente e bastante comum no Nordeste do país, bem como na cozinha típica africana, sendo que além da referência regional, também conta com forte reconhecimento no Candomblé.

Vatapá e acarajé, duas receitas muito tradicionais da cozinha afro-brasileira e nordestina, são compostos por uma mistura única de ingredientes presentes no local. Um deles é o azeite de dendê, que é indispensável para que as receitas fiquem saborosas e agradáveis ao paladar da população local e dos visitantes que as saboreiam.

Azeite de dendê

O que é azeite de dendê?

Azeite de dendê é um óleo extraído do dendezeiro. O alimento é utilizado para o preparo dos mais diversos tipos de receitas no mundo todo, ocupando a segunda posição no ranking de óleos mais consumidos do planeta.

Para que serve azeite de dendê?

Por ser um óleo, a utilização do produto é muito diversa, sendo especialmente aplicado para a fabricação e preparo de receitas de gênero alimentício. Entretanto, também é possível utilizar o azeite de dendê em produtos cosméticos, fabricação de detergentes e até mesmo em substituição ao óleo diesel.

Em relação ao seu uso para o preparo de alimentos, as possibilidades são realmente amplas. Por isso, vale comentar algumas das receitas com azeite de dendê:

  • Ensopado de frango com dendê;
  • Moqueca baiana;
  • Bobó de camarão;
  • Acarajé;
  • Abará.

Todas essas receitas se aproveitam dos benefícios do azeite de dendê em seus preparos. Esses benefícios transitam entre o sabor marcante do alimento, bem como de sua textura, até suas interessantes propriedades nutritivas.

Propriedades do azeite de dendê

Diversas são as propriedades do azeite de dendê que chamam a atenção e motivam os consumidores a utilizarem o produto. Uma das que mais se destacam é a sua composição rica em betacaroteno. Sim, aquele famoso componente das cenouras.

Esse componente é conhecido por ter um excelente efeito no aumento dos níveis energéticos do corpo humano, sendo que também auxilia em aspectos de regularização hormonal.

Além disso, o azeite de dendê também conta com uma estrutura molecular em que estão presentes diversos tipos de antioxidantes. Isso contribui para a prevenção de inúmeras doenças que afetam a visão da população de maneira geral, como a catarata e a degeneração muscular.

Outros excelentes benefícios da utilização do óleo são a redução da chance de câncer, por conta da vitamina E, a prevenção de problemas de colesterol, bem como o aumento do nível de diversas vitaminas que normalmente são deficientes durante a gestação.

Azeite de dendê

Azeite de dendê faz mal?

Essa questão é muito buscada, tendo em vista que o sabor e as receitas que utilizam esse tipo de azeite são bastante gordurosas e cheias de ingredientes que não necessariamente fazem bem para a saúde dos consumidores.

A partir disso, a palavra-chave para esse questionamento é o equilíbrio, como em todos os casos que envolvem alimentação. Tudo que é consumido em excesso não tende a trazer aspectos positivos para a saúde. Por esse motivo, a dica é não consumir o azeite de dendê de maneira demasiada.

Dessa maneira, não há com o que se preocupar quanto ao seu consumo. Afinal, com equilíbrio e cautela, o azeite de dendê é saudável.

Azeite de dendê no cabelo

O uso desse tipo de azeite no cabelo pode trazer diversas vantagens para quem os aplica. Dentre elas, a que mais se destaca positivamente é a redução dos níveis e da aparência de frizz.

Muitas mulheres, e até mesmo homens, vivem com dificuldades para deixar seu cabelo da maneira como querem. Muito disso é proveniente do clima a que se é exposto, normalmente úmido. A partir desse aspecto, foi descoberto que o azeite de dendê para o cabelo traz benefícios para o combate ao ressecamento e ao frizz.

Além disso, não é preciso que se utilize o produto sozinho. É possível misturá-lo a outros produtos utilizados normalmente, como cremes, por exemplo, para ter seus efeitos potencializados no cabelo.

As maiores indicações para o uso do óleo são para cabelos ruivos, escuros e afro, sendo que não é tão indicado para cabelos loiros. Esse último é observado devido ao acompanhamento de alguns casos de amarelamento de loiros em algumas pessoas.

Por isso, a dica é sempre fazer um teste de mecha antes de utilizar qualquer tipo de produto novo nos cabelos.

Como é feito o azeite de dendê?

Para fazer o azeite de dendê em casa, é muito simples. Os passos devem ser seguidos de maneira integral para que o sucesso da receita seja garantido.

Azeite de dendê

Ingredientes

O único ingrediente utilizado é o fruto do dendê, o que torna todo o processo mais barato e mais fácil de ser seguido. Isso também faz com que a receita seja mais democrática, possibilitando que qualquer pessoa com acesso ao fruto possa aproveitar o sabor e os benefícios que esse tipo de azeite proporciona.

Modo de preparo

Primeiramente é necessário retirar a casca envolta do fruto, que no caso é o coco do dendê. Depois, basta que se passe o fruto para um pilão, onde começa a fase de amassá-lo até que a casca se descole totalmente de sua polpa.

A partir disso, se passa para etapa de coar o líquido obtido. Essa etapa precisa ser feita com o máximo de cautela para que as partes sólidas indesejadas não sejam colocadas junto à parte coada que será aproveitada para a produção do azeite.

Após coar, o azeite de dendê está pronto para a utilização. Nesse momento, poderá ser utilizado nas mais diversas aplicações do mercado industrial e principalmente nas mesas de brasileiros que aproveitam o fruto para alimentar sua família.

Com todos esses benefícios e a partir das dicas apresentadas, então, é fácil optar pela utilização do azeite de dendê na próxima vez que fizer uma receita com azeite. Portanto, aproveite o produto e lembre-se sempre que o consumo com moderação é o mais indicado.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo