Bacias hidrográficas do Brasil: as 12 as maiores e mais importantes

Inicio » Meio Ambiente » Bacias hidrográficas do Brasil: as 12 as maiores e mais importantes
24/04/2020 Por
Bacias hidrográficas do Brasil: as 12 as maiores e mais importantes

Bacias hidrográficas do Brasil estão entre as maiores do mundo

As bacias hidrográficas do Brasil correspondem a 14% das reservas mundiais de água doce. Além disso, o país conta com uma elevada capacidade de gerar energia elétrica a partir da água.

Outro ponto muito favorável é que as principais bacias hidrográficas do Brasil totalizam um número de 12, sendo que a maioria se destaca até mesmo em territórios estrangeiros. Tudo isso colabora para que o Brasil seja visto como um país extremamente rico e afortunado. Confira, em seguida, mais informações sobre esse assunto.

bacias hidrográficas do Brasil

O que são as bacias hidrográficas do Brasil?

Bacias hidrográficas do Brasil são compostas por 12 maiores e mais importantes bacias, cujas quais são reconhecidas no território brasileiro e também em território estrangeiro. Muitas pessoas ainda não têm muito claro o que são bacias hidrográficas.

Assim, as bacias se tornam, em geral, um conjunto de terras drenadas por um rio principal. Cada bacia hidrográfica possui um rio em específico e, junto a ele, existem um ou mais afluentes.

Os principais tipos de bacias hidrográficas

Existe, pelo menos, três tipos de bacias hidrográficas. Para identificá-las, é preciso obter alguns dados que ajudam a delimitar e também a enquadrar a bacia em alguma das três categorias citadas abaixo. Por exemplo:

  • Elementar;
  • Representativa;
  • Experimental.

Relativamente pequena, mas não menor do que a bacia experimental, a bacia elementar atinge até 5 km² e constitui a menor unidade geomorfológica. Em contrapartida, a bacia representativa é uma espécie de instrumento para observação e registros de fenômenos hidrológicos.

Por último, a bacia experimental é aquela que possui características um tanto quanto uniformes e que possuem uma área menor do que 4 km². Ou seja, é uma bacia que consegue ser menor que a bacia elementar.

Inclusive, é importante frisar que as bacias hidrográficas do Brasil também podem ser caracterizadas por bacias urbanas e rurais, possuindo algumas diferenças entre si.

As bacias rurais, por exemplo, são caracterizadas por possuírem áreas de cultivo e pastagem, o que pode mostrar alterações. Essas alterações, geralmente, se apresentam na qualidade da água.

Além disso, como são bacias que possuem um solo muito exposto por conta das atividades exercidas ali, sofrem uma grande perda de umidade. Em alguns casos, dependendo do local, pode ocorrer o contrário: grande umidade, enchentes e alagamentos.

Em contrapartida, as bacias urbanas não mostram seus limites, já que as ruas tomam o lugar que seria dos afluentes e, assim, a água acaba aparecendo somente quando chove, mas nem sempre. Onde seria o rio principal, apresenta somente um valão ou concreto.

Tanto nas cidades quanto nas zonas rurais, é possível encontrar bacias hidrográficas, logo, também entram na lista de regiões hidrográficas do Brasil.

bacias hidrográficas do Brasil

Principais bacias hidrográficas do Brasil

O Brasil, como dito anteriormente, é um país muito afortunado por conta da quantidade de bacias de água doce que possui. Conhecido por ser um país extremamente diversificado e rico, as principais bacias hidrográficas do Brasil apenas reforçam essa fama.

Confira abaixo quais são e veja os nomes das bacias hidrográficas do Brasil.

Amazônica, a maior dentre as bacias hidrográficas do Brasil e do mundo

Levando o título de maior bacia do mundo inteiro, a bacia hidrográfica Amazônica é referência para todas as pessoas que procuram quais são as bacias hidrográficas do Brasil.

Conhecidas por drenarem a água de quase 7 milhões de km², as bacias hidrográficas do Amazonas apresentam potencial incrível para gerar energia hidrelétrica.

São Francisco

Essa bacia é a responsável por ligar as regiões Nordeste e Sudeste. Além disso, chama a atenção por possuir mais de 640 mil km². Para quem gosta de aproveitar a natureza, ela possui uma enorme extensão navegável, além de ter um ótimo potencial hidrelétrico também.

Mas não somente isso. Dentro dela, é possível encontrar grande atividade de garimpo e mineração. Estes, quando somados com a irrigação e poluição, se tornam uma grande ameaça para a qualidade de seus rios.

Paraná

Abrangendo as regiões do Brasil até o Uruguai, conta com diversos rios que possuem um potencial considerável para instalações de redes hidrelétricas dentro do mapa das bacias hidrográficas do Brasil.

Tocantins, também conhecida como Tocantins-Araguaia

Em relação às bacias com total exclusividade brasileira, essa é a maior.

A bacia localizada em Tocantins-Araguaia possui mais de 900 mil km². Porém, o seu grande potencial energético é voltado para a usina hidrelétrica localizada em Tucuruí, no Pará.

Bacia localizada no Parnaíba

Responsável por abranger uma quantidade de 340 mil km², é uma bacia que possui como principais rios o Rio Balsas, Uruluí, Gurgueia, Longá, Poti, entre outros. Ela também está presente desde o estado do Piauí, até o oeste do Ceará.

bacias hidrográficas do Brasil

Uruguai

Abrangendo o Rio Grande do Sul (RS) e Santa Catarina (SC), possui como principal rio justamente o Rio Uruguai. Esse rio, por sinal, é o resultado entre a união do Rio Canoas e Rio Pelotas.

Paraguai, uma das bacias hidrográficas do Brasil mais favoráveis para a navegação

Sendo considerada a típica planície, apresenta extensões muito favoráveis de navegações em geral. Quando abrangendo o território brasileiro, chega a cobrir toda a área de Mato Grosso e também Mato Grosso do Sul. Inclusive, ainda engloba uma área de 361 mil km².

Atlântico Nordeste Oriental

Com a responsabilidade de drenar todas as águas de uma área de 287 mil km², essa bacia possui os rios Beberibe, Capibaribe e o rio Jaguaribe, que é considerado o maior rio temporário de todo o mundo.

Atlântico Nordeste Ocidental

Com 254 mil km², possui como principais rios o Mearim, Itapecuru e Turiaçu. Além disso, está situada exatamente no estado do Maranhão e estado do Pará.

Bacia do Atlântico Leste

Abrangendo Sergipe, BH, MG e ES, possui como destaque o famoso Rio Jequitinhonha. Além disso, essa bacia alcança um tamanho de 374 mil km².

Atlântico Sudeste

Presente do Espírito Santo até o Paraná, essa bacia representa a mais de 220 mil km². É composta pelos rios Itapemirim, Doce, São Mateus e Iguape.

Bacia do Atlântico Sul

A última das bacias hidrográficas do Brasil, mas não menos importante, é a bacia que está localizada no Atlântico Sul. Possuindo rios de menor tamanho em grande quantidade, possui mais de 185 mil km² quadrado. Além disso, outra de suas características é também bastante interessante: todos os seus rios deságuam no Oceano Atlântico.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo