Bambu mossô é variedade usada na decoração de interiores

Inicio » Meio Ambiente » Bambu mossô é variedade usada na decoração de interiores
27/10/2019 Por
Bambu mossô é variedade usada na decoração de interiores

Bambu mossô é espécie que tolera diversas condições naturais e se adapta a qualquer uma delas

Forte, resistente e flexível como um bambu! Já ouviu essas expressões? Elas são famosas por expressar a capacidade que a espécie tem de resistir às intempéries climáticas até desabrochar. Mesmo que seja mais conhecido nos campos externos, é possível trazer esse mestre da vida para dentro de casa ao plantar a variedade do bambu mossô.

Mas, antes de falar sobre o bambu mossô e até para entender suas características, é importante saber de alguns fatos. A força vem desde o momento da germinação. Sabe-se que a semente do bambu demora aproximadamente cinco anos para submergir da terra. Neste período, vai fortalecendo a estrutura que será a base de sua resistência. 

bambu mossô O que é bambu mossô?

O bambu mossô, cujo nome científico é  Phyllostachys pubecens é uma planta nativa da China, que se adaptou bem ao clima do nosso país. Afinal, segue a forte característica de tolerância a condições naturais diversas, inclusive temperaturas negativas.

Quando plantada diretamente no solo, essa espécie pode atingir até 25 metros de altura com diâmetro de até 15 cm. Entretanto, flexível como é, também tem bom desenvolvimento em pequenos canteiros ou vasos.

E sabe qual é outro aspecto que o diferencia das demais variedades de bambu? Sua aparência torta que, inclusive, pode ser obtida manualmente. Basta retirar os colmos ou casca que o envolvem para, depois, direcioná-la a curvatura desejada. 

O bambu mossô é versátil e possui diversas funcionalidades. Por isso, pode ser encontrado na decoração de interiores, para conter erosões, além de que pode ser utilizada como fonte para uso de madeira. 

Como se dá o plantio?

A reprodução deste bambu ocorre de forma sexuada e assexuada, sendo esta a mais comum. Ela acontece quando os rizomas subterrâneos enviam novas varas. Ainda que o fenômeno aconteça a cada 50 anos, é possível que a planta floresça e produza sementes. Logo, flores em algum lugar do colmo podem ser vistas.

E como plantar bambu mossô? A muda de bambu mossô pode ser plantada em vasos ou direto no solo. O ideal é que o vaso tenha o mínimo de 40 cm de diâmetro e profundidade, evitando que o crescimento da planta seja comprometido. A mesma indicação vale para o plantio direto no solo. 

Ainda, é importante que a terra seja adubada e tenha boa capacidade de drenagem. É importante mencionar também que o bambu não forma touceiras, isso é, crescimento de muitas plantas próximas entre si. Portanto, uma única muda de bambu mossô pode ser plantada e formatada no vaso. 

É frequente encontrar a planta ressecada?

O bambu mossô ressecado não é algo frequente, mas pode ocorrer em virtude da falta absoluta de água. Ainda que não exija água em abundância, não regar de forma alguma provoca a chamada mumificação. Então, para evitar esse tipo de situação, é importante saber como cuidar do bambu mossô

Como se sabe, a planta se adapta bem às variações climáticas, porém é bom deixar o vaso próximo a portas e janelas, caso seja plantado em interiores. De modo geral, o indicado é regar a planta uma vez ou mais vezes por semana, principalmente nos períodos mais quentes do ano.

bambu mossô

Quanto à adubação, ela deve ser feita trimestralmente com adubo orgânico de boa qualidade. Lembre-se que a adubação feita no tempo e forma adequados é um ponto fundamental para o desenvolvimento saudável da planta.

Existe bambu mossô artificial?

A correria do dia a dia, por vezes, nos impede de proceder com regas e adubações. Por isso, muita gente recorre ao bambu mossô artificial. Ele pode ser encontrado em mercados especializados, medindo entre 1,20m e 2m de altura. Uma de suas principais vantagens é a ausência de cuidados com regas permanentes, iluminação, adubações e pulverização. 

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo