Banana da terra é oriunda da África e típica do Norte e Nordeste

Inicio » Agricultura » Banana da terra é oriunda da África e típica do Norte e Nordeste
10/09/2019 Por
Banana da terra é oriunda da África e típica do Norte e Nordeste

Banana da terra é a maior banana conhecida

Uma banana da terra, para os olhos destreinados, pode facilmente ser confundida com uma banana típica. Afinal, ela compartilha características físicas e o cheiro de uma banana.

Contudo, uma vez que você morde essa fruta in natura, você tem a confirmação de que definitivamente não é uma banana típica. Em suma, a banana da terra é maior e mais difícil de descascar, devendo ser cozida antes do consumo.

Banana da terra

O que é banana da terra?

Banana da terra é uma variação de banana oriunda da África. A depender da região, ela ainda pode ser chamada de chifre de boi, pacova ou banana comprida.

Sua variação pode alcançar um tamanho de aproximadamente trinta centímetros de comprimento – sendo, assim, a maior banana de que se tem conhecimento.

São tecnicamente frutas, mas muito parecidas com o tomate – se não na aparência, definitivamente no preparo. Afinal, ao contrário da banana comum, essas variações são cozidas como se fossem vegetais.

Sua massa soma estimativamente quinhentas gramas por cada fruto. Na aparência, o fruto tem um dos lados achatado e não é tão adocicado quanto os outros tipos de bananas. A casca é amarela escura e ganha manchinhas pretas quando amadurece.

Sua polpa é macia, rosada e mais consistente, contendo menos açúcares e mais amidos – estes não são digeridos facilmente. Por este motivo, os nutricionistas desaconselham o consumo in natura. O fruto é, portanto, consumido principalmente cozido, frito ou assado.

Além disso, são mais difíceis de descascar do que as demais variações de banana (especialmente quando verdes). O alimento é uma parte importante da culinária da América Central, da América do Sul, do Caribe, da África e do Sudeste Asiático.

No Brasil, seu consumo é mais comum e aparece em escala maior na região Centro Oeste, contudo, é também popular nas regiões Nordeste e Norte.

Tipos de banana

Existem diversos tipos de banana que variam de sabor, tamanho, consistência e aspecto. Entre elas estão a banana ouro, banana prata, banana nanica, banana maçã e, claro, banana da terra.

Para os olhos mais atentos, a banana da terra tem uma aparência que a destaca das demais. Ela é a maior banana do mundo e sua casca ganha manchas pretas quando amadurece.

Além disso, dentre as variações, a banana da terra é a que tem mais amido e menos açúcar. Isso significa que, quando maduras, elas ainda poderão manter uma cor esverdeada antes de passarem para o amarelo.

Enquanto uma banana típica consiste em um ótimo lanche cru, geralmente não se come a banana da terra crua devido ao seu alto teor de amido.

Nativas da África, as bananas da terra desempenham um papel importante em muitas dietas tradicionais. Quando usadas na culinária, são tratadas mais como legumes do que como frutas.

Banana da terra

Diferença da banana da terra

As bananas típicas e as bananas da terra começam com uma casca verde que passa para o amarelo. Em seguida, assumem uma coloração marrom escura a preto à medida em que amadurecem. Elas também têm em comum o seu crescimento, que se dá em cachos. No entanto, é aí que as semelhanças terminam.

As bananas da terra são mais longas e robustas do que as demais variações. Eles também têm uma pele mais espessa e contêm significativamente mais amido.

O sabor e a preparação são as maiores diferenças. Onde as bananas raramente são cozidas (exceto bananas verdes), é essencial cozinhar antes de comer uma banana da terra.

Receitas com banana da terra

Como observado, as receitas com banana da terra exigem um preparo especial, uma vez que é contraindicado comê-las cruas.

Confira abaixo uma deliciosa receita de banana da terra frita.

Banana da terra frita

Ingredientes:

  • 2 unidades de bananas da terra bem maduras;
  • 1 colher de sopa com manteiga;
  • 1 colher de sopa com açúcar para polvilhar;
  • 1 colher de chá com canela em pó para polvilhar;
  • Sorvete para acompanhar.

Modo de preparo:

  1. A princípio, comece descascando as bananas da terra e cortando-as em fatias ao longo do comprimento;
  2. Em seguida, despeje a manteiga em uma frigideira e leve-a ao fogo médio;
  3. Adicionando uma rodela de cada vez, frite as fatias da banana na frigideira;
  4. Mantenha as rodelas no fogo até que ambos os lados estejam dourados;
  5. Retire as rodelas da frigideira com o auxílio de um garfo. Para evitar o excesso da gordura, cubra um prato com papel toalha para despejar as bananas;
  6. Faça uma mistura de canela com açúcar e use o pó para polvilhar as rodelas fritas;
  7. Sirva as fatias quentes acompanhadas de sorvete, tipo banana split.

Banana da terra

Cultivo de banana da terra

Devido à hidratação do tecido e à morfologia da bananeira, a banana da terra pede uma quantidade abundante de água disponível no solo. Esse é um requisito indispensável para garantir que tanto o seu crescimento quanto o seu desenvolvimento serão satisfatórios.

O primeiro ciclo possui uma duração de quatorze meses. O consumo de água nesse período, nas condições adequadas, é de 930 mm a 1.800 mm. Regiões que contam com precipitação média anual de 1.800 mm a 2.100 mm possuem vantagens.

Afinal, quando a precipitação ao longo do ano é bem distribuída, as regiões são consideradas apropriadas para o cultivo de banana da terra sem necessitar de irrigação.

A área foliar, utilizada para transpiração, é responsável pela grande demanda de água por parte da planta. De modo similar aos demais cultivares de variações de bananeira, a banana da terra oferece opções de irrigação por quaisquer métodos. Isto é, é possível irrigar a cultura com gotejamento, micro-aspersão ou aspersão.

Sendo assim, a irrigação da banana da terra compensa quando há nível tecnológico adotado, déficit hídrico e, sobretudo, o mercado que se aspira alcançar.

Viabilidade econômica

A banana da terra detém suma importância social e econômica. Por ser uma fruta com teor de amido elevado, é consumida como uma fonte de carboidratos em vários países, tais como Ásia, África e América do Sul.

O cultivo dessa variação de banana é uma valorizada e reconhecida fonte de renda para os pequenos agricultores das regiões do Norte e do Nordeste brasileiro.

Custo de produção

Em geral, o custo de produção no primeiro ano para a introdução de banana da terra é de R$ 10.700,00/ha para o cultivo não irrigado e R$ 23.900,00/ha para o cultivo irrigado.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo