O bem-estar animal garante o respeito aos bichos na pecuária

Inicio » Veterinária » O bem-estar animal garante o respeito aos bichos na pecuária
31/01/2019 Por
O bem-estar animal garante o respeito aos bichos na pecuária

A importância do bem-estar animal

O bem-estar animal é um direito necessário. Deve haver informações constantes para que processos de criação na agropecuária sejam feitos sempre de maneira humanitária.

É importante manter o bem-estar animal e progredir no setor econômico e agropecuário. Por isso, devem ser tomados os cuidados devidos para, consequentemente, haver maiores e melhores produções. Além da boa convivência entre animal, agricultor e território.

A pastagem favorece o bem-estar animal

O que é bem-estar animal?

O bem-estar animal é caracterizado como a responsabilidade na qualidade de vida dos animais, visando a saúde e bom estado físico e mental. Além de diferentes hábitos e medidas que podem ser tomados para colaborar com o processo de acomodação de cada bicho no espaço em que são criados.

Tendo em vista as necessidades básicas dos animais, o bem-estar deve ser planejado com base na natureza de cada espécie. E é de extrema importância que os animais se sintam confortáveis em lugares que remetem seu habitat natural, além de terem a vacinação em dia e estarem longe de altos níveis de estresse.

A qualidade dos animais como produto é analisada de seu nascer até o processo de abate. Por isso, é indispensável que o sistema de bem-estar animal seja realizado por produtores eficientes e cuidadosos.

O livro Animal Machines (Máquina de animais) foi lançado em 1964 pela autora e veterinária Ruth Harrison, serviu para conscientizar as pessoas sobre o tratamento dos animais e a necessidade que têm de serem respeitados como qualquer outro ser vivo. Após a repercussão das crueldades descritas em seu livro, foi criada uma apresentação que define um conceito básico chamado: 5 liberdades

Mas o que são as 5 liberdades envolvidas no bem-estar animal?

  • Eles devem ser sempre muito bem alimentados e ter total acesso à comida e água;
  • Os animais devem ser mantidos em lugares confortáveis e aconchegantes para facilitar sua adaptação;
  • Devem ser respeitados por sua natureza e instintos;
  • Devem estar seguros e psicologicamente sadios.

Existem cursos para uma melhor noção sobre o bem-estar animal. É voltado para os trabalhadores do setor pecuário que lidam com a saúde e o manejo dos bichos. Sendo assim, é importante lembrar que quanto melhor a qualidade do produto final, maior o crescimento do setor agropecuário e posicionamento mercado interno e externo.

Bem-estar animal

A relação entre animal e homem deve ser baseada no conhecimento e na garantia de boas sensações, condutas e hábitos. Contudo, qualquer sofrimento causado aos animais durante sua criação também deve ser analisado; e vale citar que a legislação brasileira impõe procedimentos generosos desde o início da criação até a etapa de abate.

Isso, com o intuito de que se possa diferenciar as agressões propositais das não intencionais – e também para que, por meio da observação, seja possível aperfeiçoar cada vez mais os processos que garantem a manutenção do bem-estar dos bichos em todos os momentos.

É uma questão ética e humanitária manter um bom convívio com os seres vivos em geral. Dessa forma, o bem-estar animal propaga o respeito total aos bichos. Além disso, promove a empatia com os sentimentos do animal, enxergando-os além de produtos para comercialização.

Agro20 | Portal Vida No Campo