Bife ancho é corte de origem argentina muito popular em churrascos

Inicio » Agronegócio » Bife ancho é corte de origem argentina muito popular em churrascos
24/08/2020 Por
Bife ancho é corte de origem argentina muito popular em churrascos

O bife ancho é, sem dúvida, um dos cortes da América do Sul mais conhecidos. Esse bife carrega no seu nome sabor e muita tradição, conquistando cada vez mais espaço no mercado do churrasqueiro do Brasil.

Afinal, esse corte possui alta qualidade, recebendo credencial em qualquer churrasco gourmet que preze por peças de carne Premium. Mas o que é bife ancho? Conheça mais sobre essa peça famosa chamada bife ancho e descubra por que ela é tão apreciada no churrasco dos brasileiros!

Bife ancho

O que é bife ancho?

Bife ancho é uma peça de carne retirada da parte da frente do popular contrafilé. Esse corte é oriundo da Argentina e vem conquistando o coração de todos os brasileiros amantes de carnes de alta qualidade.

Seu nome, em contrapartida, é nativo da Espanha, onde o significado de “ancho” é “largo”. O nome faz referência ao modo correto de consumir a peça de carne, ou seja, com um filé com dois centímetros de espessura por peça.

De fato, o bife ancho é classificado entre a nobreza dos cortes. Em terras brasileiras, o bife ancho é conhecido também pelo nome de “filé de costela”. Os franceses, em contrapartida, chamam essa peça de carne de “noix” ou ainda “entrecôte”. Em países ingleses, o bife é conhecido como “cube roll”.

De fato, esse tipo de carne é frequentemente confundido com o bife do tipo chorizo, de origem também argentina. O bife chorizo também é popular pela espessura apresentada pela peça, contudo, o ancho conta com uma saborosa e leve gordura no interior, que abraça as fibras da carne e confere um sabor marcante e único.

O bife ancho contém uma quantidade generosa de marmoreio, assim, se configura como uma carne extremamente macia e suculenta.

Para um maior proveito da textura e sabor do ancho, é indicado servi-lo no ponto ou – preferencialmente – mal passado. Dessa maneira, é possível sujeitá-lo a diversos modos de preparo, como frigideiras, fatias e churrascos.

Tipos de bife

O bife ancho é um dos tipos de bife argentinos. Como dito anteriormente, em espanhol, “ancho” equivale à palavra “largo”.

Isto é, em linhas gerais, seu significado revela aos churrasqueiros qual o modo certo de escolher, degustar e assar essa carne. Em outras palavras, o bife ancho é melhor apreciado em espessuras entre dois e quatro centímetros de altura.

Características do bife ancho

Essa peça de carne é uma legítima tradição argentina, independendo dos nomes pelos quais é chamada em outros países. De fato, o corte ancho é confundido com frequência com o bife de chorizo, de origem igualmente argentina. Assim como o chorizo, o ancho é tirado do contrafilé, ou seja, da mesma parte do gado.

Então, qual a diferença entre o chorizo e o bife ancho?

O chorizo é uma peça de carne extraída da área traseira do boi. Enquanto isso, o ancho é um corte retirado da região dianteira do gado. Todavia, como mencionado anteriormente, o ancho conta como uma distinção crucial para os entendidos de cortes: ele possui uma tira de gordura.

Ou seja, diferentemente do chorizo, que conta apenas com uma capa gordurosa na parte externa, o ancho possui uma tira interna de gordura. Além da suculência, a tira de gordura serve para separar duas partes da carne (ou seja, a capa e o miolo do ancho). Devido a essa característica saborosa, o corte é protagonista do churrasco portenho e vem ganhando apreciadores no mercado brasileiro.

Bife ancho

Como temperar o bife de ancho?

Quando o assunto é tempero, a recomendação é respeitar a tradição uruguaia e argentina. Isto é, condimentar a carne apenas com sal grosso ou, se preferir, com o médio.

Outros condimentos, tais como pimenta, alho e cebola, podem encobrir o real sabor que essa peça de carne tem a oferecer aos churrasqueiros. Assim, como a maior parte dos cortes nobres, simplicidade é a alma do sabor!

Agora, a pergunta que fica é: como fazer bife ancho? É o que você descobre a seguir!

Como fazer bife ancho?

Também chamado de entrecôte (que, em francês, significa “costela”) ou filé de costela (para os brasileiros), o bife ancho é uma opção excelente para os churrasqueiros do Brasil. Sobretudo depois que os argentinos contaram o melhor modo de preparar essa carne, onde seu marmoreio (gordura entre a carne) confere uma maciez e sabor especial ao corte.

Em relação à picanha, o custo do ancho equivale a uma economia de aproximadamente 15%. Assim, o corte dessa carne pode ser uma alternativa para um mercado com preços inflacionados, como o atual. Afinal, tudo indica que, devido aos valores elevados, esse corte terá uma saída maior que outras peças mais caras do gado.

Além disso, a carne também possui um preparo mais fácil. Contudo, para não pesar a combinação (devido à taxa de gordura de sua tira interna), é indicado se atentar às opções mais leves. Sem dúvida, a peça ancho cai muito bem com farofa temperada com cebola, bem como um vinagre ou salada de folhas verdes.

Aprenda abaixo como fazer bicho ancho churrasco!

Bife ancho

Bife ancho no churrasco

A carne bovina é, de fato, indispensável no mercado e na mesa dos brasileiros. Quando se trata do churrasco, tão apreciado na América do Sul, a carne de gado conta com diversas possibilidades de corte. Um deles é o entrecôte, ou ancho, que pertence ao lado dianteiro do contrafilé, considerado nada menos que uma iguaria argentina.

Para preparar essa receita assada, tão apreciado pelos hermanos, você vai precisar de:

Ingredientes

  • Seis bifes anchos de duzentas gramas cada unidade;
  • Três colheres de sopa de pimenta do reino;
  • Uma colher de sopa de pimenta dedo de moça picada e sem sementes;
  • Quatro colheres de sopa de manteiga;
  • Sal a gosto (preferencial grosso);
  • Cem ml de conhaque.

Modo de preparo

  1. Misture as pimentas, o conhaque e a manteiga em uma tigela de tamanho pequeno;
  2. Besunte os bifes com a mistura e salpique a peça com o sal;
  3. Leve as unidades de bife ancho par a grelha para assar lentamente, até atingirem o ponto mais desejado (mal passado ou no ponto).

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo