Calagem do solo é vital para a agricultura no Brasil

Inicio » Agricultura » Calagem do solo é vital para a agricultura no Brasil
25/03/2021 Por
Calagem do solo é vital para a agricultura no Brasil

Compreender as necessidades nutricionais do solo é fundamental para uma agricultura produtiva. Justamente por isso, os produtores ficam atentos às correções que a terra precisa e a calagem do solo é uma delas.

De acordo com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a maioria dos solos brasileiros são ácidos. Em contrapartida, grande parte do que é produzido na agricultura do país necessita de solos com menos acidez. A partir disso, fazer a calagem do solo é diminuir o índice de acidez aplicando alguns componentes. Os principais sais que resolvem o problema da acidez são cal virgem e calcário.

Quais os benefícios de fazer a calagem do solo?

Além de reduzir a acidez do solo e adequar o terreno para receber a plantação, a calagem também fornece magnésio e cálcio. Com esses nutrientes, as plantas conseguem se desenvolver de maneira saudável.

Contudo, uma calagem bem feita e na medida correta para o solo também tem como benefício:

  • Aumentar o fósforo disponível para as plantas
  • Diminuir o alumínio no solo, prejudicial para o desenvolvimento da cultura
  • Facilitar as condições para a matéria orgânica e beneficiar a produtividade da região

Calagem do solo

Como é feita a calagem do solo?

A dúvida de como fazer calagem do solo é bastante comum, mas também muito importante. Imagine um cenário em que o produtor compreende a necessidade de ter solo saudável para sua plantação, mas não faz a correção da acidez de maneira correta.

Quando mal aplicada ou feita em excesso, a calagem não traz benefícios. Ao contrário, coloca em risco a disponibilidade de nutrientes fundamentais para a planta.

Para garantir que o procedimento seja efetivo e estratégico, existem alguns passos para seguir:

  • Amostras do solo: antes de tudo, coletar uma amostra permite que uma análise seja feita, compreendendo as reais necessidades daquele solo.
  • Escolhendo o calcário: a partir dos resultados da análise da amostra, é possível descobrir qual o melhor calcário para aplicação. A aplicação correta também depende de seguir as coordenadas indicadas pela análise do terreno.
  • A dose faz o veneno: sim, a dose de calcário é o que vai determinar se a calagem é efetiva ou não. Portanto, uma análise técnica contribui para erros na aplicação e perda de produtividade.
  • Aplicação: estima-se que a aplicação do calcário acontece meses antes do plantio, dando tempo suficiente para o composto agir. De acordo com a Embrapa, a orientação é para uma aplicação uniforme, no terreno todo. Novas análises mostram quando a acidez do solo é muito alta, acompanhando o processo de neutralização da terra.

Curiosidade sobre acidez do solo e calagem

Você sabia que existe um dia nacional do Calcário Agrícola? Sim, existe mesmo. Em 2011 foi instituído que, anualmente, no dia 24 de maio se comemora o Dia do Calcário no Brasil. A instituição dessa data está prevista na Lei 12.389/11.

Antes de mais nada, o objetivo da lei é conscientizar os produtores da importância da calagem para a agricultura no Brasil.

Além disso, com a lei, o Estado se compromete a promover campanhas para tratar do assunto, levando informações e promovendo o conhecimento sobre a acidez e a calagem do solo para manter a agricultura progredindo no país.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo