Chinchila é um roedor dócil e também fonte rentável para criação

Inicio » Pecuária » Chinchila é um roedor dócil e também fonte rentável para criação
24/07/2019 Por
Chinchila é um roedor dócil e também fonte rentável para criação

A chinchila é dona da pelagem animal mais sedosa do mundo

Chinchila é a nomenclatura genérica mamífera de roedores da classe chinchillidae. Esse bichinho é nativo dos Andes, localizado na América do Sul. Os pelos desse animal chegam a ser 30 vezes mais delicados e suaves do que os cabelos humanos. Há uma densidade muito maior também, com uma média de 20 mil pelos por centímetro quadrado.

A densidade dos cabelos da chinchila impedem, portanto, que os animais sofram com a infestação de pulgas, por exemplo; já que esses parasitas não conseguem sobreviver em seus pelos. No agronegócio, a criação do roedor é valorizada, tanto para o abate como para a comercialização voltada para a domesticação.

Chinchila

Estes animais são caracterizados pelo alto nível de atividade e precisam de exercícios físicos de forma regular. Eles adoram observar, explorar e ficar atentos à sonoridades. Não é, portanto, um animal que deve ser mantido preso. Ele precisa ser livre, num ambiente rural fechado ou em casas.

São seres sociáveis e, portanto, não é saudável que vivam sozinhos. São residentes de desertos rigorosos. Os Andes contam com planícies calorosas em período diurno e muito frios à noite.

Elas se abrigam em regiões de túneis que fazem a escavação ou em buracos de rochas que se espalham pelas áreas montanhosas. Os bichinhos se alimentam de sementes, plantas e, de forma mais rara de insetos minúsculos.

Tipos de Chinchila

As chinchilas se apresentam em diversos tipos de variação e cores, e pode demorar até vinte e quatro meses para que essa definição possa ser percebida com certeza. Por isso, se você tem a pretensão em adquirir a chinchila de cor  definida, é importante se informar sobre a genética do pai e da mãe.

Chinchila

Chinchila Bege

É, portanto, o tipo de bichinho de estimação mais comum. As criações desta versão compreende a cor bege, a cor homo-bege e a hetero-bege.

  • homo-bege: cor mais clara, em tonalidade champagne, olhos avermelhadas e brilhosos, orelhas rosas;
  • hetero-bege: têm barriga branca e outras partes em bege escuro, olhos vermelhos escuros quase marrom, podem ter manchas cinzas nas orelhas.

Chinchila Brown Velvet

Esse tipo de chinchila é composto por marrom claro a escuro. Os lados do corpo são beges e a região abdominal é branca. Elas tem orelhas rosadas que podem, portanto, fazer a apresentação de manchas cinzas e, de mesma forma que a chinchila hetero-bege, apresenta o vermelho escuro nos olhos.

Seus pelos são claros e não têm tanto diferenciação pelos pelos mais altos da cabeça. A partir das “luvinhas”, é possível dizer que este animal é da classe hetero-bege comum.

Chinchila

Chinchila Ebony

O tipo ebony possui variação entre preto pelo seu corpo inteiro, com orelhas acinzentadas ou pretas e, portanto, olhos de mesma coloração.

Chinchila Violeta

Tem pelos cinzas uniformes e o abdomên branco, a depender, portanto, dos reflexos iluminados pela pelagem, que pode favorecer o tom violeta. Esse é um tipo de mutação raríssima.

Chinchila Standard

Essa é a tonalidade natural do animal. Os pelos apresentam cinzas em diversos tons, do escuro dorsal até o abdomên branco. Geralmente, são confundidas com o tipo “Black Velvet”. Contudo, o diferencial é visível em toda a sua capa e luvinhas, que não aparecem, portanto, na versão standard. Existe, também, a Black Standard que é um tipo mais escuro.

Chinchila Blond Velvet

Eles têm barriga esbranquiçada e todo o resto do corpo na cor bege. Pode, portanto, ter variação do tom suave cappuccino. Seus olhos são avermelhados claros e brilham. Suas orelhas são rosadas.

Chinchila

Chinchila Safira

Tem cores cinzas claro e um tom azul pelo corpo inteiro, com exceção da barriga que é branquinha. Com orelhas cinzas, seus olhos são escuros pretos. Esse animal se assemelha à violeta, em relação aos pelos pretos que se ausentam na pele. O diferencial entre as versões das chinchilas é o tom acinzentado. O violeta apresenta tendência maior para a cor lilás. Já o safira tende ao azulado.

Chinchila Black Velvet

Essa versão da chinchila filhote apresenta um véu negro, semelhante ao veludo e, portanto, traz esse nome. Esse véu segue da região facial, costas até a cauda. Dos lados, portanto, o bichinho apresenta tonalidade variada de cinzas. Tem manchas negras na região das patas da frente, que se denominam “luvas”. Tem olhos pretos e suas orelhas podem ser, também, pretas ou acinzentadas.

Chinchila Branca

A chinchila branca é um dos tipos mais cobiçados por quem admira e cria esse animal. Seus pelos são bem brancos e extremamente macios. É chamado também de Pink White. Pode ter um pelo mais cinza em determinadas áreas, assim como nas orelhas e focinhos.

Cuidados com Chinchila

A alimentação da chinchila é, de forma básica, constituída por rações próprias para a raça, em virtude do sistema digestivo que possui, que é bem sensível. É preciso que a dieta seja balanceada. De modo geral, a ração apresenta toda a nutrição que o animal precisa. Eles consomem, aproximadamente, 30 gramas de ração diariamente e deve ter sua água trocada sempre.

Chinchila

A necessidade de cuidados também se caracteriza por não deixar o seu ambiente ou gaiola cheio de resíduos de alimentos. Isso evita que outros bichos sejam atraídos, bem como o cheiro ruim.Os petiscos não são indicados para os bichinhos, portanto, porque os mesmos são vegetarianos.

A listagem de alimentos que podem ser oferecidos a eles está abaixo!

  • couve;
  • cenoura;
  • espinafre;
  • tomate;
  • brócolis;
  • pêra;
  • maçã;
  • melancia;
  • banana;
  • semente de girassol;
  • nozes;
  • uva passa.

Higiene do animal

Ao se comparar o animal com hamsters e coelhos, pode-se dizer que são bichinhos asseados. Isto por conta da disseminação de pulgas e de carrapatos que ocorrem quase nunca, é muito raro.

Os banhos, por isso, não devem ser realizados com água, mas com um elemento denominado carbonato de cálcio; um pó branco, fino e antisséptico. Assim, o pelo da chinchila fica sempre bem higienizado e livre das gorduras.

Esse pó está disponível, portanto, em lojas especializadas e pet shops. A gaiola da chinchila necessita de limpeza, ao menos, 2 vezes na semana, com a inclusão de comedouro e bebedouro. Tudo isso para manter a saúde do bichinho!

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo