Clorose é a condição de uma planta com pouca clorofila

Inicio » Agricultura » Clorose é a condição de uma planta com pouca clorofila
11/08/2020 Por
Clorose é a condição de uma planta com pouca clorofila

A condição de clorose em uma planta pode ocorrer devido a vários fatores e tem consequências graves para a planta

Plantas realizam a assimilação de matéria inorgânica e de luz a partir do processo conhecido como fotossíntese, o qual depende de clorofila para ser realizado. Logo, a falta desta substância em suas folhas é chamada de clorose, e pode levar a planta à morte.

O saldo entre a produção energética da planta pelo de gasto de energia demandado para as suas funções metabólicas deve ser sempre positivo, a fim de promover o crescimento da planta. A clorose promove a diminuição deste saldo, visto que interfere na produção de fotoassimilados da planta.

Clorose

O que é clorose?

Clorose é a falta de produção de clorofila na folha da vegetação. Isso pode ocorrer devido à falta de nutrientes ou de exposição à luz solar. Deste modo a planta não realiza a fotossíntese, atividade fundamental para seu crescimento e desempenho de respiração celular e metabolismo.

Ademais, é considerada uma fitopatologia, que pode ser remediada a partir da identificação das causas da despigmentação foliar. A clorofila está presente nos cloroplastos, a qual necessita de magnésio para a sua composição. Ou seja, a carência de magnésio pode ocasionar a clorose, e isso pode ser remediado por meio de adubação orgânica com micronutrientes.

Outras causas da clorose foliar podem ser devido à falta de nitrogênio, fósforo, potássio, cloro e enxofre que atuam diretamente nos processos de formação da clorofila e também fotossintéticos.

De acordo com o nutriente que estiver lhe faltando, a planta apresenta diferentes sintomas. O local onde ocorre a despigmentação é um indicador da deficiência.

Clorose

Sintomas da clorose vegetal

A clorose vegetal apresenta sintomas de acordo com o nutriente em falta:

  • Amarelamento prematuro de folhas indica falta de nitrogênio;
  • Clorose intercostal de folhas jovens indica falta de enxofre;
  • Descoloração das folhas pode indicar deficiência de fósforo;
  • Enrugamento e descoloração das extremidades de folhas indicam carência de potássio;
  • A clorose internerval das folhas indica falta de magnésio e ferro;
  • A condição em folhas jovens pode ser carência de cobre, e se acompanhada de necrose pode indicar a necessidade de manganês.

Algumas doenças conhecidas relacionadas à clorose

O “amarelinho”, ou a clorose variegada dos citros, é uma doença articulada em citros por um patógeno. Um microrganismo instala-se no vaso condutor da planta (xilema) prejudicando a sua nutrição.

Clorose

Por meio da obstrução dos vasos condutores de seiva bruta, a bactéria Xylella fastidiosa ocasiona a deficiência de transporte de nutrientes. Visto isso, ocorre a inibição da produção de clorofila nas folhas, reconhecida como uma das causas da condição em citros.

As manchas da condição em sua forma variegada de citros apresentam-se como manchas pequenas na superfície das folhas. Por isso é importante saber diferenciar os sintomas, que podem ser muito parecidos com outros tipos de clorose. Este é considerado um dos acometimentos em plantas com grande gravidade. Deve ser investido em ações conjuntas para prevenir a ocorrência de contaminação das plantas e também deve ser garantida a nutrição das plantas por meio de correta adubação.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo