Colibacilose: o que é e como prevenir?

Inicio » Veterinária » Colibacilose: o que é e como prevenir?
26/03/2021 Por
Colibacilose: o que é e como prevenir?

É possível que você já tenha ouvido falar de Colibacilose. Especialmente, se a sua produção envolve aves, bovinos e suínos. A Colibacilose é uma doença que pode afetar todas as espécies de animais, mas também pode ser contraída pelos seres humanos.

A Colibacilose é causada por uma bactéria chamada Escharichia coli. Normalmente, esse agente é encontrado no trato intestinal dos animais. Esta é uma infecção que causa bastante prejuízo. Por isso, vamos aprender um pouquinho mais sobre essa doença considerada secular.

pintinho amarelo com colibacilose

É comum Colibacilose em aves?

É sim. E a doença não é apenas comum, mas também é conhecida por causar prejuízos econômicos para a produção de avicultura. Uma vez que, geralmente, a Colibacilose aviária ocorre em animais com menos de três dia de vida, ela atinge células que ainda não estão com um bom nível de amadurecimento.

Por isso, os produtores devem ficar atentos ao ambiente físico em as aves estão. De fato, as aves estão mais propícias à doença quando estão expostas à chuva, frio, vento ou até ambientes secos, mas quentes.

É preciso observar os detalhes. Os sinais de que as aves não estão bem remetem ao sistema respiratório, síndrome da cabeça inchada, celulite e outros sinais clínicos da doença que é a principal causadora de infecções.

colibacilose

Colibacilose bovina

A doença quando percebida em bovinos é, principalmente, identificada pela diarreia. Grande parte de problemas sanitários e de saúde nos bovinos acontece após o nascimento dos bezerros, a chamada fase de cria. É bastante comum que doenças afetem bovinos filhotes, ocasionando muitas perdas de animais, além de sequelas para a vida toda.

Segundo a Embrapa, a diarreia tem como característica a desidratação dos animais, já que provoca muita perda de líquidos corporais. Essa perda de eletrólitos, em diversos casos, resulta também na perda de peso e leva o animal à morte. Mas quais os sinais de que o bezerro está com diarreia?

  • A eliminação de fezes é constante, sendo os dejetos de cor esbranquiçada
  • As fezes dos animais possuem um cheiro desagradável além do comum
  • O bezerro fica com característica de apatia, ou seja, demonstrando indiferença
  • O animal tem perda de peso sucessivamente
  • Apresenta perda de apetite constante
  • Morte repentina

Colibacilose suína

A Colibacilose em suínos é uma enfermidade de grande impacto na suinocultura. Um estudo desenvolvido na Universidade Federal de Santa Catarina, em 2019, indica que ela impacta, em especial, os animais neonatos e no período após o desmame.

Assim como em bovinos, a diarreia é o principal sinal clínico de que o animal pode estar infectado, tendo uma característica amarelada e muito líquida. A doença causa alta mortalidade em suínos, levando o animal a óbito em até 24 horas após a infecção.

Uma vez que a infecção por E. coli pode levar o animal à morte em tão pouco tempo, a doença representa prejuízos grandes. Mas isso acontece não apenas pela perda do animal, mas também pelos custos que o tratamento contra a doença exige, vacinas e suplementos alimentares necessários para a recuperação do animal que teve perda brusca de seu peso corporal.

Por fim, sabendo de como a gente pode impactar na saúde e bem-estar dos animais, é possível ficar de olho em como prevenir. Uma boa higiene é necessária em todos os ambientes em que os animais estão. Além disso, manter limpo os recipientes de hidratação e alimentação é fundamental para evitar quadros de Colibacilose entre os animais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo