Coopercitrus fatura bilhões e incentiva produtores rurais cooperados

Inicio » Agronegócio » Coopercitrus fatura bilhões e incentiva produtores rurais cooperados
14/08/2019 Por
Coopercitrus fatura bilhões e incentiva produtores rurais cooperados

A Coopercitrus é grupo econômico que movimenta o mercado da produção rural

A Cooperativa de Produtores Rurais Coopercitrus, em março desse ano, apresentou seu balanço financeiro e de atividades na AGO (Assembleia Geral Ordinária).

O registro de seu faturamento em 2018 foi de R$ 4,112 bilhões. Inseridas nesse valor estão as operações da Agripetro e suas próprias. Este foi considerado um resultado possível graças à participação e confiança dos cooperados da Coopercitrus.

coopercitrus

O que é Coopercitrus?

Coopercitrus é uma cooperativa de produtores rurais que foi fundada em 1976, mais especificamente no mês de maio. Na época, tinha o nome de Cooperativa dos Cafeicultores e Citricultores de São Paulo, uma vez que sua sede era em Bebedouro/SP.

Sua origem se deu da fusão de duas cooperativas: a Capezobe e a Capdo. Hoje, é considerada uma das cooperativas brasileiras mais promissoras e, também, a maior de São Paulo.

Ela possui apoio em nível estrutural e técnico, com suas 60 filiais atendendo as mais variadas culturas. Além disso, a cooperativa vem contando com a carteira dos associados em mais de 35 mil agropecuaristas, sem mencionar também o suporte dos milhares de ativos colaboradores.

A Coopercitrus e a Agrishow

A Agrishow está no top 3 das principais feiras tecnológicas agrícolas de todo o mundo. É também a mais importante e a maior feira da América Latina.

Vitrine das mais interessantes e avançadas tendências tecnológicas, a Agrishow traz sempre inúmeras inovações para os agronegócios.

Participante anual, a Coopercitrus esteve presente em março na edição da feira de 2019, ocorrida em Ribeirão Preto, interior do estado de São Paulo. Seu pavilhão esteve instalado dentro do que se chama Shopping Rural Coopercitrus. Esta é uma referência ao modelo adotado pela cooperativa para atendimento.

Foram oferecidos cerca de 8 mil produtos com condições facilitadas para pagamento, além do preço diferenciado.

No estande do Shopping Rural Coopercitrus, foram comercializados produtos de segmentos variados, tais como os listados a seguir:

  • Fertilizantes;
  • Insumos;
  • Implementos agrícolas.

coopercitrus

Sustentabilidade, gestão e tecnologia agropecuária

A Coopercitrus, em 2019, na Agrishow, lançou seu “Campo Digital”. A plataforma virtual e tecnológica foi disponibiliza aos cooperados. Nela, os produtores podem acompanhar, em qualquer parte do mundo, por smartphone ou tablet, informações do cotidiano de suas propriedades.

A versão inicial está disponível nas seguintes aplicações:

  • Estoque dos produtos a serem retirados na cooperativa;
  • Previsão climática conforme a localização da propriedade;
  • Cotação de commodities agrícolas;
  • Relatório de análise de solo realizada na cooperativa;
  • Planos de voo para drones de imagens integradas com o Departamento de Tecnologia Agrícola, com o intuito de identificar possíveis problemas.

Além de tudo isso, durante a Agrishow, os produtores puderam contar com o Barter. Esta ferramenta de planejamento e gestão de atividades permite a troca de serviços e produtos por soja e café. Assim, o produtor pode visualizar a rentabilidade e os investimentos de suas produções com antecedência. Simples assim!

Coopercitrus e Usina Fotovoltaica Agro

A cooperativa inaugurou, em abril deste ano, o maior complexo energético em Bebedouro/SP. Este contém instaladas 3.600 placas, no equivalente a uma área de um hectare. Estima-se que a produção anual seja de 1.987MWh/ano.

Em princípio, o fornecimento da energia sustentável e limpa produzida pela usina irá efetuar uma grande compensação. Serão 27 unidades consumidoras com as despesas da energia compensadas.

A inauguração desse complexo é tida como um marco. Isso porque envolve o caminho que se direciona à verdadeira sustentabilidade energética das estruturas. Futuramente, os efeitos benéficos poderão ser vislumbrados nas atividades agropecuárias da comunidade e, igualmente, de seus cooperados.

A tendência e expectativa são de grande crescimento, uma vez que este já é o maior projeto de cooperativas agrícolas de energia fotovoltaica.

Em termos econômicos, a redução dos valores pagos nas contas de energia é considerável. Além disso, também pode ser notada uma enorme previsibilidade e segurança energética.

A FEACOOP

A Feira de Agronegócios Coopercitrus, ou FEACOOP, foi criada no ano de 2000. Esta é uma feira que foca estritamente no âmbito comercial.

Promovida pela cooperativa, é nela que os agricultores que são associados podem adquirir seus maquinários, insumos agropecuários, bem como os implementos agrícolas de que necessitam.

Na FEACOOP, também é possível adquirir uma diversidade de produtos para o dia a dia do campo com vantagens e facilidades exclusivas para pagamento.

As características de configuração da feira, tal como sua estrutura diferenciada dentro do mercado agrícola, são:

  • Comodidade;
  • Organização;
  • Ambiente familiar;
  • Limpeza;
  • Bons negócios;
  • Entre outras.

Coopercitrus e seu faturamento bilionário

O faturamento da Coopercitrus –  como mencionado, de R$ 4,112 bilhões em 2018 – representou uma alta de cerca de 26,9% se comparado com 2017 – R$ 3,24 bilhões. Só com os esforços da cooperativa, a receita do ano passado foi de cerca de R$ 3,884 bilhões, ou seja, um aumento de 29,04% sobre R$ 3,010 bilhões de um ano antes.

Os resultados da cooperativa, uma vez que são tão positivos, excederam todas as expectativas evolutivas que giravam em torno de apenas 20%. Estima-se que o crescimento tenha ocorrido por conta de um conjunto de determinados fatores. Entre eles, podemos destacar:

  • A condição comercial diferenciada;
  • Os apoios à utilização de novas tecnologias;
  • Presença de forma integral do corpo técnico de especialistas, assim como de consultores a campo.

coopercitrus

O ano de 2018 foi considerado desafiador. Entretanto, tendo diversas estratégias para expansão, baseadas em seus pilares de atuação, a Coopercitrus proporcionou aos cooperados uma eficiente prestação de serviços. Isso fez com que o produtor tivesse uma redução nos seus custos, trazendo grandes benefícios a todos.

Em 2019, a cooperativa continua com seus planos de expansão, contando com o auxílio de seus mais de 35 mil cooperados. A ideia é alcançar o estado de Goiás, com a inauguração de uma loja em Itumbiara. Além disso, mais inaugurações aguardam o sucesso em Votuporanga/SP e Alfenas/MG.

A intenção da cooperativa é buscar maneiras dos cooperados alcançarem certo grau de produtividade com a condição financeira mais acessível. Não é à toa que ela está sempre optando por ofertar os melhores e maiores serviços com base tecnológica para os produtores.

Essa modalidade só vem crescendo, visto que oferece diversas vantagens em termos de negociação. É a Coopercitrus visando não só o desenvolvimento, mas uma rentabilidade ainda maior para os produtores rurais.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo