Cueca virada é um doce simples feito com farinha de trigo e ovos

Inicio » Agronegócio » Cueca virada é um doce simples feito com farinha de trigo e ovos
15/10/2020 Por
Cueca virada é um doce simples feito com farinha de trigo e ovos

De origem italiana, o doce cueca virada tem nome engraçado e preparo descomplicado. Sendo um dos doces mais típicos, a cueca virada é comumente visto no Rio Grande do Sul, já que há grande concentração de descendentes de italianos no local. O doce, também visto como uma espécie de rosca ou pão, está presente na casa de diversas famílias.

A cueca virada pode ser feita das mais variadas formas e também é conhecida pelos mais diversos nomes, sendo fortemente consumida, preferencialmente, com açúcar de confeiteiro polvilhado por cima dela. Para descobrir sobre o doce, acompanhe!

Cueca virada

O que é cueca virada?

Cueca virada é um doce feito à base de farinha de trigo e ovos, mesclando sempre a massa entre uma tira larga e outra fina. A cueca virada também é conhecida como Grostoli, em algumas regiões brasileiras, como no Sul.

Muitos registros apontam que esse doce possui origem italiana e se popularizou no Brasil com a chegada dos mesmos. Antigamente, muito servido na Europa, era tido como o doce do Carnaval. Isso porque, sempre na época de carnaval, a ceroula virada, como também é conhecido, era servida a todos os participantes.

Embora muito conhecido com o nome de cueca virada, o doce frito também é conhecido em algumas regiões como coscorão. Em relação ao seu preparo, dificilmente diverge, porém, em algumas regiões brasileiras, a cueca virada pode chegar a ser muito semelhante a um minipão.

Afinal, é feita de uma forma em que a massa fica extremamente fofa e doce, quase lembrando um sonho sem recheio, mas muito açucarado. Seja com açúcar de confeiteiro ou açúcar cristal tradicional, a cueca virada dificilmente deixa esse ingrediente de lado.

Dependendo da localização, as pessoas terão uma definição diferente sobre o que é cueca virada e o seu modo de preparo. Porém, é possível perceber que grande parte dos ingredientes ainda é a mesma, o que prova a grande tradição do doce.

Como preparar cueca virada?

Basicamente, a cueca virada é um doce frito. Em alguns locais, as pessoas não a veem exatamente como um doce, mas sim como uma espécie de pão açucarado, mesmo que a predominância do seu gosto seja doce.

De qualquer forma, uma das formas mais fáceis de como fazer cueca virada é fazendo todo o preparo da massa e fritando-a em uma frigideira que, de preferência, não grude no fundo. Isso porque a massa, por mais que fique firme, ainda assim pode correr o risco de desmanchar caso a frigideira não seja de qualidade.

Algumas pessoas, inclusive, gostam de deixar a massa descansando por algumas horas antes mesmo de fritá-las. Dessa forma, é possível obter um crescimento mais acelerado. Algumas pessoas atestam que, utilizando esse método, a massa fica fofa e maior.

A verdade é que, dependendo da pessoa, cada uma possui um jeito diferente de seguir a receita e misturar os ingredientes. Algumas pessoas, inclusive, preferem substituir os ingredientes tradicionais da receita por ingredientes com menos teor calórico.

Por exemplo, o açúcar branco é substituído por açúcar mascavo ou demerara, além da farinha de trigo ser substituída pela farinha de aveia ou farinha de trigo integral.

Porém, o mais indicado é sempre seguir o passo a passo de uma receita, a fim de não errar e nem perder ingredientes que são tão importantes, como o ovo e a farinha.

Cueca virada

Receita de cueca virada

A forma de seguir a receita de cueca virada é o que vai determinar se o doce cueca virada ficará fofinho ou mais seco. Acompanhe!

Para fazer a massa de uma forma que ela fique fofa, os ingredientes necessários são:

  • 3 colheres de sopa de fermento;
  • 4 colheres de açúcar, preferencialmente cristal;
  • 2 copos de leite integral morno;
  • 3 ovos;
  • 2 colheres de manteiga ou margarina;
  • Farinha de trigo;
  • 1 pitada pequena de sal.

Para o preparo da massa, é necessário diluir o fermento dentro do açúcar e acrescentar o leite, os ovos, a manteiga/margarina e o sal. Misture muito bem e, aos poucos, adicione a farinha de trigo ao mesmo tempo em que amassa. Faça isso até chegar ao ponto de desgrudar das mãos.

Em seguida, sove a massa e deixe-a descansando por 20 a 25 minutos. Não esqueça de cobri-la com um pano limpo a fim de evitar mosca, poeira, etc.

Em seguida, vá abrindo a massa com um rolo (aqueles tradicionais de amassar pão), fazendo isso até que ela atinga a espessura desejada. Depois, corte em retângulos, faça um corte reto no centro de cada um deles e passe as pontas por dentro.

Pegue uma frigideira e coloque bastante óleo. O óleo é preciso ser colocado em abundância para que cubra todos os doces que serão fritos. Em seguida, frite até dourar, tire-os e deixe-os escorrendo em um prato com papel toalha.

Em seguida, coloque açúcar cristal ou açúcar de confeiteiro em uma tigela, misture o açúcar com a canela em pó e passe a cueca virada dentro da mistura. Sirva ainda quente com café.

Cueca virada

Cueca virada sequinha

Para quem não gosta da cueca virada fofa, é possível fazer a sua versão fina e leve. Dessa forma, ela ficará bem semelhante a uma casquinha doce.

Os ingredientes são:

  • 3 colheres de açúcar;
  • 1 colher de sopa de fermento;
  • 2 colheres de margarina/manteiga;
  • 3 ovos;
  • 1 copo de leite morno;
  • 1 colher de sopa de canela em pó;
  • Farinha de trigo.

Em uma tigela, coloque o leite morno e adicione o fermento, misture bem até que fiquem homogêneos. Em seguida, coloque os demais ingredientes. Enquanto mistura a massa, vá adicionando aos poucos a farinha de trigo para que a mistura pegue consistência e desgrude das mãos.

Depois, o método de seguir a receita é muito semelhante à cueca virada fofa. Nesse caso a diferença é que, para ela ficar seca, o segredo é adicionar uma colher de vinagre branco junto à mistura. Dessa forma, o azeite não é puxado para dentro da massa e não deixa que a mesma fique macia e fofa.

Assim, a cueca virada atinge um ponto crocante. Do mesmo modo que as demais receitas, ela pode ser passada no açúcar com canela para dar um gosto diferente e especial.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo