O desinfetante é utilizado no combate de germes e bactérias

Inicio » Meio Ambiente » O desinfetante é utilizado no combate de germes e bactérias
02/04/2019 Por
O desinfetante é utilizado no combate de germes e bactérias

O desinfetante é um produto voltado para a área de limpeza e higiene

O uso do desinfetante é muito importante para o meio social. A ação bactericida deste produto permite a manutenção da saúde em ambientes hospitalares, pois apresenta ação descontaminante. A utilização deste produto possibilita a redução da transmissão de doenças por contato físico.

O desinfetante é muito utilizado no dia a dia como forma de manter as bactérias afastadas ambientes domésticos. Este produto age tanto na limpeza profunda da sujeira superficial como na ação de combate contra agentes contaminantes. Deste modo, seu uso é mais observado em ambientes como banheiro e cozinha, pois são sujeitos à tais tipos de germes.

uso de desinfetantes para limpeza de superfícies

O que é desinfetante?

O desinfetante é um produto compostos por biocidas para eliminar grande porte dos microrganismos, como os germes, bactérias e fungos. Este produto age de duas formas principais: a primeira é diretamente na parede celular e a segunda é alterando o metabolismo do microrganismo.

Em outras palavras, os desinfetantes são produtos que destroem certos agentes contaminantes que podem estar na superfície de móveis ou em objetos. Deste modo, eles são grandes aliados na limpeza e no combate aos microrganismos.

Além disso, dentro do grupo dos desinfetantes, existe uma parcela ampla de modelos que são designados para todo tipo de limpeza. Por isso, é importante que o usuário destes produtos leia atentamente ao rótulo a fim de saber para qual tipo de limpeza o produto é indicado.

Em razão do uso voltado para a limpeza, os desinfetantes são muito confundidos com limpadores. Entretanto, a maior diferença entre eles é o modo como agem na limpeza de um local. Enquanto os limpadores são mais superficiais e mantém o ambiente perfumado, os desinfetantes agem a partir de um princípio ativo que tende a eliminar grande parte dos germes.

Tipos de desinfetante

Os tipos de desinfetantes variam de acordo com a necessidade de limpeza do local. Em geral, há três tipos essenciais, que são o cloro líquido, complexo clorado e os à base de amônia. Além disso, entre essas categorias, existem os de caráter desodorizador e os de desinfecção. Embora os desodorizados, ainda assim, tenham um cheiro característico de ação bactericida.

  • Cloro líquido

O cloro líquido é um agente germicida, ou seja, trabalha no combate direto contra os germes. Por isso, ele é o tipo de desinfetante mais procurados para limpeza doméstica e higiene. Entretanto, este produto não deve ser misturado com outros agentes químicos pois é de caráter sensível. Além disso, produz gases nocivos à saúde quando exposto à outros produtos químicos.

  • Complexo clorado 

Os produtos deste tipo são conhecidos pelo alto poder bactericida e germicida, ou seja, agem tanto no combate às bactérias como os germes. Por isso, eles promovem uma desinfecção mais profunda e servem para ambientes que exigem uma higienização especializada como, por exemplo, locais de serviços de saúde, hospitais e similares. Assim como são destinados ao uso em locais como ambulâncias, centros cirúrgicos, banheiros públicos e ambulatórios.

  • Desinfetante à base de amônia

Este tipo de produto é o mais limitado entre os demais, pois sua ação é de caráter ácido. Por isso, são utilizados em casos que demandam uma limpeza mais profunda. Os locais em que este tipo de desinfetante é mais utilizado são nos berçários e nos pisos impermeabilizados, entre outros. Embora não sejam irritantes ao organismo, devem ser manipulados com uso de equipamentos especializados.

Para que serve o desinfetante?

O uso do desinfetante está diretamente relacionado com o tipo de limpeza desejada. Estes produtos são desenvolvidos e atuam no combate profundo contra os germes, bactérias e fungos; por isso, o mais comum é o seu uso geral na limpeza doméstica, serve para higienização completa de banheiros, superfícies em azulejo e sujeitas ao contato constante com este tipo de agente contaminante.

Outro segmento também designado para o uso destes produtos é nas cozinhas de restaurantes. Os ambientes alimentícios são os que demandam maior cuidado na limpeza, por isso, o uso deste tipo de produto é feito tanto no chão destes locais como nas mesas.

Por último e mais importante, o uso de desinfetantes nos ambientes hospitalares. A importância de manter este tipo de local livre de germes e bactérias está diretamente relacionado com o controle de doenças. Neste tipo de ambientes é comum que várias pessoas com diferentes tipos de enfermidades circulem pelos mesmos locais, ou seja, há uma infinidade de bactérias concentradas no mesmo local – sujeitas à contaminar quem tiver contanto com elas. Por isso, o uso de desinfetante em espaço hospitalar é indispensável, tanto para a saúde dos pacientes quanto como forma de preservar a saúde dos demais.

Diferença entre anti-séptico e desinfetante

Estes dois tipos de produtos são voltados para uso na limpeza de locais hospitalares, como forma de preservar a saúde de pacientes, ou seja, cumprem um importante papel nas práticas de controle de infecção e manutenção da higiene nos ambientes propensos à bactérias e germes. Contudo, a principal diferença entre eles é a maneira como agem em um determinado ambiente.

O anti-séptico, por um lado, é um agente biocida, ou seja, sua ação contra organismos vivos é letal. Este produto age diretamente para inibir o crescimento de microrganismos nos tecidos vivos, na pele e mucosa. Enquanto isso, o desinfetante tem sua ação voltada para superfícies e apresenta um tipo de ação esporostática, ou seja, age nos esporos.

Desinfetante para as mãos

Além disso, entre os tipos de anti-sépticos, existem aqueles que agem de diferentes maneiras e dependendo da necessidade do usuário, como, por exemplo, o gliconato de clorexidina. Neste caso, o produto age no rompimento das membranas citoplasmáticas, ou seja, acelera a ação das células.

Sua atividade principal é no combate contra as bactérias de caráter gram-negativas, assim como os fungos de caráter bacilo – os característicos da tuberculose, por exemplo. A ação que este tipo de produto desempenha é excelente para limpeza residual, ou seja, eliminar resíduos com maior facilidade. Seu uso pode ser eficaz tanto para higienização das mãos como para a assepsia bucal.

Já o desinfetante tem seu maior destaque nas ações cirúrgicas. O glutaral é um dos tipos de desinfetantes líquidos que apresentam atividade bactericida, fungicida, virucida e microbactericida. Seu uso é voltado para esterilizar e desinfectar materiais metálicos, plásticos, lentes de contato, endoscópios, transdutores e equipamentos de anesia, entre outros.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo