Encosta é região de declive situada em morros e montanhas

Inicio » Meio Ambiente » Encosta é região de declive situada em morros e montanhas
07/05/2019 Por
Encosta é região de declive situada em morros e montanhas

A encosta é um local que requer cuidados especiais, principalmente na hora de construir ou plantar uma vegetação

Regiões de encosta podem ser bastante perigosas por causa de deslizamentos de terra.

Antes de construir ou plantar em uma encosta, é necessário tomar alguns cuidados. A retirada de vegetação do ambiente é um dos principais agravantes para os acidentes geográficos.

Encosta

O que é encosta?

Encosta, dentro dos conceitos de geografia, se refere a qualquer um dos lados de uma elevação do solo, como uma montanha ou morro. Também chamada de face ou vertente, é pelo declive da encosta que a água da chuva corre. A encosta é definida de acordo com a inclinação ou declive da montanha. Conforme sua estrutura, então, pode também estar associada a desastres, como os deslizamentos de terra.

De acordo com a etimologia, ou seja, a origem da palavra, encosta pode ser entendida como uma forma regressiva de encostar. Assim, é formada originalmente por “em + costa”, resultando em “encosta”.

Explicando os deslizamentos

Deslizamentos de terra podem ser bastante comuns em regiões com declives e relevo acidentado. Os deslizamentos até podem acontecer em locais preservados e naturais, entretanto, ocorrem com bem mais frequência em cidades ou meios ocupados pelo ser humano.

Isso porque muitas vezes a cobertura vegetal que existia no morro é retirada, para a construção de casas e edifícios. As plantas, através de suas raízes, são responsáveis por dar mais estabilidade e consistência ao solo. Sem elas, então, a água escoa pela superfície da terra.

Quando ocorrem as chuvas, o solo consegue absorver uma parcela da água. Contudo, o restante escorre pelas encostas e toma a forma de enxurradas. Saturado pela umidade e quantidade de água, o solo desliza até à base do morro.

O que causa dos deslizamentos em encostas?

Alguns fatores podem aumentar o risco de deslizamentos nas encostas. Além do desmatamento, alguns pontos importantes são:

  • Relevo
  • Estrutura geológica do solo (se existe propensão para o deslizamento)
  • Ações humanas, como retirada da vegetação
  • Habitações construídas em locais impróprios

Como preservar as encostas?

Uma boa dica para ajudar a preservar a encosta e evitar problemas de deslizamento é a plantação de vegetação. Entretanto, não é qualquer planta que auxilia na contenção de terra. É importante, então, que a vegetação tenha raízes profundas, que alcançam as camadas mais densas do solo. Gramíneas e capins também auxiliam nessa função.

Confira algumas plantas que podem ser plantadas em encostas:

  • Goiabeira
  • Pitangueira
  • Jasmim
  • Boldo
  • Carambola

Encosta

Cuidado com as áreas de declive

Assim como algumas espécies auxiliam na sustentação do solo, outras podem ser prejudiciais. Confirma algumas plantas que devem ser evitadas:

  • Mamão
  • Coco
  • Jaca
  • Jambo
  • Fruta Pão

As árvores de grande porte, por exemplo, deve ser evitadas na região de encosta. Isso porque, de maneira geral, elas acumulam água no solo. Assim, em períodos de muita chuva podem influenciar no deslizamento de uma região que já seja propensa.

Por isso é necessário tomar algumas medidas de cautela tanto para a construção em encosta, quanto a retirada e plantio de vegetações.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo