Estalagmite é formação rochosa encontrada em grutas e cavernas

Inicio » Meio Ambiente » Estalagmite é formação rochosa encontrada em grutas e cavernas
25/03/2019 Por
Foto: the most amazing cave Tham Lod cave , Maehongson, in Thailand
Estalagmite é formação rochosa encontrada em grutas e cavernas

A estalagmite se forma no decorrer de milhares de anos, cresce no chão e se desenvolve em sentido horizontal, em direção ao teto.

O conjunto de formado por uma estalagmite pode originar lindas paisagens subterrâneas em formas de cones, colunas ou, ainda, cortinas e tubos.

A estalagmite pode levar até milhares de anos para crescer. Ela se forma na composição de sedimentos que são trazidos pela água da chuva ou córregos, e se infiltram dentro de cavernas e grutas.

Estalagmite

O que é uma estalagmite?

Estalagmite é uma formação rochosa encontrada especialmente dentro de cavernas. Ela é formada por sedimentos carregados ao longo de anos pela água das chuvas ou córregos, e que escorrem para dentro das grutas.

A estrutura tem origem no chão da caverna e, então, vai crescendo em sentido horizontal, até chegar próximo ao teto, por exemplo. A estalagmite geralmente têm formato de tubo, ou cone, e é composta principalmente de bicarbonato de cálcio.

Como se forma uma estalagmite?

Uma estalagmite pode levar até milhares de anos para crescer e tomar forma. Ela é feita com minúsculos sedimentos, carregados pela água. Quando essa água escorre pela formação rochosa e evapora o sedimento fica depositado na estalagmite, fazendo-a crescer, portanto.

Essa ação, quando ocorre repetidas vezes e durante muito tempo, cria cenários incríveis dentro de cavernas. A estrutura, então, é formada através de muitas camadas de crescimento contínuo.

De dentro da caverna

Além das estalagmites, existem diversas outras formações dentro de uma gruta. Chamadas de espeleotemas, elas se formam da composição de calcário e levam milhares de anos para isso:

  • Estalactite: o mesmo que estalagmites, mas crescem do chão para o teto.
  • Coluna: a união de duas formações rochosas.
  • Cortina: é uma cortina formada por várias estalactites, uma ao lado da outra.
  • Uma espécie de estalactite, que ao invés de pingar, vai escorrendo e forma algo
  • Helictite ou Heligmite: pode ser considerada uma estalactite torta, ou com curvas. Por diversas razões ela não segue o padrão crescendo, então, para o lado onde normalmente não cresceria
  • Flor de Aragonita: é uma formação bastante rara, tem o aspecto de uma estrela. Dela, então, saem pontas a partir do centro.
  • Bolha de Calcita: também são bastante raras, tem o formato de bolhas ocas muito finas parecendo, portanto, uma casca de ovo.

Curiosidade sobre o nome

A palavra estalagmite vem do grego, “stalagmias”. Em sua origem, este é um verbo que significa gotejar. Deste verbo, portanto, surgiu o substantivo “stalagmitês”, muito semelhante à palavra em português.

Estalagmite

Estalagmites e estalactites

Assim como as estalagmites se formam no chão da caverna e crescem em sentido horizontal ao teto, existem formações que fazem o sentido justamente contrário.

Elas se desenvolvem no teto e também aumentam de tamanho. Estas, porém, são chamadas de estalactites e crescem em direção ao chão da caverna.

As duas formações se desenvolvem de forma exatamente igual, entretanto, em sentidos opostos. Com o passar de anos, às vezes até milhares, as duas formações conseguem se encontrar e formam colunas, ou até mesmo paredes, dentro da gruta.

O interior de uma caverna, portanto, sempre está em constante mutação: ainda que possa levar muito tempo para que a transformação da estalagmite se torne visível.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo