Juá, fruto do juazeiro, é muito comum no Nordeste

Inicio » Agricultura » Juá, fruto do juazeiro, é muito comum no Nordeste
05/12/2020 Por
Juá, fruto do juazeiro, é muito comum no Nordeste

Uma planta amplamente conhecida no Nordeste, o juazeiro é responsável por fornecer o juá, que é o seu fruto. Dessa forma, a fruta possui diferentes usos na região, seja para a alimentação humana como também de animais durante a seca.

O juá pode também ser utilizado de forma medicinal, visto que as propriedades antibacterianas do fruto são bem conhecidas pelo povo. O juazeiro também é muito importante, já que a sua madeira de alta qualidade é utilizada na indústria moveleira e também para produzir carvão.

Juá

O que é juá?

Juá é um fruto muito famoso no Nordeste. Ele possui diversos usos, seja na alimentação ou na medicina natural. Da mesma forma, o juazeiro é muito importante na região, visto que a sua madeira é de altíssima qualidade, além de produzir o também importante fruto.

Esse fruto também é conhecido por outros nomes populares como joá, juá espinho, juá fruta, laranjeira-de-vaqueiro, entre outros. Além disso, existem outros tipos de frutos com nome parecido, entretanto, não são os típicos juazeiros do Nordeste.

Essa planta oferece diversos benefícios para o povo e é vista com grande importância. Por conta disso, o seu fruto é utilizado para diversos remédios naturais e até mesmo para cosméticos veganos, devido às suas diversas propriedades medicinais.

Seu nome científico é Ziziphus joazeiro e o nome popular tem origem na antiga língua tupi, significando fruta amarela. Dessa forma, o juazeiro sempre foi muito respeitado pelos antigos caboclos, já que oferece inúmeros benefícios aos humanos.

Os benefícios do juá são inúmeros, que vão desde a alimentação humana e animal até a medicina natural e produção industrial. Desse modo, vamos listar agora algumas das finalidades e utilidades do fruto e do próprio juazeiro.

Confira:

  • Alimentação humana;
  • Alimentação animal em tempos de seca;
  • Produção moveleira;
  • Uso medicinal do fruto.

Além disso, a fruta do juazeiro ainda pode oferecer uma série de outras aplicações artesanais e naturais, seja com cosméticos veganos ou até mesmo com receitas tradicionais para limpeza e higienização elaboradas a partir da saponina.

Juá

Benefícios do juá

Conforme já falamos antes, a fruta do juá pode ser utilizada de muitas maneiras, visando oferecer diversos benefícios. Desse modo, vamos citar alguns desses usos alternativos e demonstrar a tamanha importância desse fruto.

Da mesma forma, o juá planta oferece uma madeira de grandíssima qualidade, que pode ser usada para a produção de móveis, carvão e, inclusive, lenha. O juazeiro é uma espécie de bênção da natureza, visto que se mantém verde durante a seca e ainda oferece o seu fruto.

O juá amarelo, outra forma de chamar o fruto, pode servir de alimento, a sua casca pode ser usada para a produção de sabão e sabonete, podendo até mesmo ser usada para produzir pasta de dentes artesanal, além de uso nos cabelos e pele.

Já o juá bravo é outro tipo de fruto que nada tem a ver com o original nordestino. Apesar de serem frutos parecidos, o bravo pode ser venenoso ao organismo humano. Dessa forma, pode causar náuseas e vômitos e não possui propriedades benéficas.

O juá em pó é, sem dúvidas, a forma mais prática do fruto para os usos medicinais. Isso porque seus benefícios são os mesmos da planta, além de poder ser facilmente utilizado para produzir receitas naturais de cosméticos, com inúmeros benefícios sem altos custos.

Além disso, o sabonete de juá também pode ser produzido com o pó do fruto, e esse pó pode ser encontrado através da internet. No mercado, ele ainda é escasso, mas a tendência é que o produto se expanda com o tempo.

O uso do juá pelos antigos

Desde os antigos povos indígenas, o pé de juá sempre foi visto com reverência. Os antigos já usavam a planta e seu fruto para higiene pessoal. Além disso, a árvore sempre foi garantia de dificuldades em tempos de seca, oferecendo sombra e alimento.

Esse vegetal é usado completamente, desde a sua raiz até o seu fruto: nada se perde. Os frutos são ricos em vitamina C. Desse modo, eram utilizados desde sempre para combater doenças como a gripe, resfriados, entre outras aplicações.

O uso medicinal geral é aplicado em ações anti-inflamatória, cicatrizante, expectorante, higienizante, antigripal, adstringente e até mesmo como tônico capilar. Assim sendo, são vastos os usos para a medicina natural, o que deixa a planta ainda mais valorizada.

A casca, que possui a saponina, já era usada antigamente para tomar banho, lavar os cabelos e escovar os dentes. Além disso, o uso na pele se torna mais saudável ainda por conta das propriedades que favorecem o crescimento capilar e evitam a calvície.

As árvores costumam viver mais de cem anos, além de serem altamente resistentes à seca. Por conta disso, os antigos índios a reverenciavam e a tinham como um porto seguro para enfrentar os tempos em que as chuvas eram escassas.

Juá

Vantagens econômicas do juá

Além de ser uma planta que oferece diversos benefícios de modo sustentável, o juazeiro pode também contribuir bastante no setor da economia. Assim sendo, explorar todas as possibilidades da planta pode gerar uma alternativa ao consumo de substâncias como a glicerina, lanolina e colágeno.

Tais substâncias de origem animal não são renováveis e ainda tornam os produtos mais caros. Por conta disso, explorar os diversos usos do juá pode impactar positivamente na economia como um todo, inclusive gerando mais recursos para a região do Nordeste.

O pó de juá pode ser comercializado em todo o país e também pode ser vendido ao exterior, devido às suas inúmeras possibilidades de aplicação e benefícios. Da mesma forma, isso vai oferecer produtos mais naturais ao mercado nacional e reduzir a demanda por produtos importados.

Desse modo, pode-se afirmar que o investimento para aumentar o uso do vegetal pode gerar mais renda para as famílias nordestinas, além de favorecer todo o mercado nacional. É uma provável inovação na indústria cosmética, que poderá causar diversos impactos positivos.

Para isso, é necessário que os investimentos no juá sejam feitos e que essa planta com enorme potencial seja empregada da melhor forma possível, visando crescimento sustentável e também econômico.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo