Kiwi é fruto originário do Sul da China e produzido também no Brasil

Inicio » Agricultura » Kiwi é fruto originário do Sul da China e produzido também no Brasil
27/09/2019 Por
Kiwi é fruto originário do Sul da China e produzido também no Brasil

Nosso principal parceiro comercial na importação de Kiwi é a Itália

Apesar de o kiwi ter se popularizado na Nova Zelândia, nossos principais parceiros comerciais de importação são os italianos. A Nova Zelândia atualmente é um dos três países do qual importamos a fruta.

Por ser um plantio subtropical e ser pouco conhecido e usado na alimentação diária brasileira, a produção nacional ainda é modesta e se restringe à região sul do país. O Ceagesp é o principal ponto de venda e distribuição de kiwi do Brasil.

kiwi

O que é kiwi?

Kiwi é um fruto oriundo de uma trepadeira de nome kiwizeiro. Essa trepadeira tem tronco único. Suas folhas podem chegar a medir até 20 centímetros. São verdes e ovais e costumam ter bordas serrilhadas. As flores do kiwizeiro são bem perfumadas e brancas.

O kiwi é um fruto bem exótico por ter pelos em toda a sua casca e esta ser de cor amarronzada. Por isso, às vezes, é confundido com um pequeno coco, apesar de seu aspecto notadamente mais claro e da sua textura mais suave e flexível.

O interior da fruta kiwi é uma atração à parte, pois em razão da abundância de clorofila que possui, é de um verde bem vivaz. A polpa suculenta, carnuda, aliada ao verde exuberante, remete aos melhores dias do verão – apesar de sua variante mais famosa ser plantada e cultivada durante as épocas e localidades mais frias.

O gosto do kiwi é doce, com umas pitadas de acidez. Sem dúvida, seu sabor é um atrativo importante para estimular o seu consumo, mas o kiwi também é buscado para auxiliar no tratamento de algumas enfermidades e para ajudar na perda de peso.

No Brasil, não é a fruta mais popular, mas seu consumo está aumentando nos últimos anos, conforme poderá verificar nos números de importações do Brasil que exibiremos abaixo. Em contrapartida, na Europa, seu consumo e produção são massivos.

Origem do kiwi

O kiwi é uma fruta de nome científico Actinidia deliciosa. Aliás, põe deliciosa nisso! Brincadeiras à parte, também é conhecido como quivi.

O fruto foi popularizado na Nova Zelândia, mas sua origem é do sudoeste do gigante asiático, a China.

Ocorre que no seu país de origem o kiwi não conquistou a mesma popularidade do que outras iguarias. E coube a um neozelandês descobrir as possibilidades interessantes da fruta, cruzar com outras variações da espécie até chegar ao modelo que temos acesso hoje.

Os aprimoramentos conquistaram o paladar de seus conterrâneos e, desde então, a fruta tem feito a cabeça – ou melhor, a boca – de milhões de pessoas mundo afora. Principalmente europeus.

A popularidade foi tão grande na Nova Zelândia que o kiwi recebeu esse nome como referência ao pássaro que é símbolo nacional no país.

kiwi

Benefícios do kiwi

Sem dúvida, o kiwi é uma boa recomendação se o objetivo for cuidar do coração. É conhecido como fruta cardioprotetora. Isso se deve muito aos antioxidades e vitamina C presentes na constituição do fruto.

Os antioxidantes têm papel de combater os radicais livres, pequenas células deformadas que tentam se recompor absorvendo outras células e, com isso, atrapalham o desempenho das mesmas quanto às suas funções no organismo. O resultado dessa ação dos radicais livres é acelerar o processo de envelhecimento e até ocasionar o emergir de quadros de câncer.

Estudos comprovaram que o consumo de kiwi eleva as taxas de HDL, o colesterol bom, além de melhorar o controle de triglicérides e moléculas atreladas a processos inflamatórios. Todas essas substâncias estão relacionadas a problemas cardiovasculares.

A vitamina C, por sua vez, em conjunto com outras propriedades do kiwi, como magnésio e polifenóis, forma uma excelente combinação de proteção ao sistema cardiovascular.

Entretanto, não é só o coração que se beneficia com o kiwi. A digestão também agradece, pois a fruta é capaz de aumentar a retenção de água, o que certamente colabora para a formação do bolo fecal, para o trânsito intestinal e digestão de proteínas.

Os diabéticos também podem aproveitar os benefícios do kiwi devido ao baixo índice glicêmico da fruta, o que se deve à farta presença de fibras.

O kiwi é implementado no cardápio de dietas para perda de peso por não ser muito calórico. Uma unidade fornece entre 62 e 100 calorias.

Suco de kiwi

Para aproveitar de todas as propriedades da fruta do kiwizeiro, nada melhor do que a sua versão líquida, pois o suco de kiwi é bem saboroso e refrescante e pode ser misturado com outras frutas.

Receita básica de suco de kiwi:

  1. Descasque três kiwis médios e pique-os em pedaços menores;
  2. Bata no liquidificador com um copo de água;
  3. Bata por um minuto;
  4. Adoce depois com açúcar ou adoçante a gosto;
  5. Por fim, coloque a quantidade de gelo que julgar necessário.

Receita de suco de kiwi com laranja, só para provar que aquilo que é bom pode ficar ainda melhor:

  1. Descasque três kiwis;
  2. Pique-os em quatro partes;
  3. Lave três laranjas;
  4. Corte-as ao meio;
  5. Retire o sumo, espremendo-as;
  6. Coloque o suco de laranja no liquidificador com 500 ml de água;
  7. Acrescente os pedaços de kiwi;
  8. Adicione mel a gosto;
  9. Quando estiver homogêneo, sirva.

kiwi

Kiwi no Brasil

O plantio mais popular do kiwi é a variante Hayward, que por muito tempo predominou no mercado internacional. Esta variante é plantada em baixas temperaturas, condição difícil de encontrar no Brasil. A maioria dos produtores brasileiros se concentra em espécies que não necessitam de temperaturas tão baixas, como Bruno e Monty. Estas, no entanto, são menos conhecidas pelo consumidor.

As principais cidades nacionais fornecedoras de kiwi são Fraiburgo (SC), Contenda (PR) e Porto Amazonas (PR).

O crescimento de consumo do kiwi no Brasil é observável pelo aumento das importações nos últimos anos. Dados da CEAGESP, de 2007 a 2016, mostram que o Brasil passou a importar de 8 mil toneladas a quase 30 mil toneladas.

Em 2017 foram comercializadas mais de 19 milhões de toneladas de Kiwi, nacional e estrangeiro. Nossos principais fornecedores do produto são Itália, Chile e Nova Zelândia.

A Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (CEAGESP) foi o centro que mais comercializou essas importações. Dependendo do ano, sua participação nas vendas de kiwi foi de 55% a 87%.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo