Leite orgânico se baseia em uma exploração economicamente viável

Inicio » Agronegócio » Leite orgânico se baseia em uma exploração economicamente viável
09/12/2020 Por
Leite orgânico se baseia em uma exploração economicamente viável

Uma das opções mais procuradas por pessoas que estão visando um estilo de vida mais saudável e livre de agrotóxicos e demais substâncias, sem dúvida, é o leite orgânico. Conhecido por ser diferenciado dos demais, pode agregar uma série de fatores altamente benéficos.

No entanto, somente pode ser considerado como leite orgânico aquele leite que foi extraído de um sistema de produção onde todas as normas estabelecidas estavam sendo cumpridas de maneira devida. Acompanhe a leitura e saiba mais sobre o assunto!

Leite orgânico

O que é leite orgânico?

Leite orgânico é um leite produzido, geralmente, sem a utilização de agrotóxicos e menos ainda fertilizantes químicos. Tais componentes entram em contato com o leite através da vegetação que a vaca leiteira se alimenta.

Além disso, o leite desse tipo, para ser considerado um leite orgânico, não pode, em hipótese alguma, receber hormônios e nem medicamentos para aumentar a sua produção de leites. Logo, o leite segue o mesmo princípio dos alimentos orgânicos.

Isso significa que ele deve ser totalmente natural, sem nenhuma intervenção de componentes que podem alterar suas enzimas e componentes como um todo.

Para maior entendimento sobre o que é leite orgânico, mesmo que ele tenha a composição química do leite obtido de forma convencional, o leite orgânico somente por ser produzido por fazendas com certificados.

Certificação do leite orgânico de fazendas

A certificação de fazendas serve como uma forma de garantir que, de fato, não é utilizado nenhum resíduo químico de qualquer espécie, com os medicamentos e agrotóxicos. Portanto, sabe-se que tais fazendas produzem o leite orgânico da mais pura qualidade.

Essa é uma forma de manter sob controle a produção desse tipo de leite e garantir que não haja nenhum tipo de regra sendo burlada. Afinal, é muito comum o risco de comprar um leite dito como orgânico, mas que na verdade possui uma série de componentes químicos que já alteraram suas enzimas através da alimentação do animal.

Cuidado com os animais

Não somente a alimentação dos animais influencia na produção desse tipo de leite, mas também o cuidado como um todo. Em geral, qualquer animal que passa por cuidados indevidos e violentos, tende a gerar um produto de péssima qualidade.

Logo, os animais que produzem esse tipo de leite, devem ser criados separadamente. Ou seja, todos eles são criados em uma espécie de confinamento exclusivo. Além disso, o sistema de forragem também é diferenciado, já que constituir cerca de 60% de matéria seca da dieta, permitindo uma redução de 50% para animais que estão produzindo leite.

Outro cuidado que deve ser garantido da melhor forma possível, é que esses animais não podem deixar de consumir água. A água também deve estar sempre limpa, devidamente tratada e fresca. A sombra aos animais também deve estar sempre à disposição, consultas veterinárias em dia, entre outros cuidados.

Leite orgânico

Produção de leite orgânico

A produção do leite deve seguir minuciosamente as premissas da agroecologia. Isso significa que, tais premissas, visam uma exploração economicamente muito mais viável do que outras, além de serem ecologicamente mais corretas e socialmente justas.

Dessa forma, engana-se quem pensa que o leite orgânico, para ser produzido, basta retirar o produto do animal e simplesmente pô-lo à venda. Afinal, esse tipo de produção, como foi possível observar anteriormente, exige um controle rigoroso da alimentação do animal e sua saúde como um todo.

Logo, durante a produção do leite orgânico, é preciso que os animais se alimentem de nutrientes que sejam, em sua grande maioria, completamente orgânicos. Logo, a pastagem precisa estar livre de qualquer fertilizante ou agrotóxico que possam resultar em um efeito indesejado.

Há casos em que é feito o uso de homeopatia, fitoterapia e acupuntura no tratamento veterinário. Todos esses cuidados servem para evitar que o leite seja contaminado e, dessa forma quebrar o protocolo exigido.

É preciso haver também um profundo respeito pelo programa de vacinação ao qual os animais são submetidos. Esse controle está estabelecido por lei, por isso, negligenciá-lo pode resultar em consequências negativas para o responsável.

Leite orgânico para a saúde

Em suma, o leite é muito mais nutritivo do que o leite industrializado. O motivo é que, como a dieta dos animais influencia diretamente no produto que oferecem, a alimentação da vaca criada para a produção de leite orgânico é muito mais sadia em relação às outras.

Logo, esse tipo de leite oferece uma série de benefícios à saúde, como:

  • Redução do colesterol;
  • Diminuição dos riscos de AVC;
  • Emagrecimento;
  • Diminuição de consumo de leite industrializado.

O leite orgânico, inclusive, é um tipo de leite que pode ser facilmente oferecido às crianças, já que também auxilia na formação dos ossos e dentes, além de oferecer uma quantidade muito maior de vitaminas.

Por conta desses ótimos benefícios, o leite orgânico tem sido um dos leites mais consumidos do mercado. Entre os tipos de leite, ele é o que mais tem se mostrado desejado, mais até do que o leite desnatado.

O motivo é que o leite desnatado pode possuir uma quantidade mínima de gordura, mas, ainda assim, passa por alguns processos químicos para chegar à forma final que é comercializada. Logo, a produção do leite em forma orgânica, por mais trabalhosa e detalhada que seja, ainda se mostra uma rentável e popular forma de venda.

Até mesmo porque, a indústria paga cerca de 60% a mais pela produção do leite orgânico.

Leite orgânico

Preço do leite orgânico

O preço do leite orgânico é algo muito variado. Afinal, assim como outros produtos, existem locais que podem cobrar mais e outros menos por esse tipo de produto. Além disso, tudo depende também da forma como ele é vendido e da marca.

O leite em pó, por exemplo, pode ser vendido por um preço de R$ 30,00 a depender da marca. O leite orgânico ainda também pode ser encontrado na versão vegetal, como o leite de arroz que custa em torno de R$ 20,00 a R$ 30,00.

Ainda assim, é uma ótima opção para quem procura aliar saúde, bem-estar e uma forma de vida muito saudável. Assim, o leite orgânico vai, aos poucos, se mostrando uma alternativa valiosa e útil para diversas formas de consumo.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo