Lentilha destaca benefícios para a saúde e faz parte de superstições

Inicio » Agricultura » Lentilha destaca benefícios para a saúde e faz parte de superstições
07/08/2019 Por
Lentilha destaca benefícios para a saúde e faz parte de superstições

Conheça a lentilha e descubra os seus principais nutrientes e propriedades

De acordo com descobertas arqueológicas recentes, a lentilha é um alimento produzido há muito tempo, cerca de 8000 anos. Não à toa, ela foi a base da dieta de diversos povos, sendo inclusive citada em livros sagrados como a Bíblia, por exemplo.

Mas, além de ser plantada e consumida há muitos e muitos séculos, a lentilha também possui uma série de benefícios para nossa saúde. Além disso, é um alimento com baixa quantidade de calorias e grande poder de saciedade; podendo ser utilizada como um auxiliar em dietas que tem a perda de peso como objetivo principal.

Lentilha traz diversos benefícios mas deve ser consumida com moderação

O que é lentilha?

Lentilha é uma leguminosa da espécie Lens scumenta. Relatos indicam que o seu cultivo se iniciou no norte asiático, entretanto ela pode ser encontrada nas mais diversas partes do globo; sendo que o fato de ser facilmente cultivada uma das razões que contribui para isso. Trata-se de um alimento famoso pelos benefícios e nutrientes que apresenta.

A leguminosa é rica em vitaminas e minerais, tendo pouquíssimas calorias por porção. Até mesmo por isso, muitas pessoas empregam as lentilhas como substitutas do feijão no dia a dia. Entretanto, no Brasil é mais comum que elas sejam preparadas em ceias ceias de ano novo e natal.

Também vale lembrar que, geralmente, ela é mais cara que o feijão, o que faz com que muitas pessoas acabem optando pela opção ais tradicional e barata. Além disso, quando consumida por pessoas que possuem o ácido úrico elevado, podem provocar reações como o incentivo de crises de gota, por exemplo.

Quais são os benefícios da lentilha?

Como citamos anteriormente, os benefícios da lentilhas são muitos. A leguminosa está repleta de nutrientes que atuam em nosso corpo trazendo inúmeras vantagens.

Além de ajudar a melhorar questões envolvidas com o bom funcionamento do organismo, essa leguminosa também pode contribuir para mudanças positivas no que se refere à nutrição do corpo e até à prevenção de doenças perigosas.

Confira, a seguir, algumas das principais benefícios da lentilha para a saúde.

  • Auxílio em tratamentos de osteoporose e melhora na qualidade óssea

Sabe-se que receitas com lentilha podem auxiliar em tratamentos de osteoporose, melhorando a qualidade óssea dos pacientes. Isso acontece pois o alimento possui grande quantidade de cálcio e isoflavonas. Tratam-se de compostos naturais e que podem auxiliar no crescimento e fortalecimento de nossos ossos.

  • Rica fonte de vitaminas e minerais

Uma vez que é rica em diversas vitaminas, principalmente as do complexo B, a lentilha serve como um catalisador para sistemas importantes de nosso organismo, como o imunológico, o digestivo e até mesmo o nervoso. Assim, podemos dizer que ela serve para um melhor funcionamento de nosso corpo e uma melhora na qualidade de vida.

Além disso, o ácido fólico e a vitamina B6 ajudam a controlar os níveis de homocisteína, aminoácido que em altas concentrações traz prejuízos à parede das artérias, aumentando consideravelmente os riscos de doença cardíaca, principal causa de morte do tempo em que vivemos.

Por fim e não menos importante, é interessante dizer que outros nutrientes da lentilha, como o zinco, potássio e magnésio propiciam intenso relaxamento dos músculos e dos vasos sanguíneos, diminuindo a pressão arterial. Outros minerais presentes no alimento podem, inclusive, auxiliar no funcionamento cerebral.

Lentilha traz diversos benefícios mas deve ser consumida com moderação

  • Prevenção da anemia

A anemia é uma doença gravíssima, que é causada pela notável diminuição de hemácias em nosso sangue. Consequentemente, isso acaba comprometendo a oxigenação de todos os nossos tecidos, nos deixando sem energia, ou seja, com extrema fadiga. Em casos muito graves, o paciente pode até mesmo morrer.

Assim, os nutrientes da lentilha surgem como uma forte alternativa para prevenir essa doença e garantir no nosso bem estar e saúde. Isso porque a leguminosa é rica em ferro, podendo suprir a necessidade desse nutriente em nosso organismo. Para vegetarianos, ela pode inclusive substituir a carne vermelha, por exemplo.

  • Auxílio em dietas

Certamente você já deve ter ouvido por aí que a lentilha emagrece. E isso é verdade! Devido às fibras nela presentes, ela pode ajudar na perda de peso. Isso porque, além de auxiliarem no processo digestivo de maneira geral, elas ainda proporcionam uma sensação de saciedade.

Dessa maneira, ela induz as pessoas a comerem menos do que o convencional. Além disso, suas proteínas contribuem para a redução do apetite e podem ser benéficas até mesmo para o ganho de massa muscular, uma vez que são substâncias fundamentais para a construção e reparo desse tecido.

  • Combate ao câncer

As fibras mais uma vez promovem benefícios da lentilha à saúde, nesse caso ajudando a evitar o câncer colorretal. Dietas ricas em fibras têm sido bem documentadas como preventivas para este tipo de tumor.

Lentilha traz diversos benefícios mas deve ser consumida com moderação

Consumo da lentilha no ano novo

O consumo da lentilha durante a ceia de ano novo é uma tradição impulsionada pela superstição que faz parte dos costumes de boa parte dos brasileiros. Isso porque, por ser considerada um alimento de formato similar ao de moedas, diz a lenda que o seu consumo na entrada de um novo ano é capaz de trazer dinheiro e prosperidade.

Lentilha em excesso pode ser prejudicial

Apesar trazer muitas vantagens para o ser humano, vale dizer que quando consumidas em excesso, os tipos de lentilha podem ser prejudiciais para nossa saúde. Isso porque devido a grande quantidades de fibras presentes nela, podemos sofrer com uma série de problemas, como por exemplo:

  • Retardamento de açúcares e gorduras pelos nossos tubos digestivos;
  • Atuar como um laxante natural, o que em certas ocasiões pode ser prejudicial e desconfortável;
  • Dificultar a absorção de nutrientes importantes como zinco, cálcio, magnésio, cobre e ferro, todos também presentes em altos níveis na lentilha;
  • Deterioramento da pele;
  • Excesso de lisina, que é um aminoácido que em grande quantidade pode aumentar os níveis de colesterol, provocar cólicas e diarreias, formar cálculos biliares e também prejudicar os rins, levando a uma insuficiência renal;
  • Aumento do nível de toxinas em nosso organismo.

Além disso, vale dizer que pessoas que tem intolerância ao alimento, obviamente, não devem consumi-lo. Indivíduos que possuem alergia a amendoim provavelmente também são sensíveis à lentilha, uma vez que ambos são da família das leguminosas e, portanto, não devem ingerir nenhum dos dois alimentos.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo