Margarida é flor ornamental de grande destaque no agronegócio brasileiro

Inicio » Agricultura » Margarida é flor ornamental de grande destaque no agronegócio brasileiro
24/09/2019 Por
Margarida é flor ornamental de grande destaque no agronegócio brasileiro

O mercado de flores ornamentais como a margarida movimenta 10 bilhões de dólares no agronegócio nacional

Conhecida por vários nomes e também símbolo dos enamorados, a margarida é uma planta ornamental muito requisitada para decorar ambientes internos e jardins. Tal procura se deve à beleza de seu formato e cores que, há gerações, encantam pessoas de todas as partes do mundo.

No Brasil, a margarida tem importância não só simbólica, mas econômica também. Portanto, ela integra o mercado de flores ornamentais do agronegócio brasileiro que emprega diretamente mais de 190 mil pessoas.

margarida

O que é margarida?

Margarida é uma flor campestre que se originou na Ásia e Europa. As pétalas da margarida são alargadas e delgadas. Já suas folhas são ovais. As pétalas geralmente são brancas e o botão central é dourado. O caule é afinado e pode medir entre 60 centímetros a 1 metro.

O termo margarida vem do latim margarita, que significa “peróla”. Uma das características da planta é que ela costuma abrir durante o dia e se recolher com a chegada da noite.

A margarida pertence à família das Asteraceae e tem parentesco com os crisântemos e girassóis.

A flor é conhecida por vários nomes, sendo os mais famosos:

  • Bonina;
  • Olho de boi;
  • Bem-me-quer.

Os significados da margarida

Desde a antiguidade, a margarida é vista como uma flor que simboliza as donzelas. Isso se deve ao aspecto frágil e suas cores delicadas, que passam a impressão de pureza, inocência, delicadeza.

Além dessas simbologias, a margarida está associada também à bondade, paz, amor e afeto.

Atualmente, existem mais de 20 mil espécies de margaridas e parte considerável com significados e simbologias próprias. Vejamos algumas delas em seguida.

margarida

Margarida amarela

A margarida amarela é uma planta que se origina dos Estados Unidos e uma das espécies mais famosas da flor. Sua diferença em relação à tradicional são as suas folhas inteiramente amarelas e o botão negro. Tal característica a faz ser conhecida nos EUA como “Susan de olhos pretos”.

O significado da margarida amarela, ou seja, a simbologia à qual está associada, é de amor leal e fiel.

Margarida vermelha

Também conhecida como margarida rosa, sem dúvida, não é tão popular quanto as suas irmãs brancas e amarelas, mas também faz sucesso nas decorações. Suas folhas são vermelhas ou rosas até e o botão amarelado.

A simbologia à qual a margarida vermelha está associada é a de impulso amoroso.

Margarida azul

Ainda menos conhecida do que suas irmãs, a margarida azul é uma planta perene e macia. Pode ser encontrada na África do Sul.

Seu azul brilhante e aberto faz com que a flor seja associada a sentimos de felicidade, alegria e contentamento.

Mercado de flores no Brasil

O mercado de flores ornamentais representa um importante setor para o agronegócio brasileiro. Estima-se que seja responsável pelo emprego direto de mais de 190 mil pessoas. Outra estatística que mostra o peso desse mercado para a economia nacional é a de que o valor anual movimentado chega a 10 bilhões de reais.

Como não está tão arraigado na cultura brasileira o hábito de presentear com flores, ou ao menos caiu muito em desuso por muitos considerarem brega ou antigo, esse mercado tem um potencial de crescimento enorme.

Primeiro porque na Europa o mercado de flores é fortíssimo e os europeus são apegados à tradição. Por esse motivo, não enxergam problema no ato de presentear com flores. Segundo, porque as flores são belíssimas de fato – quem pode negar?

Por isso, especialistas e associações da área investem para mudar a opinião dos brasileiros, especialmente os mais jovens, sobre o ato de compra de flores para presentear alguém, especialmente em datas comemorativas.

São Paulo é o estado que mais produz flores no Brasil. Números de 2018 mostram que somente o estado paulista foi responsável pela exportação de 62% do valor produzido por este mercado. Colocando isso em números, São Paulo exportou 8,41 milhões de dólares dos 13,5 milhões produzidos pelo país no total.

Em se tratando de floricultura especificamente, os paulistas faturaram 5,67 bilhões em 2018. Cifras que representam 70% do que foi lucrado no Brasil com a comercialização de flores. Ótimos números, não é mesmo?

margarida

Por que comprar flores?

Para tentar estimular mais o mercado de flores no Brasil, campanhas anunciando os benefícios de se comprar plantas estão recebendo investimento.

Uma das causas apontadas como favoráveis para a compra de flores é a qualidade do ar. Estudos científicos comprovam que plantas como samambaias e palmeiras são capazes de reduzir o acúmulo de gases tóxicos em ambientes fechados, o que é ótimo, principalmente em locais de muita poluição.

  • A produtividade de trabalhadores comuns aumenta

Outras pesquisas também apontam que flores e plantas podem melhorar o humor das pessoas e, com isso, aliviar o estresse. Assim, esses efeitos são sempre bem-vindos em locais de trabalho. Quem se sente mais relaxado, pode ter um desempenho melhor. Com isso, todos saem ganhando.

  • Os pacientes de hospitais agradecem

Se a melhora do humor e a redução do estresse funcionam com trabalhadores presos em escritórios, certamente também funcionam com pacientes internados em hospitais. Casas de saúde que se preocuparam ou tiveram condições de investir em jardins e áreas com flores e plantas apresentaram pacientes com recuperação mais rápida.

  • As cidades também agradecem

E os efeitos listados acima provocados pelas flores como margaridas podem atingir escala maior ao serem implementadas nos grandes centros urbanos. Além de melhorarem o humor, reduzirem o estresse e purificarem o ar, as plantas ainda fornecem um grande benefício em tempos modernos: diminuir a temperatura. Em um momento onde o aquecimento global é cada vez mais discutido, é importante conhecer este benefício das flores.

Em termos mais práticos, portanto, na cidade, isso significa reduzir os efeitos desgastantes das chamadas ilhas de calor, grandes zonas urbanas asfaltadas e poluentes que abrigam uma grande densidade populacional.

Não podemos negar que há grandes vantagens em se adquirir flores e plantas. Assim, não se trata apenas de uma ação marqueteira para vender mais. Seja com uma margarida ou qualquer outra espécie de flor, tanto você quanto o mercado do agronegócio se beneficiam de várias formas. Então, invista na beleza e na sua qualidade de vida!

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo