Mula é mamífero originário do cruzamento do asno macho com a égua

Inicio » Agronegócio » Mula é mamífero originário do cruzamento do asno macho com a égua
02/10/2020 Por
Mula é mamífero originário do cruzamento do asno macho com a égua

Mula é o animal de carga mais utilizado no mundo. A mula consiste no animal de carga e trabalho mais utilizado no mundo, sendo altamente valorizada por sua resistência natureza dócil.

Em alguns estados brasileiros, bem como em alguns países do norte da África e do sudeste da Ásia, por exemplo, a mula puxa carrinhos de mercado, auxilia os proprietários no cultivo do solo e transporta pessoas ao longo de terrenos acidentados.

Mula

O que é mula?

Mula é um animal doméstico criado por cruzamento de burros machos com éguas. Atualmente, o híbrido pode ser encontrado em todo o mundo. Em geral, esses animais são usados para puxar arados, montar e transportar cargas pesadas.

Contudo, a partir da segunda parte do século vinte (com a modernização da agricultura), algumas mulas foram gradualmente substituídas por tratores e caminhões em grande parte dos países. No entanto, muitos agricultores da China, México e Brasil ainda dependem muito das mulas.

Embora as mulas sejam mantidas principalmente como animais de trabalho, elas também são usadas frequentemente para corridas e diversas exposições.

Mulas

O ditado antigo “mais teimoso do que uma mula” não poderia estar mais errado.

De fato, especialistas acreditam que as mulas são animais mais dóceis se comparados aos seus pais, os chamados “asnos”. Contudo, a inteligência característica da mula também implica em uma maior cautela e consciência de perigo. Assim, as mulas tendem a tomar mais cuidado enquanto andam e atravessam terrenos arriscados.

Além disso, mulas vivem mais, comem menos e são mais resistentes do que cavalos equivalentes em tamanho. Isto é, a mula não requer tanto comida, além de apresentar uma resistência maior em paralelo com cavalos que possuem as mesmas medidas de altura e peso.

Sem dúvida, isso torna esse animal de carga resistente a alguns dos ambientes mais inóspitos ou adversos. Além disso, a pele de uma mula não é tão sensível quanto a de um cavalo, tendo maior resistência à chuva e ao sol.

Por isso, as mulas são uma alternativa confiável para trabalhadores e proprietários que atuam em áreas externas, com exposição ao sol ou clima severo.

Mula

Criação de mulas

Na segunda metade do século vinte, a criação de mulas e seu uso generalizado caiu nos países industrializados. Afinal, o uso de mulas para a agricultura e transporte de produtos agrícolas deu lugar ao vapor, depois aos tratores e caminhões.

No entanto, a criação de mulas ainda apresenta muitas vantagens, sendo usadas extensivamente para transportar carga em regiões acidentadas e sem estradas. Afinal, as mulas têm cascos mais duros do que os cavalos, o que as torna ideais para terrenos rochosos.

Isto é, seus cascos têm menos probabilidade de se partir ou rachar, podendo suportar trilhas montanhosas e solos pedregosos. Para muitos proprietários em todo o mundo, que não conseguem substituir regularmente as ferraduras, isso significa que as mulas são mais baratas de se manter.

Além disso, a mula herda de seu pai os traços de inteligência, firmeza, resistência, disposição e cautela natural. De sua mãe, a égua, ela herda a velocidade, a obediência e a agilidade. Assim, tornam-se animais mais fáceis para a lida.

Em geral, as mulas são mais altas que os burros e têm melhor resistência do que os cavalos, embora com uma velocidade máxima um pouco mais baixa. Apesar disso, os criadores de animais de carga geralmente acham as mulas preferíveis aos cavalos.

Afinal de contas, as mulas mostram mais paciência sob a pressão de pesos pesados, e sua pele é mais resistente e menos sensível que a dos cavalos, tornando-as mais capazes de resistir ao sol e à chuva.

Como mencionado, seus cascos são mais duros que os dos cavalos, e elas também mostram uma resistência natural a doenças e insetos. Por isso, muitos agricultores brasileiros com solo argiloso encontraram nas mulas os animais perfeitos para o trabalho.

Nas circunstâncias ideais, as mulas podem viver até 50 anos! De fato, embora a vida útil média da mula seja entre 35 e 40 anos, sabe-se que algumas mulas vivem até os 50 anos, especialmente se bem cuidadas.

Mula é estéril?

A mula é estéril? A resposta é sim, embora haja exceções. Ou seja, 99,9% das mulas são estéreis. A esterilidade se deve a um desequilíbrio na contagem dos cromossomos, embora existam raros casos registrados de mulas que deram à luz.

Mula

Origem da mula

A origem da mula pode ser um tanto quanto complicada de determinar. Contudo, sua ascendência com certeza começou com a origem de seus progenitores, ou seja, o asno e a égua. Sendo assim, é provável que as mulas tenham sido concebidas na natureza em áreas onde tanto a égua quanto o burro ocupavam o mesmo espaço e território.

Sabe-se que a mula foi deliberadamente criada pelo homem desde os tempos antigos. Afinal, o cruzamento de um burro com uma égua é o híbrido mais comum e mais antigo conhecido. Diz-se que os habitantes da Paflagónia e Nicéia (as partes norte e noroeste da Turquia moderna) foram os primeiros a criar mulas.

Além disso, as mulas já eram conhecidas no antigo Egito antes mesmo do ano três mil antes de Cristo. De fato, os faraós enviavam expedições de mulas ao Sinai para minar as pedras turquesa. Sabe-se disso pois os mineiros marcavam sua rota usando esculturas rochosas onde exibiam mulas e barcos, e não camelos, como a maioria imagina.

Naquele tempo, as mulas eram, sem dúvida, o animal de carga favorito dos egípcios. Afinal, enquanto os faraós do antigo Egito eram transportados em macas por seus servos, o restante do povo utilizava carrinhos puxados por mulas. Por exemplo, um monumento do Tebas retrata mulas puxando carruagens.

Não obstante, as mulas também eram muito valorizadas na Grécia antiga, para uso como animais de carga e carruagens. Enquanto os barcos eram usados ​​durante longas distâncias na Grécia antiga, como o país era parcialmente um grupo de ilhas, o cidadão comum raramente saía de sua área de origem e dependia da mula como o meio de transporte mais comum.

Na Roma antiga, por sua vez, a mula era usada para transporte, pois sua incrível força e resistência eram conhecidas por todos. Assim, os soldados romanos eram famosos por transportar grandes quantidades de equipamentos e armaduras com mulas.

Compartilhe sua opinião

Agro20 | Portal Vida No Campo